Poder Paralelo

Rede Record.jpg Este artigo é propriedade de Edir Macedo, assim como a RecordTV e a Universal, e ele fará de tudo para que você seja roubado pague o dízimo!

Igreja universal.jpg
Conheça seus outros planos de dominação mundial clicando aqui.


Poder Paralelo
Poder Paralelepípedo.png
Logotipo da Abertura
Origem São Paulo, Brasil
Emissora Rede Recópia
Autor Lauro César Muniz, Picapau
Tema máfia, crime
PROTAGONISTAS
Artistas
  • Gabriel Braga Nunes
  • Tuca Andrada
  • Miriam Freeland
  • Paloma Duarte
  • Marcelo Cerrado
  • Adriana Garambone
  • Karen Junqueira
  • Petronio Gontijo
  • Fernanda Nobre
  • Gracindo Jr.
  • Nicola Siri
  • Especiais
  • Marlon Brando
  • Lula
  • Outros
  • Capo (Rogério Fróes)
  • PERSONAGENS
    Vilões
  • Bruno Villar Marcelo Serrado
  • Bonzinhos
  • Mc Gigante Pesadelo, o ajudante da Cuca
  • Mais Idiota
  • Mimi Julia Sabugosa
  • Dog Miguel Thiré
  • Mais Esperto
  • Serjão Ricardo Petraglia
  • Pavão Castrinho
  • NOVELA
    Maior Drama Tony vem ao Brasil vingar a morte da esposa e filhas, Pedro e Nina vivem romance proibido
    Mistério(s) Quem é o Assassino do Horóscopo Chinês? Quem é o Guri?
    Moral Coma duas ao mesmo tempo
    Influência Filme: O Poderoso Chefão
    Inspiração Um Novato na Máfia e Mickey Olhos Azuis



    Poder Paralelo, sucessora de Chamas da Vida é a nova novela das 22 horas da Rede Record de Televisão.

    HistóriaEditar

    Tony Castellamare (Gabriel Brega Nunes) é um mafioso que está na Itália quando o carro dele explode com a família dele dentro, e daí ele vem para o Brasil após jurar "Vendetta" ("vingança" em italiano, seu bocó!). Ou seja, a mesma coisa que qualquer filme do Arnold Schwarzenegger, apesar de que nem dá pra comparar com o tripa seca do Gabriel Braga Nunes.

     
    Um mafioso de verdade, a gente vê por aqui.

    Tony terá de lutar para ser o kapo capo da Máfia no Brasil, enquanto o "mocinho" de Dona Beija, seu pai Caló, o ajuda e luta para não se esquecer de fazer aquele sotaque ridículo de Don Corleone e tomar toda manhã o Gardenal para a cabeça (a de cima, óbvio) funcionar direito.

    Para animar um pouco a novela, do meio pro fim aparece um criminoso misterioso que mata todos os personagens que passam por sua frente com um tiro na testa para pôr a culpa em Bruno "Guri" (Marcelo Serrado). Qualquer semelhança com o incendiário misterioso e a Vilma de Chamas da Vida é mera coincidência! (APESAR DA NOVELA SER SOBRE A MAFIA, É UMA CÓPIA MUITO BARATA DO FILME O PODEROSO CAGÃO CHEFÃO E A NOVELA É UM LIXO, o don corleone teria desgosto de ver, mais felizmente ele está treinando punheta com o goku no acre)

    PersonagensEditar

     
    Tony Castelamare bebendo seu próprio vinho com seus miguxos "bemfeitores".

    Tony Castellamare (Gabriel Braga Nunes): Antes era exportador de vinhos, mas agora é o Capo da organização criminosa. Ah, e cuidado para não estragar a chapinha dele, senão... Vendetta!!

    Fernanda Lira (Paloma Duarte): Excelente atriz, e só sabe falar "Eu matei meu filho". É amante do Bruno e dá mole para o Rudi. Dá pro elenco inteiro da novela. Foi comida pela Maura e agora, foi estuprada pelo macho.

    Téo Meira (Tuca Andrada): Delegado feliz, serelepe, que nas horas vagas come a mulher. Passa o tempo todo com Tony (ui!) e no final vira advogado dele. Também toca clarinete (entendeu mona?)

    Marília (Maria Ribeiro): Uma hacker que trabalha para a polícia federal e que, nas horas vagas, é comida pelo marido.

    Lígia (Miriam Freeland): Jornalista quenga que dá pro patrão e pro Tony. Toda vez que o marido chega, tem um macho na casa dela, e por muitas das vezes, é o patrão.

