Abrir menu principal

Desciclopédia β

PeterFurryGabriel.jpg Este artigo foi escrito por furries!!

Por isso, é possível que ele contenha referências a raposinhas, Pokémons ou até mesmo Ursinhos Carinhosos sendo sodomizados por cavalos. Caso você tenha medo de furries, arme-se com um lança-chamas e NÃO leia a pagina abaixo.

O rei leão

Cquote1.png Você quis dizer: O Gay Leão Cquote2.png
Google sobre O Rei Leão
Cquote1.png Plágio! Cquote2.png
Kimba, o Leão Branco sobre O Rei Leão
Cquote1.png Plágio, mesmo! Cquote2.png
Otaku babaca sobre O Rei Leão
Cquote1.png Na União Soviética o Mufasa mata VOCÊ!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre O Rei Leão
Cquote1.png O Sr, é um fanfarrão Sr. Timão!! Cquote2.png
Capitão Nascimento sobre Timão
Cquote1.png Esse Kovu é muito foda!! 666 from hell, manô!! Cquote2.png
Maggot sobre Kovu
Cquote1.png Meu filme favorito Cquote2.png
Michael Jackson sobre O Rei Leão
Cquote1.png Esses dois caras me representam! Cquote2.png
Hippie sobre Timão e Pumba
Cquote1.png Eles são dois machos, de espécies diferentes, e ainda querem criar um filho? Que horror! Cquote2.png
Marco Feliciano sobre Timão e Pumba criando Simba
Cquote1.png Eles só são dois caras do bem, querendo ajudar uma criança... Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre citação acima
Cquote1.png Esse filme é horrível, é coisa do capeta! Cquote2.png
Hater retardado da Disney sobre O Rei Leão
Cquote1.png Muito foda! Melhor filme da Disney! Cquote2.png
Qualquer um sobre O Rei Leão
Cquote1.png Nem Fodendo! Cquote2.png
Fãs de A Bela e a Fera e Aladdin sobre O Rei Leão
Cquote1.png É o leão que anda afeminado! Cquote2.png
Pastor Josue Yrion sobre Scar
Cquote1.png UHUUUL! CARNE FRESQUINHA! Cquote2.png
Nala sobre comer Pumba
Cquote1.png ELA VAI ME COMER! Cquote2.png
Pumba sobre Nala faminta
Cquote1.png Você é o verdadeiro rei Cquote2.png
Mufasa sobre Simba arregando
Cquote1.png Não iria matar seu próprio tio, não é? Cquote2.png
Scar sobre Simba
Cquote1.png Não sou igual a você! Cquote2.png
Simba sobre publicação acima
Cquote1.png FUDEEEEEEEEU CARALHO !! Cquote2.png
Timão, Pumba, Kiara e Kovu sobre rinocerontes malucos
Cquote1.png Eu não disse que ele seria útil? Cquote2.png
Timão sobre Simba salvando a pele de Pumba
Cquote1.png Pode seguir Rafiki, ele conhece o caminho! Cquote2.png
Rafiki sobre qualquer coisa
Cquote1.png QUERO QUE FALE PRA TODOS! Cquote2.png
Simba sobre pressionar Scar a revelar o que fez
Cquote1.png O que você quer que eu faça? Me fantasie e dance a hula? Cquote2.png
Timão sobre plano maléfico de Simba para distrair as hienas
Cquote1.png EU MATEI MUFASA! Cquote2.png
Scar sobre seu irmão para Simba
Cquote1.png ASSASSINO! Cquote2.png
Simba sobre citação acima

O remake: O Rei Pokemão.

O Rei Leão é um dos mais famosos filmes infantis de todos os tempos, ganhador do Oscar de Pior Canção e de Melhor Filme Gay/Emo de 1994 a.C. O filme conta a história de um leãozinho emo chamado Simba, que perde o pai. Esse filme é um dos maiores causadores do aumento de emos no mundo hoje, já que todo mundo que assiste acaba chorando na parte da morte do pai do leãozinho, e também por causa dele, muitas pessoas começaram a cheirar leõezinhos.

Índice

HistóriaEditar

  ATENÇÃO! O texto abaixo pode conter (ou não) um ou mais SPOILERS!

Ou seja, além de deixar o artigo com mais pressão aerodinâmica nas retas e mais estável nas curvas de alta, ele pode revelar, por exemplo, que Gouken sobrevive usando o Poder do Vazio para neutralizar o apaga-luz do Akuma, ou que o Hulk Vermelho é o General Ross.

