Abrir menu principal

Desciclopédia β

Lugar entre um andar e outro dentro do elevador

Tio da Sukita doido pra ver não só o lugar entre um andar e outro dentro do elevador, mas um outro lugar dentro de outro lugar da sua acompanhante. E eu não estou me referindo ao que está dentro da latinha de Sukita!

Cquote1.png Tio, aperta o 21 pra mim? Cquote2.png
Gatinha da Sukita sobre sair do lugar entre um andar e outro dentro do elevador, e especialmente deixar o Tio da Sukita chupando dedo.
Cquote1.png EU QUERO SAIR DAQUI!!! Cquote2.png
Você sobre ficar preso no lugar entre um andar e outro dentro do elevador.
O lugar entre um andar e outro dentro de um elevador é algo extremamente difícil de se definir o que é, é tal como estar debaixo de uma escada, só que por um instante de tempo normalmente bastante imperceptível e rápido, exceto se o dito cujo ficar preso entre dois andares, único momento que você percebe que de fato existe o lugar entre um andar e outro dentro de um elevador, só que creio que você não curtirá permanecer nesse lugar por muito tempo, a não ser que você esteja sozinho com uma gostosa e ela esteja TÃO a fim de você que quem sabe vai ter festa no elevador.

Índice

LocalizaçãoEditar

Normalmente, é sempre entre um andar e outro, no súbito instante em que o marcador de andar do elevador muda de um para outro. É um momento extremamente rápido, exceto em elevadores feitos em 1900 e guaraná com rolha, que ainda são puxados à mão. Entretanto, a localização às vezes pode ser subitamente alterada. Na fábrica de vassouras do Pica-Pau, por exemplo. Lá, o elevador pode fazer algo nunca dantes visto na história desse país: andar de lado entre os apartamentos/salas do prédio. Mais que isso: ele consegue também sair de dentro do prédio por alguns instantes, até ejetar coisas e seres indesejáveis de dentro do elevador.

  E lá vamos nós!  
Bruxa sobre ser despejada pelo elevador do Pica-Pau

Alguns elevadores, como os do CFCH (um prédio da UFPE) possuem ainda uma característica ainda mais impressionante: o de entrarem em outra dimensão. Sim, caro “telespequi”, ele sai de um andar para outro tão rápido, que se torna impossível chegar ao lugar entre um andar e outro dentro do elevador, passando-se as vezes do 6º andar pro 9º andar quase que automaticamente, sem passar pelos 7º e 8º andares. Esse fenômeno é tão impressionante que dizem que alguns alunos de sociologia daquele mesmo prédio estão fazendo monografias a respeito desse fenômeno sociológico. E calma: ninguém que viu esse fenômeno estava sob efeito das dorgas, ou mesmo sofria de distúrbios mentais (ou sim), senão seria monografias do curso de psicologia...

Pane no lugar entre um andar e outro dentro do elevadorEditar

Em caso de pane quando o elevador está justamente no lugar entre um andar e outro, é um momento bastante ruim. E ao contrário do comercial da Axe, dificilmente você fica preso com uma gostosa doida pra “dar” dentro do elevador. Normalmente você está é ou com o elevador quase que superlotado, ou com um gordinho suadão, ou uma velha coroca e mais acabada que a Bruxa do 71, ou uma tiazinha baranga, ou um viado (pior caso, já que as chances de você também virar um são grandes nessa situação) ou um peidão (esquece, esse caso é que é o pior). Tome muito cuidado, em especial se as luzes apagarem. As chances de você descobrir que está pegando uma baranga ou um travesti quando a energia voltar são gigantescas.

DesesperoEditar

Em caso de desespero/falta de ar/emisse:

  1. Comece a rezar;
  2. E reze muito;
  3. Quando eu digo “muito”, é MUITO MESMO!
  4. Não fique gritando feito otário, talvez ninguém te ouça, e se tiver alguma gostosa na área, vai pensar que você é só um viado medroso;
  5. Se tiver uma gostosa desesperada, abrace ela. Pouco importa até se ela é casada e já tem mais 3 amantes de sobra, naquele momento ser o quarto amante vale muito;
  6. Nunca faça como nos filmes. Não tente abrir o teto pra sair pelo fio por cima, MUITO MENOS tente abrir a porta e sair. Nesse último caso, se você fizer isso, as chances de virar patê quando chegar ao chão são muito grandes. E se não virar quando cair, vai virar quando o elevador, ao reativar com todo vapor, realizar uma viagem que talvez não seja realmente necessária bem em cima da sua cabeça.

Ver tambémEditar