Abrir menu principal

Desciclopédia β

Octopoda

(Redirecionado de Polvo)
Pouvo
Um polvo maroto
Um polvo maroto
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Lula-Moluscos
Classe: Celofane
Ordem: Oitoperna

Cquote1.png Experimente também: Lula Cquote2.png
Sugestão do Google para Octopoda
Cquote1.png Companheirof, effe camarada é uma farfa! Cquote2.png
Lula sobre Polvo
Cquote1.png Leio esse jornal todo dia! Cquote2.png
Carla Perez sobre "O Polvo"
Cquote1.png Já vi maiores. Cquote2.png
Capitão Nemo sobre Polvo

Índice

O que sãoEditar

 
"Onde foi que perdi minhas chaves?!"

Sem sombra de dúvida, este é o molusco mais famoso dentre os seus parentes, por possuir características únicas como por exemplo, ser o animal que tem a melhor camuflagem entre os invertebrados, utilizar-se de peidinhos uma espécie de tinta para se proteger de eventuais perdas e danos que possam acontecer em alto-mar ou até mesmo o fato do macho da espécie ser até mais de oito mil cem vezes menor que a fêmea e mesmo assim ele dá conta do recado. O polvo tem o corpo mole, mas, não conta com nenhuma espécie de esqueleto, como as lulas tem ou o náutilo e talvez por isso ele seja considerado o mais ágil do mundo submarino. Ainda na teleaula número dez de hoje nas linhas que estão por vir, você, caro leitor, descobrirá porque a sua câmera de qualidade duvidosa possuía disfunções ao que diz respeito ao embaçamento de fotos nas laterais, sendo esta uma razão extra para você não comer os pequenos polvos.

Estrutura corporalEditar

O polvo, pertecendo à classe dos cefalópodes(o que significa dizer que pertence a uma classe de animais que tem pés na cabeça) difere-se dos outros pelo fato de mesmo passados milhões de anos, ele não mantém resquícios da evolução como conchas protetoras ou intra-esqueletos, é totalmente moluscal e essa ausência lhe garante muitos quilos à menos, agilidade e tudo mais. Os seus oito tentáculos lhe auxiliam em tudo, seja para nadar , comer, bimbar e envolver outros peixonídeos a fim de retirar deles a sua energia vital. O corpo do polvo é composto por partes que todo mundo conhece e provavelmente tem, que serão listados a seguir:

  1. Braços(O RLY?
  2. Cérebro(O polvo é um dos animais mais inteligentes do mundo, e provavelmente sabe mais sobre a teoria da Murphydinâmica Quântica do que você e teu pai juntos).
  3. Manto(É a pele do animal)
  4. Ânus(Orifício invaginado que tem o propósito de excretar substâncias nocivas e/ou inúteis ao funcionamento do organismo apesar de ter seu uso desviado para práticas sodômicas entre espécies semelhantes ou não)
  5. Sifão(Um buraquinho que serve para permitir a entrada de água no organismo do polvo)
  6. Bico(Ê, carai, virou um pássaro agora?!)
  7. Glândulas em geral(Glândulas que servem para cuspir, corrosear os alimentos e etecetera)
  8. Corações(Permite que o polvo se apaixone diversas vezes Os três corações do polvo são necessários porque o sangue do mesmo tem ausência de ferro, o que provoca uma má distribuição de oxigênio no corpo e para resolver tal problema, papai do céu fez o polvo com dois corações especificamente para bombear sangue oxigenado nas guelras e um para o corpo em geral.)
  9. Gônada(Fábrica de filhotinhos)


Entendeste ou vous ter que a desenhar, guri?Ok, você é burro demais e ficou boiando, veja a seguir:

Essas são as partes que compõem a anatomia do polvo, as peculiaridades que não foram citadas na lista acima serão explicadas ao longo do artigo.