 

Simba de Quênia de Savana era um leãzinho emo normal. Um dia, seu pai Mufasa, O Rei Leão mostra para ele o reino, mas fala para ele nunca ir até a parte escura do reino (Cemitério dos Elefantes), somente poderia ir aos lugares claros e coloridos. Simba então resolve falar com seu tio emo Scar.

Scar diz para ele ir até o cemitério. Então ele e Nala (uma leoa que vive querendo dar para Simba), vão até o Cemitério de Elefantes. Lá, eles encontram 3 hienas que estavam fazendo uma suruba matinal. As hienas ficam furiosas com Simba e Nala por eles terem interrompido a suruba deles, e resolvem comê-los no jantar (nos dois sentidos). Porém, os leõezinhos são salvos pelo pai de Simba, que chega bem na hora certa (como sempre). Mas eles não sabiam que Scar era o líder das hienas. Scar então arma um plano: Matar Mufasa (O Rei Leão), e depois matar Simba, para que possa reinar. Daí chegamos a uma das cenas mais tristes do filme: A Morte de Mufasa (O Rei Leão). Depois disso todo mundo sabe o resto da história. E se não souberem, FODAM-SE.

PersonagensEditar

SimbaEditar

É o personagem principal dessa merda (exceto no terceiro filme onde o casal hippie formado por Timão e Pumba toma a cena) e o herói da trama toda (ou não). É um Leão com complexo de Hamlet que nasceu no dia 30 de fevereiro de mil novecentos e foda-se, na Pedra Do Gay Rei, e foi amaldiçoado abençoado pelo macaco sensei dorgado maconheiro Rafiki (ele só jogou areia na cara do leão), que lhe apresentou para o reino animal como seu futuro monarca. É filho do rei da porra toda, Mufasa, e da rainha vadia Sarabi. Seu pai mostrou a ele todo o reino e sua futura monarquia de súditos babacas, que ele iria pisar em cima. Depois o miserável ficou todo animado, e saiu por ai zoando, rindo, cantando, pulando e fazendo a farra com animais, criando a maior anarquia nas savanas. Quando Simba era pequeno gostava de viver aventuras e fazia de tudo pra se achar o fodão e ser tão foda quanto seu pai. Mas quando cresceu, após a morte do seu papitchu, e por ele ter sido adotado por um casal de Hippies, ficou molenga, cuzão e meio baitola. Porém o fantasma de seu pai ressurgiu para corrigir o comportamento viado do seu filho, e com a ajuda da bucetuda Nala, conseguiu fazê-lo virar homem depois de uma noite de sexo selvagem. Com isso ele volta para o reino e luta com seu tio pedófilo até ele pedir arrego. Então ele come Nala de jeito e tem uma filha chamada Kiara, que cresce e se casa com o filho bastardo de Scar, e dá início a uma nova geração chata pra caralho.

MufasaEditar

É o mais fodão e másculo da história, ou era até ser assassinado. Ele é o monarca, soberano, rei das grandes savanas africanas. Comeu Sarabi, seu amor de infância, e com ela teve um filho, que ficou meio broxado com passar do tempo. Ele mora na Pedra do Gay Rei e dorme com umas 20 leoas em cima dele, isso faz com que ele seja um dos maiores comedores de todos os tempos, tem um irmão psicopata meio afeminado, e com complexo de Loki chamado Scar, que mais tarde vai matá-lo e pôr a culpa no Simba e o traumatizar para todo sempre. Mufasa morre porém seu filho continua conseguindo se comunicar com ele através das nuvens, e de muitas drogas, claro. Simba volta e assume o trono, mas mesmo assim ele nunca vai ser um rei tão foda quanto seu pai (Nem fodendo Simba).

ScarEditar

Como em toda trama que se preze, é preciso existir um filho da puta, que deixa um trauma permanente na sua infância. E e aqui está ele! O irmão de Mufasa psicopata meio afeminado com complexo de Loki, que assim como Darth Vader, resolveu passar para o Lado Negro da Força, e justamente por isso, quer massacrar seu irmão Mufasa para derrubar seu governo e se tornar o próprio monarca. Ele cria uma aliança com as hienas gangsters para matar seu irmão e obtém sucesso. Após matar Mufasa, Scar culpa o Simba e o expulsa do reino, fazendo ele ficar traumatizado. Desse modo se faz o rei, mas diferente de Mufasa nenhuma das leoas querem dar pra ele, e por isso ele tenta estuprar Nala, mas falha e a mesma é exilada (essa cena foi cortada do filme). Algum tempo depois o governo de Scar vai por água abaixo, e ele começa a ser acusado de corrupção, pois não havia mais comida, nem água, e nem segurança nas Terras do Reino (assim como o Brasil). Durante esse período ele conhece uma vadia chamada Zira, e teve dois filhos com ela. O mais velho é um babaca loser, chamado Nuka, e a outra é uma biscate chamada Vitani. Descontente com o fracasso, ele adota mais um, para seguir seus passos e se tornar rei, todavia isso só é revelado no segundo filme. Mais tarde Simba volta para recuperar o reino e matar Scar, as ieanas ficaram putas da vida e devoraram ele também, num entanto, Zira mais tarde assume seu posto e volta para se vingar.

