Abrir menu principal

Desciclopédia β

Niels Henrik Abel

Niels Henrik Abel é o único matemático norueguês existente (e daí? A Bulgária nunca teve também mas ninguém se importa). Abel se diferencia de todos os outros por ser o único a virar professor de uma universidade após morrer, nunca ter o trabalho reconhecido e depois ser apagado dos "anais" da história após surgiu Galois que era menos reconhecido que Abel.

MatemáticaEditar

 
Abel foi um dos matemáticos que foram eleitos os com a "melhor aparência", talvez por isso Gauss e o Professor babaca dele estavam tentando ferrar com seu trabalho.

Abel sempre foi pobre, assim como sua família. Abel tinha também a paixão pela Matemática e então, em uma carta, escreveu para Gauss um artigo para que ele visse o seu trabalho de matemática e fosse elogiado por Gauss, mas na verdade ocorreu a mesma coisa que aconteceu com Galois.

O trabalho de Abel sumiu junto com o de Galois e foram pra Puta que Pariu por causa de Gauss. Nem mesmo depois da morte dele ele não pôde fazer nada.

Aliás, o trabalho estava quase ilegível, ele contratou uma editora de quinta categoria para imprimir o seu trabalho que ficou com o mínimo de letras o possível para evitar que o custo aumentasse e ele tivesse que abrir do próprio bolso. Ele se casa nessa época e então se cansa de esperar Gauss ver o seu trabalho (ele tava esperando?) e vai procurar um emprego em universidades.

Ocorre que depois de anos indo para todo lugar ele é negado pois todos acham que ele era um Mendigo.

Para conseguir algum respeito ele tenta solucionar as equações de 5º grau e, Eureca, ele consegue. E depois de um inverno inteiro de trabalho adivinha para quem manda? Para seu professor babaca!

Professor BabacaEditar

Abel era muito bom em matemática e tinha conseguido aulas na escola pública da noruega, por ser muito boa ele conseguiu ser um bom aluno. Abel tinha um amigo e professor que ouco importa o nome, podia ter sido francês, seja como for, ambos viraram muito amigos e ele mandou uma carta pra expressar isso.

 Você será o maior matemático do mundo se viver!   
Professor Babaca

Mal sabia que o professor estava dizendo que ele ia morrer algo e que só se ele vivesse bastante que ele seria um grande matemático. No fim ele acaba fodendo com Abel, ele consegue um emprego que poderia ter evitado que abel morresse de desgosto Frio.

Quando Abel mandou o seu trabalho para seu professor apresentar Abel já tinha morrido e o professor somente pôde falar:

 Puta que pariu! O que foi que eu fiz! 
Professor

No fim, todo mundo queria se redimir por ter ferrado com o cara que tinha inventado uma das operações menos utilizadas no mundo: a De quinto grau.

Depois da morteEditar

Depois da morte, Niels Henrik Abel ganhou uma cadeira na academia francesa de matemática e das artes,um emprego em Berlim e uma pensão para sua família além do devido conhecimento por sua "enorme" contribuição para nós. Não há desculpa, só se sabe que o professor dele acabou sendo assombrado pelo mesmo depois de anos na universidade e morreu de desgosto também.

Matemágicos Matemáticos, geômetras e outros nerds
v d e h

al-Khwarizmi, o impronunciável - Alan Turing - Albert Einstein - André Weil - Bombelli - Bhaskara - Cantor - Manuel Bento de Jesus Caraça - Euclides - Euler, our king! - Fermat, o príncipe - Ferrari - Fibonacci - Galileu - Galois, o rebelde - Goldbach - Gauss, o príncipe - Newton - Inácio do Amaral - Lambe Humberto - Tio Laplace - Tio Omar do Quibe - Veneno Poisson - Pitágoras, o largo - He Man Riemann - Tartaglia, o gago - Jacques Tetas - Recorde - Pascal - Abel, o azarado - Arquimedes - Paul Anônimo - Cardano, o mais azarado - Tales, o pioneiro - Filho duma tenda - Neumann, o atômico - Erdös, o sociável - Cauchy