O incrível sistema de defesaEditar

O polvo, por não ter uma fonte que forneça defesa direta para ele, como uma casca ou concha, se fode teve que aprender novas técnicas para não fosse brutalmente caçado e/ou pescado. Basicamente ele apresenta três formas de se proteger:

  • Camuflagem

A camuflagem obtida pelos polvos provém de células especiais que mudam o lado da força de azul para rosa a cor aparente do animal, misturando-se ao ambiente de acordo com a necessidade ou então para alertar outros polvos da presença de animais malvados. Cada célula desta contém três necessaires bolsas de cor que cobrem todo o corpo do molusco e o seu cérebro mais desenvolvido do que a maioria dos animais permite que essas trocas de cor se deem em velocidade quase que instantânea. Para torná-lo mais foda do que o seu arqui-inimigo camaleão, o polvo além das células mutantes também dispõe de células reflexivas que mantêm sua pele brilhante, sedosa, macia e colorida por muito mais tempo que o outro réptil enrugado em questão.

Os polvos, quando se sentem ameaçados, são capazes de emitir uma cortina de fumaça para despistar seus predadores. O principal composto dessa química braba é a melanina (sim, é o mesmo composto que está no seu xampu Seda para deixar seus cabelos mais negros do que nunca!), que, por possuir um odor desagradável, acaba confundindo os sentidos dos animais que o caçam, como o tubarão, que depende quase que exclusivamente do olfato. Você deve estar se perguntando: "Mas daonde vem essa cortina de fumaça?" e a resposta é a seguinte: a tinta é expelida por um duto, ligado ao ânus conectado e aberto na base do sifão (depois falam que ele não tá cagando na cara dos outros animais).

Entretanto, a tinta não é utilizada apenas em casos de fuga ou emergência. Eis uma lista de situações diferentes do habitual:

  1. Para pichar corais;
  2. Produzir tinturas artificiais;
  3. Sinalizador de Navalportos;


  • Masoquismo Autotomia de braços

  Você quis dizer: Autonomia de braços  
Google sobre subtítulo acima

Não. Eu não quis dizer isso, e se você por momento pensou que um braço ia pegar o outro na porrada. Estava enganado. Autotomia é o último recurso ninja que um polvo utilizará, pois consiste na decepação de um próprio braço seu, que distrairá o predador enquanto ele escapará perneta da arena de combate. Só que ele ficará que nem o Lula? Não. Os polvos têm uma capacidade de regenerar-se e, assim que possível, o braço perdido renasce(ou não).

Sistema Nervoso e órgãos sensoriaisEditar

 
Um molusco que quase é um polvo por não ter oito patas.

O Sistema nervoso dos polvos é bem avançado para nós, reles mortais, uma vez que ele é responsável por direcionar os oito tentáculos, reproduzir a camuflagem, sufocar presas e comer uma polva simultaneamente.Há uma teoria estudada por pesquisadores, na qual se testa a capacidade que os tentáculos tem de responder por si só sem a necessidade do cérebro estar enviando impulsos constantemente, é como se desse uma ordem e o tentáculo escolhesse como realizar tal ação. Eeeeentão...

  Você quis dizer: Autonomia de tentáculos  
Google sobre parágrafo acima

Dessa vez sim!

Além disso, os polvos tem órgãos sensoriais muito finos,como os olhos que se parecem muito com os nossos. Até pouco tempo atrás, muitas câmeras digitais apresentavam problemas técnicos pois quando a foto era tirada, as bordas ficavam meio embaçadas e depois de estudos feitos com esta espécie animal e sua estrutura ocular, agora as lentes apresentam um formato parecido com os olhos do polvo o que corrige esse erro. Os polvos também tem um aguçado tato, com ventosas equipadas com veneno mortal "sensores" químicos que conseguem sentir o gosto da comida, só de tocá-las(sendo esta uma das razões dos polvos não se masturbarem e se reproduzirem uma única vez na vida toda).