NalaEditar

Nala é a Leoa mais gostosa da Pedra do Gay Rei e é para ela que você e outros zoófilos batem uma punheta de vez em quando. Ela faz sexo selvagem com o Simba, mas também quer "comer" o Pumba, segundo sua página oficial na Desciclopédia, Nala foi ficando cada vez mais insignificante na história de O Rei Leão à medida que foram sendo criadas continuações para os filmes. No primeiro, ela é uma das personagens principais ao lado de Simba, sendo sua melhor amiga na infância e tornando-se rainha quando cresce e casa-se com ele. No segundo, Nala só serve para parir Kiara, a filha rebelde do casal que se envolve com o filho bastardo de Scar. No terceiro, Nala não faz porra nenhuma que preste e só aparece para que ninguém se esqueça dela mesmo.

SarabiEditar

Mãe de Simba e esposa número 1 (das) de Mufasa. É a rainha da Pedra do Gay Rei, sendo uma mãe carinhosa e excelente esposa, fornecendo comida e alívio sexual para seu maridão Mufasa e cuida muito bem de seu filho, apesar de ser retardada ao ponto de deixar um pássaro-mordomo baitola como Zazu para tomar conta dele. É ainda mais inútil que Nala dentro da trama. Talvez seu ponto alto no filme seja o momento em que Scar dá um Headshoot Bofeton na sua cara no final do primeiro filme, fazendo Simba se emputecer com seu tio.

RafikiEditar

O personagem mais fodástico de todos, ele é um babuíno ninja muito sábio, maconheiro e drogado ao extremo, que fala bastante metáforas e frases filosóficas inúteis. É como uma espécie de sensei no filme, embora muito sábio, ele é retardado e imprevisível, em decorrência das drogas, faz coisas completamente aleatórias e inesperadas como bater na cabeça de Simba, que não fez nada demais, só estava querendo esquecer seu passado. Ele anda por aí cheirando folhas, cantando músicas sem sentido, pulando e gritando sem motivo e simplesmente some e aparece do nada em lugares aleatórios. Muitos acreditam que a causa disso é o seu abuso de maconha e cocaína que subiu direto para sua cabeça e o deixou amalucado.

TimãoEditar

Timão é um suricata porra loca, neurótico Hippie e vagabundo que é contra o trabalho pesado, e por isso abandonou seu lar, e deu as costas a sua raça pois se recusava a trabalhar como os outros, e queria ficar o dia inteiro na farra. Depois de sair de casa ele encontrou Rafiki que lhe deu Erva e o sugeriu que ele seguisse "aquilo que ele vê", ele fumou um pouco ficou doidão, e alguns instantes depois conhece Pumba, um porco/Javali enorme, com o poder de repelir, estupradores e predadores, sendo muito interesseiro ele resolve usar ele como guarda-costas, até chegar em seu novo lar, ambos vagam por ai e encontram um lugar tipo um paraiso, sem predadores, com cascatas, arvores, insetos, e o melhor de tudo sem problemas, ambos viram dois hippies, e passam a viver sem precisar trabalhar ou se preocupar com porra nenhuma, como dois tipicos vagabundos, ficam só lendo Playboy, assistindo Red Tube e consumindo diversos tipos de drogas, mais tarde eles Encontram Simba que se alia a gangue e também vira uma especie de Guarda-Costas do Timão, porém isso só foi revelado no terceiro filme, ele faz parte da dupla de esquisitões comediantes "Timão e Pumba" e estrelou seu próprio programa de TV.