    Bruno Villar (Marcelo Serrado): Com a falta de criatividade de LAURO CÉSAR MUNIZ, Bruno é igual ao seu personagem DELEGADO NOGUEIRA em Vidas Opostas. Um cara bastante estranho com mudanças repentinas de humor. Dono do hotel sombrio da novela e patrão de metade dos personagens. Trai sua mulher com todo o elenco da novela(quando digo todos é TODOS).

    Maura Villar (Adriana Garambone): A corna da novela, que surtou como a Amy Winehouse. Comeu a atriz Fernanda Lira. Agora, depois de ter abandonado Bruno começa a se enrrabichar com o arquiteto Rafael(mentido a oscar niemeyer).

    Don Caló (Gracindo Jr): Italiano coroa e resmungão. É pai de Rudi, Tony e Gigi. Seu jeito esquisito não deixa duvidas d esua ligação com a bandidagem.

    Mamma Fredda (Lu Grimaldi): Mão dos 3 e mulher do Don Caló. É medrosa e mega preocupada, mas vivendo com esse pessoal como não seria?

    Rafael Cortez (Floriano Peixoto): Repórter viado do CQC, opa, esse aí é outro. O da novela é um arquitontoteto metido à Oscar Niemeyer que come a Maura de vez em quando.

    Alberto (Márcio Kieling): A mesmíssima coisa do Antônio de "Chamas da Vida". Até a franjinha emo é igual. Só que este deve morrer mais cedo. Graças a Deus...

    Francesco Tucci (Roberto Birindelli): Bandido sem nenhuma inteligência. Um italiano com cara de guaxinim que gosta de matar com tiros. Atirar é uma arte...

    Pedro Villar (Guilherme Boury): Um rapaz que pega a quarentona da Patrícia França, só não pra dizer que a novela não tem nenhuma "polêmica".

    Luísa Villar (Fernanda Nobre): Uma vadiazinha loira e gostosa, que fica dando no estúdio de fotosdo seu ex-namorado ebota chifre em seu atual, o André. O pai pensa que é uma santa.

    Paulo Garzia (Nicola Siri): Pela 784746483030948736267262513354735212695586845ª vez interpreta um italiano. É capanga do Tony, que nas horas vagas deve devorá-lo. Trai a mulher do Wagner Montes (na novela) com a corna da novela, Maura, e também com a gostosa da Mimi e com a Neide.

    Bruna Maria (Bruna Pietronave): Atriz pornô. Irmã de Tucci. Sou mais a Cicciolina...

    André (André Bankoff): Yuppie engomadinho e sem graça, namora uma gostosa que ainda o chifra com um lambe-lambe. Foi uma das vítimas do Guri.

    Marco Iago (Antonio Abujanra): Feiticeiro trevoso que virou mafioso. É um dos velhos mais velhos da novela, sendo mais velho que o próprio Capo.

    Leonel Pavão (Castrinho): Bicheiro dono de escola de samba no Rio de Janeiro e produtor de filmes pornô. Poeta nas horas vagas. É louco pra que o Tony faça um filme pornô com ele .

    Pavãozinho (Mário Gomes): Irmão fracassado do Pavão. Morreu e foi pendurado, mas piscou o olho mesmo morto.

    Marina (Daniela Galli): A mulher de Tony. Fazia uma novela na Band e, quando enfim melhora de emissora, morre no primeiro capítulo!

    Nina (Patrícia França): Quarentona papa-anjo.

    Gigi (Karen Junqueira): Filha gostosa do Caló. Amiga fura-olho, cabeça-de-vento, que anda em qualquer lugar toda produzida, cheia de penduricalhos, se achando super fashion.

    Dog (Miguel Thiré): Fotógrafo amigo-da-onça de André. Péssima propaganda para qualquer creme de pentear.

    Rudi Castellamare (Petrônio Gontijo): Após ser abduzido direto de "Os Mutantes", virou um drogado com o cabelo pintado ainda mais esquisito que o do Dog. É a ovelha negra da família.

    Serjão (Ricardo Petráglia): Bandidão perigoso e esperto. Faz parte da máfia e no final levou um tirombaço na fuça, mas quem atirou foi o Khalid e não o Guri.

    Khalid (Fernando Pavão): Árabe boa pinta e atirador de elite que trabalha pra máfia, leva sempre a Laila junto e as vezes come ela.

    Laila (Luciana Braga): Já foi vilãzinha em Negócio da China, agora é a parcerona do Khalid e bota medo em muito cabra mafioso.

    Bebel (Luma Costa): Protagonista juvenil da trama, foi sequestrada quando tinha cinco anos e criada por uma família rica. Ops, isso era em outra novela. Agora, ela é só uma amiga de alguém mais importante.