Modo de vidaEditar

 
Polvo assassino caçando

O polvo vive a maior parte de sua vida, solitário,triste e desconsolado esperando o momento certo para poder acasalar. Durante o dia, ele fica que nem um cagão escondido em sua toca,garrafa,pneu velho ou qualquer espelunca que encontre para morar e quando à noite cai, ele sai para caçar você outros moluscos , peixes e tubarões que estão dormindo. Para se locomover, ele transforma seus tentáculos em pernas(estilo Dr.Octopus) e procede saltitannte e pimpão em busca de alimento e a falta de oxigênio que existe em seu organismo, dá a leve impressão de que este animal seja preguiçoso,mas,quando necessário, o seu sifão( o buraquinho da entrada de água) pode trabalhar conjuntamente com os tentáculos tendo como propósito o aumento de velocidade repentino, podendo alcançar a marca de 40 km/H. Ao contrário do que a maioria pensa, os polvos possuem próximo à boca a rádula, uma língua coberta por espinhos mortais que após prender a sua vítima, a devora inteira.


ReproduçãoEditar

 
Um caranguejo casal de polvos.

Um pequeno polvo cresce muito rapidamente e vive por volta de 4 anos, mas, apresenta um metabolismo diferente do nosso onde a cada dia, o jovem polvo engordará 5% do seu peso e ao atingir a Terceira Idade, permanece com apenas 1/3 do que conseguiu engordar ingerir ao longo da vida.Em suma, o grande objetivo da vida do polvo é engordar até conquistar o respeito dos outros polvos e procurar duas três um(a) parceiro(a), procriar e manter a espécie viva pelos próximos milênios.

  • O ciclo reprodutivo

NÃO HÁ ciclo reprodutivo na vida dos polvos,porque ele se reproduz apenas uma vez em toda a sua vida, não porque ele se torna menos produtivo, mas por questões de força maior. Muitas espécimes de polvos são corteses tendo um ritual de acasalamento-

 
Arranjar um lugar para se viver está cada vez mais difícil.

impressionante, com danças, carícias e muito Martini de maçã e normalmente esses rituais podem durar até sete dias. A fêmea, ao perceber que está pronta para a maternidade, libera na água feromônios que atraem os machos da espécie(ou não) até ela e também evitam que os polvos-macho a comam comer literalmente, ou não! Ah não sei o que é comer literalmente hoje em dia, pois o canibalismo é uma prática muito comum entre esses animais.

Enquanto estiver na época do acasalamento, a fêmea pode ser comida fecundada por vários membros de sua própria espécie e quando o felizardo polvo é aceito pela fêmea, o processo se dá com a introdução de um tentáculo especial chamado hectocotylus, normalmente mede um metro de comprimento e é composto por fileiras de esperma que ao serem introduzidas no oviduto da fêmea provocam orgasmos múltiplos permite a fecundação do animal. Em alguns casos, se a polva estiver de TPM, o polvo apenas decepa seu tentáculo reprodutor e deixa sob o manto da polva para ela poder levar no programa do Ratinho quando ele não for assumir a paternidade para ela utilizá-lo futuramente.


Fato interessante

Logo após o coito, o polvo-macho não tem mais do que alguns meses de vida e tendo alcançado a sua meta de não morrer virgem, ele evacua a área rapidamente para não ter que cuidar da próxima geração de polvos condenados como ele. Já a polva, abandonada pelos seus poucos parceiros, passa a cuidar da ninhada de aproximadamente 200 000 ovos sozinha, impedindo que outros predadores venham devorá-los e o fato dela ter que se manter 24 horas por dia acordada,não sobra tempo para a própria alimentação, morrendo assim dias após a eclosão dos ovos.

Sua utilização para o ser humanoEditar

Tendo-se passado eras sem perturbações ou algo que interrompesse seu ciclo de natural, os polvos tiveram que se deparar com a maior ameaça que qualquer animal pode encarar:Toscos como eu, você, burocratas, os seres humanos em geral, impulsionados pelo desejo de oprimir outras raças para seu próprio proveito passaram a caçar estes moluscos indiscriminadamente, utilizando todas as partes do seu corpo para fins gastronômicos, tecnológicos, sexuais, literários, entre outras barbaridades.

