Abrir menu principal

Desciclopédia β

Persépolis

Este artigo é um
Patrimônio Mundial da Humanidade.

Pode ser uma ruína, uma cidade
de merda, um matagal abandonado,
mas está protegido!

World Heritage Site logo.png

Leitura recomendada apenas para
pessoas com cultura.

A UNESCO monitora este artigo.

Persépolis é a capital do Irã (conhecida também como Pérsia) hoje são algumas ruínas após a invasão dos iraquianos na Guerra do Golfo. A cidade foi popularizada pelo filme Senhor dos Anéis, como a cidade dos Orcs.

Índice

HistóriaEditar

 
Persépolis, cidade de vangurda, sediou o primeiro Miss Irã em 2001.

Persépolis foi construída como capital do Império Aquemênida, mas como Oriente Médio e treta caminham juntos, Persépolis foi conquistada, reconquistada, recontraconquistada, sendo também a capital do Império Romano, do Império Bizantino, da Suméria, da Assíria, da Lídia, da Armênia, do Império Egípcio, da Babilônia, do Iraque, da Líbia, do Império Grego e atualmente da Pérsia.

Durante o reinado de Xerxes, o mais generoso e popular dos imperadores persas, foi em Persépolis que o grande rei organizava as orgias sexuais entre anões, aleijados, mulheres peludas, orcs, rinocerontes gordos e outras aberrações, um característico fetiche do imperador.

Depois que Alexandre III da Macedônia conquistou o mundo, decidiu tocar fogo no palácio de Xerxes para se vingar do imperador persa que havia comido seu bofe predileto. Alguns historiadores porém, creditam esse incêndio a um acidente ocorrido após uma grande orgia entre o exército de Alexandre e as famosas Mulheres Peludas Hermafroditas de Persépolis.

Atualmente, em Persépolis só há ruínas, camisinhas usadas e inúmeros escritos cuneiformes (feitos com o cu), narrando os anais da gloriosa história da Pérsia.

RuínasEditar

Portão de todas NaçõesEditar

Imponente portão criado por Saruman em pessoa (antigo aiatolá), antigamente conhecida como Torre Branca, acabou se tornando uma indústria de orcs (popularizados no cinema como "The Immortals", a vangurda do exército iraniano.

Palácio ApadanaEditar

Um palácio que dizem era bonito. Foi autorizado por Mahmoud Ahmadinejad para ser devidamente representado na grande franquia de jogos do Irã, Prince of Persia. Neste jogo, o Palácio Apadana é representado minuciosamente, incluindo até os seres sobrenaturais feitos de areia do deserto.

Salão do TronoEditar

Um salão onde ficava o trono de Xerxes, hoje pertencente ao ditador Maarrmúdd Ahmanineenaenajaadd [sic].

Tumbas ReaisEditar

Sagradas tumbas ondes estão sepultados grande profetas da humanidade, líderes religiosos, grandes ditadores e os principais líderes do Talibã.