     
    Nem todas as fotos de mafiosos são em preto e branco.

    Dulce (Eliana Guttman): Velha, idosa, que quer ser garotona de 15 anos.

    Vânia (Bete Coelho): Uma ferrada na vida. O marido perdeu todo o dinheiro apostando em cavalos. Tem um filho burro e que anda rebolando e ainda por cima mora de favor na casa da irmã Maura e ainda reclama. Todo o dia é comida pelo marido da Maura, Bruno.

    Armando (Cécil Thiré): Sogrão do Bruno e cafetão da Neide. Há quem diga que ele é parente do Adalberto de A Próxima Vítima, mas nada foi comprovado.

    Neide (Maria Carolina Ribeiro): Mulher rica que perde tudo com a sua mãe Malva e quer dar em cima do Frederico... ops! Isso foi em Floribella! Mas nessa novela ela se interessa pelo Bruno, quer dizer, ela quer quicar nele.

    Detetive Renato (Bruno Padilha): Dtetive da polícia federal que ajuda Téo e Marília nos casos, mas é um baita incompetente.

    Detetive Felício (Nill Marcondes): Detetive que sofre o estereótipo do negão bobo e chapa quente.

    Lucas Sampaio Sobrinho (Luiz Guilherme): Mafioso careca, é do tipo barra pesada.

    Roberto Baruel (Carlos Bonow): Jornalista e patrão da Ligia, com quem pratica sexo. É um gigante com 3 metros e sente raiva do Tony por que este está comendo a Lígia.

    Mimi (Julia Sabugosa): Massagista morena e gostosa, que dá pros clientes durante a sessão.

    Juraci (José D'Artagnan Jr.): Político corrupto e mafioso, dá uns pegas na Neide e usa ela em seus planos. Mas se dá mal e se torna a priemira vítima do Guri.

    Sílvio Carlo (Marcelo Escorel): Um dos capachos dos mafiosos. Maior vira-casaca, troca de lado como quem troca de roupa ou de calçados.

    Neto (Renan Pitanga): Uma bicha, que vive rebolando e dá mole pro tio, Bruno. Chora como uma menina e só serve na novela pra dizer que a Vânia tem um filho.

    Lurdes Leme (Manoelita Lustosa): Uma tosca que é dona da pensão e não quer que o filho ascenda socialmente, se bem que sendo funkeiro ele não vai ascender mesmo.

    João Leme/MC Gigante (Leandro Léo): Mede 1 milímetro. É o mais baixinho da novela. É o limpador de rodapé da novela. Qualquer semelhança com o Pesadelo, é mera coincidência.

    Vitor (Benvindo Serqueira): Cozinheiro da pensão que só apareceu no começo.

    Guri (ainda não identificado): Um jogador fanático de counter-strike que mata metade do elenco com um tiro de paintball na testa. No final da novela é revelado que o Guri era Paulo Garzya que tinha inveja de Tony e Bruno.

    Trilha sonoraEditar

    As italianasEditar

    1. Belíssimo Cosi - Laura Pausini (abertura)
    2. L'Amore Che Vienne - Andrea Sisti & Paula Morelenbaum
    3. Migliore Anni Della Nostra Vita - Jim Porto e Coral
    4. E Lucevan le Stelle - Carlos Slivskin (da ópera Tosca, de Giácomo Puccini. Desciclopédia também é cultura)

    SÓ ISSO?!!!

    As outras...Editar

    You can vomit now or you can give the Ctrl+W or Alt+F4 all now.

    1. Falando Para Zoar - Maurício Manieri (em 2009, quem ainda ouvia essa merda?)
    2. Luiza - Gabriel Guerra (referindo-se a uma de suas putas)
    3. Estou Morrendo Aos Poucos de Você - KLB ("Kika, Leandra e Bruna". Idem 1.)
    4. Firmamento apagado - Opinião na Privada/Tony Doido Varrido
    5. Arromba! - Mariana Belém (e você sabe muito bem o quê)
    6. Insensatez - Fernanda Takai do Pato Fu(dido) (música embolorada que ninguém mais ouve hoje em dia)
    7. Cegos do Castelo Rá-Tim-Bum - Milena Montei Nele
    8. Chuvas no Sertão - Mariana Brava (igual àquela esquentadinha meio sapa da Malhação)
    9. Saindo de Mim - Aline Muniz (após ele entrar e derramar seu leite no aparelho bocetal de Aline)
    10. Fim de Tarde no Cemitério - Soraia Montenegro Bauer
    11. Amar Assim... - Maurício Gasperini (mostrando como acariciar uma linda rola de 50cm)
    12. Vou Perder Você... foda-se, já era hora mesmo - Franco Leviano