Abrir menu principal

Desciclopédia β

Menininho que mora na rua de baixo

Patrick.gif "Não, cê é burro cara, que loucura..."

Este artigo é sobre algo ou alguém burro ou completamente imbecil.

Provavelmente usa Oi Velox e digita "kkk"...
O garoto antes de descobrir a gilette em sua maçã.


Cquote1.png Na União Soviética, o menininho que mora na rua de baixo não conhece VOCÊ!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre o menininho que mora na rua de baixo

O menininho que mora na rua de baixo é uma criança que mora na rua debaixo e que nenhuma outra criança jamais viu. (E ninguém sabe seu nome também...) Isso é porque o menino já morreu várias vezes e de várias maneiras diferentes. O sujeito só surge quando sua Mãe e/ou Avó estão tentando te explicar porque você não deve fazer algo.

Predefinição:Makes sense

Índice

Morto por doceEditar

 
Sua tia sente-se muito mal pelo menino.

Em sua casa, ou na casa de um amigo ou parente, sempre tem aquele pote de Bala Soft no meio da sala. Elas parecem ser boas de comer, e geralmente são, mas, o menininho da rua de baixo morreu comendo uma. Não há nada de errado com a balinha, mas a Tua mãe vai dizer; O que matou o menino foi que ele não deu ouvidos a moça que o deu as balas e começou a correr pela casa enquanto as comia e tropeçou no chão (ou nos cadarços). Isso fez ele engasgar e entalar a bala em sua garganta, sufocando-o até a morte. A moça que o deu a bala se sentiu horrível pelo fato.

 
Os famosos assassinos.

Morto por doce, Parte 2Editar

Na casa de sua tia tem uma caixa de huevitos. Você está pronto para colocar um na boca quando ela te fala que eles não são seguros para comer. Como resultado, ela te conta a história do filho do melhor amigo da sua tia, um menininho que mora na rua de baixo e que, um dia, foi visitá-la e comeu um desses huevitos. Aquela noite, ele ficou doente por comer um e acabou morrendo. O médico disse que foi uma morte horrível, causada pelo fato dos huevitos serem fornecidos a granel no depósito, aonde ratos mijam sobre eles.Quando você pergunta por que a caixa de huevitos ainda está lá se o doce matou esta criança, eles dizem que é porque está ali de enfeite, mesmo duvidando que uma caixa de doces mijados possa servir de enfeite, você fica quieto. Quando você pergunta o qual era o nome do menino, ela diz "não me lembro", e quando você pergunta como ela pode ter esquecido o nome do filho do melhor amigo dela, eles te põe de castigo por ser "curioso". No entanto, sua tia ainda se sente absolutamente mal pelo acidente ocorrido com o menino.

Morto por correr com a tesoura na mãoEditar

 
Scissor Sisters, os primeiros a sobreviver a brincadeira com a tesoura.

Em sua casa, ou na casa de um amigo ou parente, terá uma tesoura com pontas que você talvez precise para cortar algo, mas você não tem liberdade para pegá-la. Porquê? É porque o menininho da rua de baixo veio e disse que sua mãe precisava de uma tesoura e perguntou se poderia pegar aquela emprestada. Mas o garoto não deu ouvidos a moça que o emprestou aquela tesoura, e começou a correr pela casa com ela, quando tropeçou no chão (ou nos cadarços), e morreu quando sentiu a pontada da tesoura, perfurando-o. A moça que o emprestou a tesoura se sentiu realmente triste pelo fato.

Morto pela latinha de refrigeranteEditar

Em sua casa, terá um abridor de latas. Você quer brincar com ele, ou somente usá-lo para abrir uma lata, mas se você tentar, vai correr o risco de cortar fora todos os seus dedos. Do mesmo jeito que aconteceu com o menininho da rua de baixo. Ele não deu ouvidos a mãe, e agora, seu sonho de ser um pianista de concerto está destruído. Após cortá-los fora, os dedos foram infeccionando e ele morreu de infecção generalizada e fratura exposta. No entanto, deveria ter sido apontado que mesmo que ele não tivesse cortado os dedos, ele morreria pelo vírus que foi carregado na lata e despejado na comida, quando líquido passou pela tampa da lata e foi misturado com a comida. Mas a mãe dele não pensou nisso e só sentiu pena.

Morto por envenenamentoEditar

Com 10 anos de idade, assistindo a aula de estudos sociais, seu professor olha para você como uma louca, pois você estava com a ponta do lápis na boca. Então, o professor conta a história daquele mesmo menino que, na verdade, era aluno dele e fez exatamente a mesma coisa, colocando a ponta do lápis na boca. O menino teve uma morte excruciamente lenta e dolorosa de envenenamento pelo lápis. A garota que senta atrás de você se sentiu muito mal pela história do pequeno menino, que não teve tempo de ir atrás de ajuda.

Morto por sentar muito perto da televisãoEditar

Em sua casa, ou na casa de um amigo ou parente, terá uma televisão, e você vai precisar sentar pelo menos a 5 metros de distância da tv para assistir com segurança. Porquê? Porque sua mãe sabe sobre um garoto que mora na rua de baixo que sentou muito perto da tv em casa, e agora está estéril e nunca vai ser capaz de fazer um filho. Isso também arruinou a visão do menino, mas isso não foi a pior coisa que aconteceu com ele.

