Abrir menu principal

Desciclopédia β

Maldição da Sopa Chunky


A Sopa Chunky foi eleita MVP do Super Bowl de 2006
McNabb, primeiro ser a ser atacado pelas duas maiores maldições do futebol americano

Cquote1.png Isto ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre a maldição da Sopa Chunky
Cquote1.png Não posso parar. Não devo parar. Devo continuar apoiando Chunky até ela me matar Cquote2.png
Donovan McNabb sobre a maldição da Sopa Chunky
Cquote1.png Cuidado. Isto pode te levar ao Lado Rosa da Força Cquote2.png
Michael Strahan sobre a maldição da Sopa Chunky

A Maldição da Sopa Chunky é uma das maiores pragas conhecidas da humanidade, após a Maldição da Capa do Madden.

Índice

VítimasEditar

Primeira EraEditar

 
Terrell Davis, em pintura rupestre datada de 50.000 a.C.
  • Kurt Warner: Após sair de uma universidade clandestina que tinha uma fábrica de enlatados como fachada, Warner apareceu em dois Super Bowls, ganhou um, até decair para jogar no Arizona Cardinals, que significa a mesma coisa de estar jogando no Íbis.
  • Reggie White: Vítima do efeito retardado da Maldição, contraiu a doença em 1998 e morreu em 2004.

Segunda Era: A Sopa vai à GuerraEditar

Em A.D. 2002, a sopa tinha escolhido três hóspedes da maldição: Brian Urlacher, Michael Strahan e Donovan McNabb.

Urlacher começou a se estourar com frequência, Strahan idem, além de ter sido suspeito de não seguir a Lei de Gil. McNabb até hoje sente os efeitos. Urlacher e Strahan se recuperaram cedo (ou não).

Após se cansar dos três, a Sopa encontrou Todd Heap, que desde então tem se recuperando de uma síndrome que o faz agarrar desesperadamente toda lata de sopão Maggi que encontra.

 
Segura esse brilho Joe!

A Saga de McNabbEditar

 
Um caso de amor

Desde 2002, Chunky atacou McNabb de várias formas, desde um tornozelo quebrado até hérnia e a pior de todas as consequências da maldição: Terrell Owens, eleito pelo Pudim.com.br o ser humano mais cuzão de todo o mundo e além. Sem contar o ataque da Maldição da Capa do Madden. McNabb é perseguido até hoje, e nunca mais conseguiu jogar uma temporada completa.

Roethlisberger e a maldiçãoEditar

 
Roethlisberger contraiu albinismo após a maldição

Roethlisberger parece ser a vítima preferida da maldição. Primeiro, ela impediu que o Pittsburgh Steelers chegasse à 16ª vitória na temporada regular. Após isto, Ben estourou o joelho.

Mas o pior estava por vir: Em uma tarde de verão, em 2006, Ben saía para trabalhar de moto. Até que encontrou um furgão descontrolado (na verdade, guiado pela Sopa Chunky), acerta a moto de Ben. Ele cai e arrebenta a cara. Mesmo assim, ele ganha o Super Bowl, mesmo após uma atuação patética.

Após ter assinado um contrato megastronômico que lhe deu 100 milhões de dólares, Ben deu metade do bônus para a Associação de Vítimas de Maldições. Vence outro Super Bowl, porém, desta vez, com ajuda do juiz, que foi eleito o MVP do jogo após conseguir 7 tackles e 4 sacks, parando o ataque dos Cardinals.

A Maldição contra-atacaEditar

Logo quando Urlacher pensava ter se livrado da Maldição, ela aparece de novo, e afastra-o pelo resto da temporada.

 
A maldição atacou o Benfica também

Ver tambémEditar

v d e h