PumbaEditar

Melhor amigo do Timão(embora alguns suspeitem que sejam um casal gay), ele é um Javali enorme, gordo, e destruidor, mas é um tremendo de um bonachão, assim como seu parceiro, é um Hippie comedor de bichinhos e Maconheiro que não estudou, não gosta de trabalhar e só quer ficar o dia inteiro na gandaia, no terceiro filme e revelado que ele conheceu Timão enquanto ambos estavam tentando fugir das responsabilidades do dia a dia, e juntos encontraram o paraíso da filosofia Hakuna Matata, aonde eles ficam o dia todo, só fumando erva, bebendo, assistindo pornô, usando varios tipos de drogas e vadiando de várias formas. Ele e seu miguxo Timão encontraram um filhote de Leão e resolveram criar essa criança juntos, e gerou muita polêmica, com a garotada e o pastor Marco Feliciano, porque pensaram que eles eram gays, e estavam sugerindo o fato de que Gays podem sim constituir uma familia.

ZazuEditar

Um pássaro bobo da corte, mordomo de Mufasa e brinquedinho sexual de todos, incluindo Scar e as hienas. É o personagem mais insignificante da trama toda. Em uma cena é mostrado que ele é capaz de levantar um rinoceronte, mas é incapaz de tirar um filhote de leão de uma debandada; talvez, ele também queira dar um golpe de estado na família real, e assumir o trono diante os acontecimentos, mas é muito cuzão pra fazer isso.

HienasEditar

Os personagens mais fodas da trama, são hienas gangsters e anarquistas que são como favelados e estão tentando dar um golpe de estado para se tornarem os donos do pedaço. Para isso elas formam uma aliança com Scar, mas depois que eles ficam sem comida, água, e alivio sexual se revoltam e querem a bunda do Scar. Embora apareçam mais de 800 mil, somente três delas se destacam. Shenzy uma vadia barraqueira gostosa que quer comer e dar pra todo mundo, Banzai, um maluco com maior pique de favelado e funkeiro (apesar de ser punk) traficante que come Shenzy, e o mito Edd, uma hiena com problemas mentais, literalmente retardado que ri por qualquer coisa e está sempre com cara de doente, embora no final ele faça uma cara sombria de psicopata quando vai comer Scar (no sentido literal. Ou não).

ZiraEditar

Zira é uma leoa vigarista, metaleira, vingativa, e favelada, embora alguns fãs achem ela sexy (WTF). Sadomasoquista, e obsessiva, ela teve um caso com Scar e se apaixonou perdidamente por ele, ficando revolts quando o mesmo foi brutalmente assassinado por Simba, e desde então planejou sua vingança. Depois que Nala se exilou só pra não ter que dar pro Scar, Zira foi atrás dele e resolver constituir uma família com ele e consegue três crias, o primeiro, Nuka, mais velho, burro e se acha muito foda, mas é um babaca fracassado a quem ela rejeita o filme inteiro, mas depois que ele morre, passa a ser uma boa mãe (WTF). Vitani, uma sensual leoa rebelde que vai para o lado do bem no final do filme, e Kovu, um emo, sendo esse adotado por Scar como sua cria, apesar de ser filho de Zira com outro leão que ninguém conhece, e criado para seguir os passos de Scar, mas ele fracassa e Zira é derrotada caindo de um penhasco direto na correnteza.

KovuEditar

Um Leão emo e maggot que tenta pagar de malzão 666 from hell, e é tipo um Edward Cullen só que menos gay. Ele é o filho bastardo de Zira e Scar, mora com sua mãe Zira, seu irmão mais velho invejoso, Nuka (que ele acidentalmente mata no decorrer do filme) e sua outra irmã Vitani. Seu pai verdadeiro é desconhecido. Foi escolhido por Scar para seguir seus passos e se tornar o rei da Pedra Do Gay Rei. Zira treinou Kovu desde pivete para que ele cresça e se torne um pescopata assassinador igual ao seu falecido marido, e mais tarde tenta dar um golpe de estado através dele, no entanto, esse desgraçado acaba se apaixonando pela filha rebelde de Simba, Kiara, que queria muito dar pra ele, isso faz com que amoleça seu coração e passe para o outro lado da força, o que acaba fodendo com o plano de Zira. Simba não confia nele, menos ainda depois que Zira armou uma emboscada para Simba. Assim, ele é expulso da Pedra Do Rei e fez com que todos os animais ficassem com ódio dele, embora esse imbecil só estivesse querendo ajudar. Após Zira descobrir que seu filho é baitola, também o expulsa do seu clã, e o faz ficar desamparado. Enquanto isso Kiara foge, eles se reencontram, transam e voltam para impedir a lutinha.

