Abrir menu principal

Desciclopédia β

Metallica (álbum)

DesBoleros em Ingrêis.png Este artigo se trata de um álbum

E provavelmente tem só duas músicas que prestam.

Conheça o resto da playlist clicando aqui.

Cquote1.png Eu nunca vi!!! Cquote2.png
Stevie Wonder sobre Black Album
Cquote1.png É preto? É comigo! Cquote2.png
Chris Rock sobre Black Album
Cquote1.png Eles copiaram nossa capa! Cquote2.png
Jaymz Lennonfield sobre a capa do álbum

A capa do Álbum Negro. Vejam que coisinha mais... fofa!

Black Album é o quinto álbum da banda de pinguços Metálica Alcalina Terrosa, lançado em 1991. O mesmo ano em que Super Mario faleceu de AIDS (o que já não conta muito nesse artigo).

O Álbum Negro foi um álbum (O RLY?) que represntou uma mudança de segmento por parte dos integrantes do conjunto. Dessa vez os bêbados da banda decidiram abandonaram os riffs rápidos do Slash e se tornaram um grupo pop e comercial, para desespero de Cliff Burton que já estava dançando Rebolation no caixão. Em Black Album não houve uma faixa instrumental de mais de 8000 minutos no estilo Pink Floyd porque Kirk Hammett, também conhecido como Ronaldinho Gaúcho, foi comer cachorro quente e só voltou no ano seguinte. O que fez a gravação durar mais de um ano e custar 1 milhão de dólares que eles pegaram emprestado do Sílvio Santos.

Apesar de toda essa merda o Black Album conseguiu ser o vendido da história do Metallica. A crítica criticou aclamando o álbum, e ele ganhou um Grammy e o totalmente excelente 252º lugar na lista dos 500 melhores discos da revista dos Rolling Stones. Isso Implica no fato de que o Álbum Negro é o mais procurado por nerds tr00s que vão ao 4shared e baixam o disco ilegalmente escondido da sua mãe.

A capa do Álbum Negro, sem dúvida, é uma das mais díficeis de se fazer de todos os tempos, superando a do Álbum Branco dos Bítous. A imagem apresenta um fundo preto com o logotipo da banda e uma cobrinha furry de jogo de telefone celular, símbolo da bandeira do Gabão. O lema da bandeira é "Não me encha o saco", que também é o nome de uma das marchinhas do disco.

Resumindo, Black Album é o primeiro álbum do Metallica que não apresenta somente barulheira.

DVDEditar

Em 2004 foi lançado um DVD-Audio 5.1 do Álbum Negro, mas como ele é a mesma coisa do LP, ninguém deu muita atenção. Nem vale a pena comentar sobre ele.

IntegrantesEditar

MúsicasEditar

 
Martin Luther King, ícone negro, fazendo cover do álbum também negro

Canção de ninar de 5 minutos que fala dos pesadelos da vida. Jaime diz a seu filho que não deve se preocupar com o capeta embaixo da cama (O_O). Foi alvo de terrorismo por parte de Dave Mostard e seu Megadeth, em seu plano de vingança contra os Metallica.

James e Kirk mostrando que mesmo tristes, não broxam

  • Holier Than Thou

Um treino de guitarra do Guitar Hero criticando o seu cérebro de gelatina que insiste em não sair da frente do computador. Eles dizem que são mais santos que você e estão comercializando as Pílulas do Frei Galvão.

  • The Unforgiven

Os integrantes falando que não perdoam o Dave. Tem um solo enorme no meio e mais tarde ganhou duas partes, The Unforgiven II e III, onde o vocalista se mostra revoltado com a criação que teve.

  • Wherever I May Roam

Canção composta enquanto eles andavam de moto pelo Alabama. Ela diz que por onde quer que eles vaguem, eles sempre estarão lá!

  • Don't Tread on Me

O tal lema da bandeira do Gabão, imortalizado no Álbum Negro para o povo pesquisar no Google onde realmente fica esse tal país que ninguém nunca viu.

 
Jaime feliz pelo sucesso do Álbum Negro.
  • Through the Never

Os Metallica atravessando o nada. Literalmente.

Musiquinha bonitinha feita por Jaime em homenagem a seu avô, que morreu dizendo que não se importava mais com nada. E continua dizendo que não se importa com o jogo que ele jogava, nem com o que ele sabia.

  • Of Wolf And Man

Canção feita por Jaime, o peludo, contando o que ele faz à meia-noite quando vira lobisomem e sai devorando a população no bar

  • The God That Failed

Fala da morte da mãe de Jaime por causa da Igreja Universal, que a fez recusar tratamento médico. Ele então se revoltou e compôs esse hit mostrando que é um frõ rél.

  • My Friend of Misery

James e Kirk fazendo homenagem ao Martinho da Vila

  • The Struggle Within

Os integrantes falando de sua luta interior para se auto-afirmar como pop e comercial.