Fins GastronômicosEditar

Descobrindo propriedades altamente nutritivas em sua carne, nós resolvemos cozinhar, refogar, fritar, comer cru ou qualquer coisa maluca que você tente fazer com eles, porque acima de tudo, ela faz parte de uma refinada iguaria nos quais você não terá acesso devido ao fato de você trabalhar 12h por dia para comer um ovo com farinha quando o dinheiro dá.Voltando ao nosso bichinho, uma receita totalmente prática será divulgada para que você tenha o seu próprio jantar especial para conquistar o seu garoto de programa amor.

Observação:

O Ministério da Saúde adverte:
Cozinhar polvos pode causar uma chance relativamente alta de efeitos colaterais surgirem, tais como distúrbios agudos intestinais e se ele não for bem limpo na preparação, há o risco do degustador ingerir acidentalmente além de toxinas desagradáveis, a própria tinta, provocando uma rara doença em certos usuários: a vitiligo invertida..
Octopoda é contra-indicado(a) em caso de suspeita de dengue.


Ora, pois, esta é uma Receita portuguesa para se fazer um arroz com polvo. (Tanto porque fazer algo complicado demais seria meio limitado para você ou falantes da língua lusófona)


 
Seu prato depois de pronto.Onde as bolinhas vermelhas são os temperos, os fios alaranjados,as entranhas do polvo e as bolinhas verdes o que o polvo comeu no almoço

Medidas em colheres de chá(CCHá) ou colheres de sopa(CSop)

  • 2 CChá de arroz
  • ½ CChá de azeite de oliva
  • ½ Cchá de cu Entro picado coentro picado
  • 1 CSop de vinagre
  • 1 lata de molho de tomate
  • 1 copo de vinho branco
  • Folhas de alface
  • 1 KG de polvo
  • 1 cebola picada
  • 1 folha de louro
  • Sal

Deve-se limpar bem o polvo(é sério) e cozinhar durante alguns minutos(enquanto você estiver cagando ou o miojo da sua irmã ficar pronto, você decide). Logo após, escorra e corte em pedaços pequenos. Jogue a cebola cuidadosamente para não te cegar junto com o azeite, adicione o polvo, o louro, e todo o resto das coisas que você conseguiu comprar. Refogar, mexendo sempre, por uns 5 minutos, depois adicionar o vinho. Junte com o arroz e cubra de água. Seu cozinho você vende, né? você cozinhar pela próxima meia hora, o prato estará devidamente pronto para ser servido.

Fins TecnológicosEditar

 
Night-Sea-Vision JeremiasGooglemaster 99x - Acessório criado a partir do estudo sobre a visão do polvo.Ele vê debaixo d'água, tem visão raio X e frita sardinhas até.

Como este tópico foi introduzido anteriormente, os polvos têm uma visão altamente eficaz, apesar da sua estruturação simples que copia de certa forma, o olho humano. É certo que existem algumas deficiências ridículas como o fato do polvo enxergar cores, ter uma visão binocular, mas não consegue distinguir imagens orientadas diagonalmente ou horizontalmente simétricas,ainda sim, ele constitui um dos maiores fascínios para o estudo humano e é o ponto de partida para todos os estudos relativos à ótica. Baseado nessas informações, aprimoramentos foram feitos com o passar do tempo, como o reajuste de borrões nas fotografias, por exemplo.

Ainda hoje,cientistas engajados do mundo estão desenvolvendo chips controladores de mente que pretendem dar aos robôs uma visão tal qual como eles têm do mundo(ou seja, triste,sem adrenalina e com muita água), representando sua distinção de cores,alta capacidade de observar fatos alheios e futuramente, será implementada a capacidade interna de ver luz polarizada sob água nas CNTP!

Entre vários experimentos importantes com o polvo realizados por vários cientistas loucos, os do Dr. Octopus encontram-se entre os mais importantes. Ele conseguiu ligar às suas costas oito tentáculos metálicos que utiliza para tudo, (comer, limpar, coçar o nariz, andar, nadar, fazer experiências loucas…). O Dr. Octopus é frequentemente mal interpretado, pois como ele realiza todas as tarefas com os seus tentáculos metálicos acaba por partir muitas coisas e magoar pessoas, por isso é muitas vezes erroneamente considerado um super-híper-ultra-mega-mauzão-vilão, mas a verdade é que ele é um fracote merdoso medroso que só quer viver pacatamente com oito tentáculos.