De fato, ele na verdade morreu de um tumor cancerígeno causado pela radiação emitida pela televisão. Os pais do garoto se sentem mal por isso.

Assassinado pelo caminhão de sorveteEditar

Na sua rua, tem um caminhão de sorvete que passa todos os dias. Mas você não tem permissão pra ir lá comprar sorvete, porque o menininho da rua de baixo uma vez, comprou um pouco de sorvete, e havia uma lâmina de gilette escondida lá que fez com que ele cortasse a língua e ao engolí-la, morresse sufocado. E como se não bastasse, um pedaço da camisa dele ficou prensada na porta do sorvete, e o garoto foi arrastado por várias quadras antes que a camisa rasgasse e ele fosse esmagado pelas rodas. Então, o bom homem raptou-o e vendeu-o a um Japonês que aparentava ser um homem de negócio rico, com propósitos desconhecidos. Sua irmã mais velha se sentiu tão triste por ele dar 1 real pelo sorvete, que foi para o quarto e fez um picolé ela mesma.

Casa Mal-AssombradaEditar

 
Humm... Parece-me interessante.

Em sua rua, ou na rua onde um parente vive, há uma velha e abandonada casa que parece esconder todos os tipos de tesouros. A janela está aberta, e o matagal no jardim está a 1 metro de altura. Ela está praticamente te implorando para explorá-la. Sua mãe ou seu pai, tio, tia ou até parentes, no entanto, repetiram diversas vezes para você nunca ir a uma casa abandonada. Você pergunta o porquê. Eles dizem que é porque, não muito tempo atrás, um menininho que vivia na rua de baixo foi considerado desaparecido pelos seus pais. Semanas depois, o seu cadáver foi encontrado em um dos quartinhos no terceiro andar daquela velha casa. Ao que parece, ele se machucou enquanto andava pela casa e acabou se trancando acidentamente no quartinho. Ninguém conseguiu ouvir os gritos desesperador por ajuda do menino, e assustado, o menino decidiu ligar para seus pais pelo celular. Infelizmente, a bateria havia acabado há pouco tempo. Todos da rua se sentiram péssimos pelo incidente, mas ninguém fez nada quanto a isso para não se sentirem "envolvidos" com o caso.

Roubado pelo Homem do SacoEditar

 
Forçado a trabalhar para o Homem do Saco... Pobre garoto.

Você não tem permissão para andar de bicicleta pela quadra. Porquê? Porque na rua onde você ou algum parente vive, havia um garoto não muito cuidadoso. Um dia, ele saiu de casa com a sua bicicleta para dar uma volta na quadra e nunca mais voltou. Depois de virar a quadra, ele foi capturado pelo homem do saco, que o pegou junto com Michael Jackson e o levou contra vontade. Nunca mais foi ouvido falar nele desde então, mas sua mãe achou um saco na frente de casa. Essa foi a maneira do Homem do Saco dizer que sentia muito por ter levado o menino, mas não tão mal a ponto de devolvê-lo.

Brincando com fósforosEditar

Você acha uma caixa de fósforos, e resolve se divertir acendendo-os, mas no minuto em que sua mãe te vê com eles, ela os joga longe e começa a te beijar sem parar e só para na outra semana. Por que você não pode brincar com fósforos? Porque, de acordo com seus pais, havia uma casa na rua de baixo que foi queimada inteira porque o menininho que vivia lá brincava com fósforos. Os pais dele falaram para ele não brincar com os palitos, mas um dia, quando eles não estavam olhando, ele pegou uma caixa que fósforos e acendeu alguns. Segundos depois, as cortinas estavam em chamas. Ele tentou apagar com um copo de água, mas a água se espalhou pelos circuítos elétricos e fez faíscas pela sala toda, incendiando então, os tapetes de lã da sala. O garotinho foi morto pelas chamas, e quanto encontraram seu corpo, descobriram que ele tentou fugir com uma tesoura pontuda na mão, acabou tropeçando e tendo a garganta perfurada pelas pontas afiadas da tesoura, que perfurou também a Bala Soft que estava grudada na garganta do menino. Realmente, as chances de sobrevivência do menininho eram praticamente nulas.

Contudo, os pais dele disseram que se sentiam terríveis sobre o que aconteceu com o menininho, até que o cheque do seguro chegasse para pagar o prejuízo da casa. Então, eles processaram a empresa que fabrica o fósforo, os carpetes e cortinas, a tesoura e a Bala Soft, ganhando muito dinheiro com isso. Com tudo isso, ninguém mais consegue lembrar o nome do menininho, muito menos os seus pais.

Morto pela pornografia na internetEditar

Um certo dia, um menino estava vendo pornografia perto dos adultos, quando a sua mãe viu, e lhe contou a história do menino que mora na rua de baixo que estava vendo pornografia no computador e os seus 10 dedos da mão e mais uns 3 dedos do pé esquerdo caíram fazendo com quê o mesmo efeito sofrido pelo Lula ocorresse com ele, chorar como uma gazela. Depois de um tempo pela exacerbada falta de fluídos corporais o menino que mora na rua de baixo morreu de cirrose aguda, por passar Lico de Cair Pinto nas feridas pensando que era mertiolate, tudo isso depois de cair seu pinto. Depois disso o garoto que estava vendo pornografia na internet entrou em depressão e começou a cortar os pulsos e teve uma morte dupla.

Veja tambémEditar