Abrir menu principal

Desciclopédia β

Minarete

Cptislamico.jpg الله وحده هو الله وهتلر رسول الله

Minarete é Muçulmano! Isto significa que ele(a) acredita em Alá, Maomé e no Gênio da Lâmpada, além de adorar se explodir.
Este artigo foi trazido por Muhammad e seu autor é membro da Mesquita Universal.

Veja o TAMANHO DA PROPORÇÃO DA COISA! É GRANDE DEMAIS, UIIII! Pena que só os muçulmanos é que podem usá-la, e eles não usam do jeito legal...

Cquote1.png Você quis dizer: Cacetete Cquote2.png
Google sobre Minarete
Cquote1.png Depois dizem que os muçulmanos não gostam de gays... PORQUE ELES PÕEM UM CONSOLO GIGANTE NAS MESQUITAS??? Cquote2.png
Oscar Wilde sobre minarete
Cquote1.png A primeira construída no mundo foi inspirada no meu pau e no tamanho dele... Cquote2.png
Maomé sobre minarete
Cquote1.png Podem tentar, muçulmanos, mas nunca vocês vão conseguir construir um minarete maior que o meu. Cquote2.png
Kid Bengala sobre minaretes

Minaretes (palavra que vem do árabe منارة, Al-Penizum) são torres gigantes, eretas e em formato fálico (ui!) colocadas nas mesquitas. Elas são o equivalente da torre do relógio que se vê na igreja que provavelmente tem perto de sua casa.

HistóriaEditar

Nos tempos de Maomé, os muçulmanos oravam para o deus Sol, que ficava no horizonte, e para isso tinham que encontrar o ponto mais alto da mesquita, que ficava no telhado, obviamente. O curioso é que mesmo em dia de chuva, os muçulmanos oravam no telhado. Essa prática de orar nos telhados foi adotada também pelos favelados no Rio de Janeiro, ainda que adaptada ao cristianismo.

Mas voltando ao assunto, quanto mais a cidade se expandia, mais difícil ficava de ver o horizonte, mais a cidade era coberta pelas trevas...

  Ué, cadê a porra do horizonte?    
Muçulmano depois que percebeu como a cidade cresceu...

Foi aí então que os muçulmanos tiveram a idéia de criar algo que os possibilitasse chegar ainda mais alto pra que eles pudessem ver o fodendo horizonte, e assim poderem orar direito. O problema era, o que seria? Hum, uma escada?

Uma mulher então, cujo nome até hoje é desconhecido, estava transando com seu marido. Então ela viu o tamanho do pau dele, ai como era grande... Na época, havia-se o costume de misturar sexo com religião. Então na hora, a mulher lembrou desse problema dos lugares altos, ao ver o pênis do cara, e ela teve a idéia de construir algo, parecido com as torres dos cristãos, mas que fosse colocado nas mesquitas para que os muçulmanos pudessem orar, e que se chamasse منارة (palavra árabe que significa cacete). Mas como no mundo árabe, mulher não dá palpite, o imame riu da idéia dela. Entretanto, dias depois, o marido desta mulher apresentou sua idéia ao mesmo imame, que ironicamente aprovou a idéia e começou a botá-la em prática.

Mas por questão de respeito, o imame teve de desenterrar o corpo de Maomé para medir o tamanho do pênis dele pra poder construir a primeira mesquita. Foi muito difícil, pois o corpo estava enterrado à mais de 80 anos, todo podre e fodido, e fedia mais que os zumbis que apareciam no clipe Thriller do Michael Jackson.

ControvérsiasEditar

Pelo fato do minarete ser um objeto fálico, certos países onde o falso-moralismo reina, a construção dos minaretes é proibida, por ser considerada como incitação para o homossexualismo. No entanto, os muçulmanos defendem-se dessa acusação dizendo que não há nada de gay numa torre onde eles oram toda semana. Já na Suíça, aonde há uma concentração muito grande de cabras omes, a construção dos minaretes foi proibida, sendo que lá só há 4 minaretes, e 69% dos votantes num referendo mostraram-se a favor da proibição, 24% mostraram-se a favor e o resto não sabe de nada.

Outra controvérsia em relação aos minaretes é o fato de que já houveram organizações de competições gays para ver quem conseguia ir até o topo e sentar nele. Por causa disso, os muçulmanos estão tendo de tomar medidas como comprar repelente anti-gay, mas ainda existem competições desse tipo, de forma clandestina é claro. Esta é a razão pela qual os muçulmanos odeiam tanto os gays, e alguns países muçulmanos até dão pena de morte aos mesmos!

GaleriaEditar