Fins SexuaisEditar

 
Big T., o novo astro da Brasileirinhas

Os mega-produtores de filmes pornográficos brasileiros estão no auge de do sucesso em nosso país, pois eles se aproveitam da necessidade intríseca de liberar libido sexual natural dos brasileiros e contam com material de primeira qualidade, mas, devido à supersaturação de filmes neste ramo, os punheteiros consumidores estão cada vez mais exigentes quanto ao tema dos filmes.

A ABZB(Associação Brasileira de Zoófilos e Botanófilos) recentemente propôs uma lei que pemite a inserção de novos animais nessas obras cinematográficas, incluindo o nosso amigo polvo. Os polvos que foram selecionados para esta árdua tarefa, foram os que não possuíam tentáculos reprodutores ativos, isto é, que já foram decepados por alguma polva a fim de não transmitir doenças ou gerar filhotes um pouco anômalos.

Fins LiteráriosEditar

Você sabia que...

O polvo também é uma figura muito popular na cultura literária,representando principalmente o oceano, a sedução, o controle e a tendência a mudar, a metamorfose ambulante. Analisemos este trecho de um poema de Augusto de Lima intitulada "O Polvo":


 Polvo da eterna dor, embalde apertas

em teus forte tentáculos sedentos

a humana essência, contra a qual despertas

em teu furor os vários elementos. 

 
Imagem desenhada por um sobrevivente do ataque do Kraken.É...parece que Nemo contou uma inverdade sobre este episódio.

Percebe-se uma revolta interna por parte do eu-lírico, onde na qual o polvo representa todas as forças que pressionam o ser humano contra a sociedade e que ao mesmo tempo ele vê nisso uma situação confortadora,apesar de toda a conformação em que ele se encontra, pois não quer mais lutar, NÃO MAIS...

...

...

Ou não. Apenas ele estava muito chapado quando escreveu este poema.

Os polvos também aparecem sob a forma de uma mítica e lendária criatura,conhecido na mitologia nórdica como o Kraken, um polvo colossal, maior do que o Godzilla e que destrói navios nos mares da europa. Este irmão mais velho do polvo ordinário é considerado o ídolo em culturas submarinas, temido em Atlântida e venerado por inúmeros escritores que buscam inspiração em coisas mágicas,dentre eles, Júlio Verne que apresenta ele como um dos monstros enfrentados por Capitão Nemo em uma de suas obras mais conhecidas:Vinte Mil Léguas Submarinas.


Outras barbaridadesEditar

Aqui veremos outras coisas absurdas que o homem faz com o polvo:

  1. Utiliza o polvo como cartucho de impressora;
  2. Utiliza o polvo como cachecol;
  3. Utiliza o polvo como isca para ETs do Panamá;
  4. Utiliza o polvo para fazer biscoito de polvilho;
  5. Utiliza o polvo para criar monstros bizarros;
  6. Utiliza a pele do polvo para fazer a capa invisível do Harry Potter;

Piadinha engraçada para finalizar o artigoEditar

Garotinho um: Ei!Ei!O que que o polvo come de manhã no café da manhã?!

 
Se você não rir com a piada,ria comigo.

Garotinho dois: Hmm .. não sei, o que é?

Garotinho um:PfffF! * segurando o próprio riso * tenta adivinhar!

Garotinho dois:Não sei. Fala logo.

Garotinho um:O polvo .. HAHAHAAHEUA, come .. bisc..bisco.. ahahahha

Garotinho dois: O que, porra?!

Garotinho um: HAHAAHHAEUHAAHUE

Garotinho dois: ai meu caralho.

Para saber a resposta da incrível piada,procure neste artigo: Piada .

FamíliasEditar