Abrir menu principal

Desciclopédia β

Papa Pio XII aclamando por paz!

Cquote1.png PAZ!!!Vamos viver em PAZ!!PEACE, LOVE, Frieden, PAZES... Cquote2.png
Pio XII sobre A Segunda Guerra Mundial
Cquote1.png Frieden????? A hös Hum Häs, Frun HAM HÜnAHShcuMMM Ahümm sucrutiiii Hashum Cquote2.png
Hitler sobre comentário do Papa sobre PAZ!
Cquote1.png Ah, vai pra p...Digo, Vá na paz que te carregue Cquote2.png
Pio XII cansado de tentar aclamar por paz
Cquote1.png Até quem fim, hein!? Cquote2.png
João XXIII no dia da morte de Pio XII

Papa Pio XII (em italiano: Pio XII, em latim: Pius PP. XII, em português Piu-piu XII em miguxês PiUXXXXXXX DoZzIiIiIiI, nascido como Eugenio Maria Giuseppe Giovanni Pacelli Pizzaiollo; Roma, 2 de Março de 18769 de Outubro de 1958) foi eleito Papa no dia 2 de março de 1939 até a data da sua morte(O RLY?). Foi o primeiro Papa Romano de Roma da Itália Romena desde 1724.

E de novo, aclamando por Paz

Foi o único Papa do século XX a exercer o Magistério Extraordinário da Infalibilidade extraordinária papal dos Papas – invocado por Pio IX (9) – quando definiu o dogma da Assunção de Maria em 1950 na sua encíclica Munificentissimus Deus. Ou seja, você não entendeu porra nenhuma, nem eu.

O ConclaveEditar

Em 2 de março de 1939, quando já se podia antever a nova conflagração mundial, no dia de seu 63º aniversário, na terceira votação, Pacelli tornou-se o primeiro Secretário de Estado, desde Clemente IX em 1000 e eu esqueci a ser eleito Papa; escolheu o nome de Pio XII, porque queria ficar na frente do Pio XI. Foi eleito com a maioria dos votos, afinal, ninguém queria ser papa na época, porque já sabia que naquele mesmo ano, o mundo ia se meter numa puta roubada que daria inicio a mais sangrenta das guerras, então jogaram toda a responsabilidade no mais bobo paciente dos arcebispos da época, que era justamente Pacelli, o futuro Papa Piu Piu 12

 
E de novo...

O Reinado PapalEditar

Teve que agüentar com muita paciência a ação de militares e civis durante a Segunda Guerra Mundial, tentou sem sucesso a paz durante 8745x, sendo 8744 vezes diretamente a Adolf Hitler. Como não obteve sucesso, tentou ao menos invadir a Alemanha junto com os Soviéticos só para contrariar Hitler, mas como estava velho de mais pra isso, acompanhou a guerra pelo rádio mesmo

Condenou os nazistas, condenou os discursos de Hitler, condenou a bomba atômica, condenou a ação militar nos campos de batalha, condenou os Americanos, condenou os Soviéticos, condenou a perseguição dos Judeus, condenou os judeus, condenou os condenados a morte, condenou os mortos, condenou a empregada de quarto, condenou o seu cachorro, condenou o INRI Cristo, condenou até Chuck Norris por causa da porcaria da Guerra.

 
E continua aclamando por paz

O Embalsamento que deu erradoEditar

Após a sua morte morrida, em 9 de Outubro de 1958 teve o seu corpo preparado para o embalsamento, o que não deu muito certo, porque devido ao fedor, tacaram perfume no defunto, ops, perdão, no papa, e isso não ajudou muito, tentaram usar óleo de amêndoa para deixar o Papa com um aspecto menos morto, mas isso piorou muito, durante o velório, as coisas pioraram, o padre teve até o nariz arrancado pelo vento devido a decomposição que estava acelerado, e dizem as fontes (carentes) que nem os guardas que vigiavam o caixão agüentaram o odor expelido pelo defunto padre.

O seu embalssamento foi condenado por João XXIII que ao contrário de seu antecessor teve o corpo preservado e aromatizado (cheirando rosas do campo), já que o Papa demitiu os responsáveis pela merda que fizeram em Pio XII.


Precedido por
Pio XI
 
Síndico de Deus nº 261

1939 - 1958
Sucedido por
João XXIII