Abrir menu principal

Desciclopédia β

Patrulhamento Ideológico

(Redirecionado de Patrulhamento ideológico)
NewBouncywikilogo.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Patrulhamento Ideológico.

Cquote1.png Bah, vou tirar isso aqui Cquote2.png
Patrulhador Ideológico sobre o disfarce que vai usar para remover a piada com o seu MIGUXO
Cquote1.png Como este é um artigo sobre o FHC, eu vou tirar todas as zoeiras com o Lula, OK? Cquote2.png
Patrulhador Ideológico sobre a ação Gramsciano-petista que planeja para proteger o seu miguxo Lula
Cquote1.png (-366) dif Cquote2.png
Patrulhador Ideológico sobre como tentar formas sutis de vandalismo
Cquote1.png Este artigo vai contra a Lei XXXKDKHDHJ de 32 de onombrio de 1924. Vocês serão processados porque é CRIME!!! Cquote2.png
Patrulhador Ideológico sobre como tentar a Censura aqui com uma imitação barata de advogado



O CONTEÚDO ABAIXO É SEMI-SÉRIO! Para bom entendedor, apenas uma ironia basta


Durante a Idade Média as Desciclopédias viviam sobre patrulhamento ideológico da Inquisição Espanhola

O Patrulhamento Ideológico ou Vandalização Gramscianista ou Vandalização partidária ou Beijo Macedônico é um tipo muito frequente de vandalismo que aflige a maioria dos meios de comunicação e volta e meia ataca a Desciclopédia.

O Patrulhamento Ideológico é derivado essencialmente do Gramscianismo e do Proselitismo.

Basicamente o patrulhamento ideológico é violar o princípio máximo de que Os abusos da liberdade só se curam com mais liberdade

O Patrulhamento também viola o primeiro mandamento da Desciclopédia NÃO APAGARÁS!

Há várias formas de patrulhamento. A mais pura e simples é apagar as piadas com seu amiguxo. Todos os artigos costumam ser equilibrados, por exemplo, no artigo do High School Musical há piadas com o RBD. Patrulhamento ideológico é quando um fã de RBD, temendo vandalizar o artigo do RBD vai lá no HSM e apaga as zoeiras com o RBD.

Possíveis patrulheiros são quem só e exclusivamente só edita um artigo de determinada religião ou corrente política (por exemplo, jornalistas da Veja, ou artigos católicos). Entendam que pessoas normais editam vários tipos de artigos, não só de uma corrente política ou religiosa determinada.

DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ...se recomenda não ler artigos sobre o que se ama. Não leia Tua Mãe, para ser mais exato.

Para fazer humor é necessário indiferença. O Patrulheiro Ideológico não tem indiferença. Se o Patrulheiro ama a mãe Rússia, ele vai se ofender com qualquer artigo sobre a Rússia. Não adianta. Sendo assim, ele com certeza vai mexer no artigo. Qualquer referência sobre qualquer demérito será apagado. E isso não pode. Porque as outras pessoas tem direito a zoar. E seu direito? Bem, você tem o direito inalienável e constituicional de não ler. Mas não tire o direito dos outros lerem.

Cquote1.png Nem li Cquote2.png
Stevie Wonder sobre um artigo que o cita (não esse)

Há também o aparelhamento, que é o contrário do Patrulhismo ideológico (que é tirar ideologia) que é colocar sua própria ideologia, o que seria Apologia. Entenda, se você é favorável ao Comunismo (que é coisa do capeta, tenho dito) leia o artigo Capitalismo. Lá você destila sua raiva. Porém ai daquele que usar a liberdade da Desciclo para dizer que o governo X foi melhor que o governo Y. Caçaremos sem dó nem piedade.

Críticas são bem vindas, desde que feitas sobre o véu da ironia. É impossível alguém realmente ser neutro em qualquer colocação (ui). Há, porém, ironia. A ironia é melhor exemplificada com casos reais:

Cquote1.png Aboliram-se os pretos, falta agora abolirem os escravos Cquote2.png
Machado de Assis sobre Abolição da Escravatura

No exemplo acima, o patrulhamento ideológico iria espumar dizendo que é uma frase preconceituosa. Nem um pouco, é uma frase muito da irônica. Há uma crítica implícita, mas ela é tão bem formulada que é aceitável.

