Abrir menu principal

Desciclopédia β

Palácio Itamaraty

Nota: Não confundir com o lixo verdadeiro que fica no Hell de Janeiro


Palácio dos Arcos ou atual sede do ministério das relações externas é um édifícil situado na costela da ave chamada Brasília. Começou a ser montado a partir de 1960 e como toda obra brasileira, a construção só foi concluída 10 anos depois.

ItamaratyEditar

 
Imagem do dito cujo

Como toda e qualquer construção de candangos, o "palácio" dos Arcos também não tem nada de tão especial ou interessante, mas como foi construído pelo Óscar Niemáier, aí tudo tende a ganhar proporções super-hiper-master-supra-estimadas.

A importância desse estabelecimento esta pelo que ele sedia e consequentemente, pelas almas penadas que ali visitam. Como "sala de estar" oficial do país, o edifício pôde receber alguns dos maiores ditadores, sanguinários e donos de currais mundo a fora, os Simóns Bolivar do século XX/XXI. Alguns desses incluem a eterna rainha do Reino Desunido (e que na verdade não manda em porra nenhuma), Elisabete dois, o líder da america republicana Ronaldo Reacionário e o primeiro presidente afro islamita, Barrak Osama, sendo destas visitas a mais nobre a do Rei do império banânico.

Recentemente, o edifício dos Arco-iris foi alvo dos mesmos vândalos que atacam a Desciclopédia, que durante o carnaval de junho de 2013 resolveram dar Backspace na fachada do prédio com o intuito de entrar lá dentro e... só. No dia seguinte os servidores do Itamaraty resolveram dar mostra da ociosidade qual estavam passando e fizeram uma corrente (igual aqueles SPAMs que tinham nos e-mails e hoje infecta o facebook), contornando o prédio todo[1] (já não fazem nada mesmo...). Depois disso foram pra casa e o dia foi considerado um expediente.

Atualmente, o edifício concorre com o Copacabana Palace e outros locais do hell de Janeiro, a atenção de estadistas que vem ao brasil em busca de acordos comerciais que incluem a compra brasileira de produtos estrangeiros superfaturados, até mesmo a venda de uma parcela da amazônia (ou outro território nacional).