KiaraEditar

Filha de Simba e Nala, é uma leoa um pouco gostosa, rebelde e liberal que é contra monarquia, e por isso não quer seguir a linhagem real, não querendo se tornar rainha (talvez seja um pouco burra). Ao invés disso quer ficar o dia inteiro se metendo em enrascadas pulando que nem uma retardada mental e transando com algum maluco perigoso da classe baixa, ou seja um favelado elegante como Kovu. Ela rejeita o trono e tudo que seu pai faz, não segue o legado de Simba e além de tudo isso, está sempre sendo escoltada por Timão e Pumba, que são como duas babás, afinal ela é uma irresponsável que não sabe fazer merda nenhuma, nem caçar essa inútil sabe direito. Quem dirá governar um reino.

NukaEditar

O irmão loser alienado e nóia de Kovu que sonha em ser um psicopata igual ao seu pai Scar, mas nem isso esse trombadinha consegue fazer direito. Resumindo, ele é um grande retardado que se fode toda hora querendo provar para sua mamãe que é tão foda quanto Kovu, porém ela tá cagando pra ele, simplesmente por ele ser o maior fracasso da família. Scar o rejeitava tanto que ele escolheu Kovu, que nem era seu filho, para seguir seus passos. Em determinado momento do filme, Kovu trai a sua gangue e faz com que Nuka consequentemente morra subterrado, só aí Zira fica com remorso e passa a amá-lo (mas já é um pouco tarde pra isso...) e começa a culpar Kovu por isso e dá uma patada na cara do mesmo, deixando uma cicatriz igual a do seu irmão.

VitaniEditar

Uma vadia lésbica, filha do meio de Scar e Zira, irmã de Nuka, e irmã de criação de Kovu. Ela é uma leoa forte e um pouco gostosinha, diferente da sua prima birrenta Kiara. No início ela aprova tudo que sua mãe faz e segue suas ordens, tudo certinho, mas no final ela se redime e passa para o lado do bem e se alia a família real, diferente do seu irmão que morre sem nem ter a chance de pensar direito...

Timão e PumbaEditar

 
Após os bicos em O Rei Leão, Timão e Pumba decidem tirar férias na Amazônia.

Após a morte do Pai, Simba foge e encontra Timão e Pumba, dois cheiradores de gatinhos que tentam se aproveitar e cheirar o pobre Simba. Eles ficaram muito famosos entre crianças retardadas com sua canção: Dah O Cú Láh Na Mata. Timão ficou ainda mais famoso, ganhando seu próprio time de futebol.

A MusicaEditar

Dah o cu lah na mata... é lindo dizer
Dah o cu lah na mata... Sim vai receber
Os seus problemas, você deve esquecer
Isso é viver, dar e receber
Dah o cu lah na mata...

Mensagens subliminaresEditar

O filme possui uma mensagem subliminar no meio. Durante a cena em que Simba (já crescido), fala para Timão e Pumba que seu pai morreu e agora vive nas estrelas, Timão e Pumba começam a rir dele. Ele resolve ir chorar lá no cantinho, então ele cai em cima de umas flores. As flores acabam formando a palavra "SEX" no ar. Mas até algum ano, NINGUÉM sabia disso. Se você não sabe ler inglêis, SEX significa Sexo, ou seja, o filme incentiva o sexo, e como a maioria das pessoas que assistem esse filme são crianças, logo incentiva a Pedofilia e a Prostituição Infantil. Ou não.

 
SEX escrito pela poeira que Simba joga.

Por Trás das CenasEditar

A verdade sobre o filme "O Rei Leão" Por trás das cenas pode até ser um pouco obscura, mas como nós da Desciclopédia temos que falar a verdade, iremos ser honestos.

 
Simba revelando por que foi eleito o Gay Leão

Scar: Tio emo de Simba. Como todos vocês já sabem, Scar é pedófilo, tendo como ocupação a venda de drogas proibidas por Mufasa às hienas, deixando-as viciadas.

Como Mufasa proibiu esses tipos de drogas, Scar e as hienas se entristeceram, tendo relações sexuais para tentar afastar a tristeza emo, até quando decidiram se rebelar tirando Mufasa do trono e legalizando as drogas.

Também molestava Simba quando pequeno, isso foi a causa número 1 para que Simba fugisse. E no fim do filme, quando as hienas vão atacar Scar ele diz gritando histéricamente: EU SOU BIICHAAA

Mufasa: Pai espírita de Simba, foi molestado por uma hiena quando mais novo e por isso tornou-se espírita, ilegalizando o consumo de drogas no reino, deixando Scar com ódio dele.

Nala: Depois de perder a virgindade precocemente com Simba antes dele fugir, Nala passa toda a vida se prostituindo para qualquer leão. Depois de encontrar Simba, que tem o maior pênis entre os leões, ela se casa com ele.

v d e h