O HUMOR É A EXPRESSÃO MÁXIMA DA INTELIGÊNCIA E TOLERÂNCIA

Em resumo, mas se você acha que o governo anterior foi muito mais corrupto que o governo atual, e que não deveria pelo amor da verdade deixar eventuais mentiras aqui, enfia tua opinião no cu e vai escrever em seu próprio blog!!!

A Inquisição Espanhola está sempre vigilante e vai pegar quem ousar mijar fora da bacia.

v d e h
Vândalos, vandalismo e vandalização
Artigo vandalizado - Artigos criados através de um texto da Wikipédia trazido para a Desciclopédia com leves alterações cômicas - Vandalismo - Vandalização abstrata - Vandalização albanesa - Vandalização anti-vandalização - Vandalização apaixonada - Vandalização branqueadora - Vandalização branqueadora acidental - Vandalização atualidades - Vandalização canadense - Vandalização citadina - Vandalização copiadora - Vandalização "Desista de uma vez!" - Vandalização francesa - Vandalização futebolística - Vandalização teste ou por <nowiki> - Vandalização geral - Vandalização gramsciana - Vandalização grega - Vandalização Imagem Exemplo - Vandalização inversa - Vandalização Justificativa - Vandalização de melhorias - Vandalização predefinitória - Vandalização privada - Vandalização rosa - Vandalização russa - Vandalização tcheca - Vândalos da madrugada - Wikipédia Chuck-Norris -Chute-.gif


Exemplo de Politicagem

A seguir vai um texto tipicamente de politicagem em que reclama que A SUA VERDADE não foi aceita... pasmem... na Wikipedia. Este texto foi divulgado amplamente na Desciclopédia. Apagamos todos, é verdade, porém como os vírus conservados em laboratório, um Descíclope o manteve como exemplo de uma típica reação de um vândalo Gramsciano:


O caso do verbete “Linha YYY do Metrô de XXX”, por exemplo. Um usuário deixa claro que não admite que sejam divulgados 11 dos 12 acidentes ocorridos na construção da linha, tal como o contrato “turn key” assinado pelo Governo demonstrando claramente que é mais importante preservar os políticos e as opiniões políticas dos membros da comunidade, preservar o ponto de vista do que a informação legitima.

A seguir, seguem alguns trechos do comentário do manipulador, ou censor, como preferirem, a respeito da retirada de certos trechos informativos do verbete:

...de novo, a palhaçada da construção, dessa vez, criticando o contrato turn key.” “Na Wikipedia NÃO se utiliza informações sem fonte. Eu deletei tudo aquilo e vou continuar deletando até aparecer fontes plausíveis - e jornalísticas, não colunas ou artigos, que não possuem valor noticioso.” “Sobre os acidentes, eu tirei porque não há um padrão. Houve acidentes nas obras de outras linhas do Metrô. Se for colocar aqui os acidentes desta obra, que se coloque a mesma informação em outras linhas. Todo mundo sabe que XXXX desmoronou. Colocar os outros acidentes da Linha não leva a nada, as obras vão continuar e o contrato não será rompido. Se quiserem criticar a obra, escrevam uma coluna, um artigo em um blog. A wiki não é lugar de politicagens.


A Desciclopédia diz:

1. Primeiro, queremos que a Wikipedia vá se fuder

2. Em segundo lugar, o admin estava certo. Objetivamente falando, agrada a uma corrente política que os contratos turn-key fossem satanizados. Porém não havia referência objetiva científica que fosse o tal do contrato o responsável por um desabamento. O admin removeu. Porém o vândalo gramsciano não satisfeito, veio jogar sua merda em uma campanha difamatória na Desciclopédia, achando que nós iriamos suportar este tipo de lixo. Obviamente chutamos seu traseiro. (Parágrafo sério, use com moderações)

3. Todos sabem que o culpado no acidente supracitado são os marcianos, ora bolas.