Abrir menu principal

Desciclopédia β

U telec2k.jpg

Este artigo discute coisas intrínsecas aos anos 2000!
Provavelmente ele se refere a coisas daquela época, tais como Counter Strike, Harry Potter e TV Globinho.

NovoWikisplode.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Primavera Árabe.

Cquote1.png Você quis dizer: Primavera verão? Cquote2.png
Google sobre Primavera Árabe
Cquote1.png Experimente também: Inverno Árabe Cquote2.png
Sugestão do Google para Primavera Árabe
Cquote1.png #foramubarak Cquote2.png
Twiteiros egípcios pedindo saída de Hosni Mubarak.
Cquote1.png Daqui, só saio morto! Cquote2.png
Muamar Kadafi sobre protestos na Líbia.
Cquote1.png Ora, pensa que eu tenho medo da polícia? O que essa múmia pode me fazer? Cquote2.png
Manifestante egípcio no Cairo para reporter da BBC antes de sumir misteriosamente.

Primavera Árabe é um movimento que surgiu no começo de 2011 na Tunísia para derrubar ditadores que não queriam largar o osso nem fodendo e que se alastrou pelo resto do mundo árabe. Turquia, Irã e Israel não aderiram a essa doideira, pois não são árabes, diga-se de passagem.

Histórico dos fatosEditar

O povinho da Tunísia já tava ficando puto de raiva com o domínio de Zina Zine al-Abdine Bem Dali Ben Ali e pela internet, começaram as manifestações pedindo pra ele sair. O povo conseguiu fazer ele fugir pra Arábia Saudita e a putaria começou. Diversos países entraram na onda, sendo os casos mais graves na Líbia, onde Mr. Kadafi resistiu até a galera decidir matá-lo, sendo que depois ele fugiu, mas não deu certo, e na Síria, onde a treta foi tão pica que desbancou a Austrália como o país mais perigoso do mundo.

A revolução faz a egípciaEditar

Depois que Ben 10 Ali caiu, o pessoal do Egito, Bahrein (que é uma das corridas da Fórmula 1), Arábia Saudita, Marrocos, Argélia e Líbia viu que era possível o povo derrubar o ditador de seu país. Eles estavam sem esperanças, mas se tivessem comparado com as chances do Fluminense disputar a Série B teriam esperança maior. No Egito, o presidente Hosni Múmia Mubarak decidiu que não iria sair e chamou povão pra luta. Durante meses, conseguiu matar uma galera e gastar o dinheiro público com tinta preta.

  Conheça também a versão oposta de Primavera Árabe no Mundo do Contra:

 
v d e h
Mitologia Política Internacional: Lendas, seres e outros negócios fantásticos geopolíticos que não afetam o Brasil lá fora
Alt-RightAliança Curdistão-IsraelAmericanismoAntiamericanismoAtlantismoAustríacas que deram beijinhos no Matteo SalviniBOT RussoBRICSCaravanas de imigrantes da América Central que partiram com destino ao México e foram barradasCertidão de nascimento do ObamaChinês corajoso que encarou uma frota de tanques de guerra sozinhoDeputado negão Italiano do Lega Nord que é contra imigração ilegal em massaEurasianismoEuromaidanFeminista que mostrou as tetas pro Vladmir PutinGrab them by the pussyGangorras e partidas de Vôlei na fronteira entre México-Estados UnidosHonestidade da Hillary ClintonImperialismo LacradorIraqi Slap SonicaKony 2012Muro na fronteira Estados Unidos-CanadáNegões que pegaram o Emmanuel MacronNeonazismo na BundeswehrNova Ordem MundialPanama PapersParada Gay de IsraelPaz MundialPizzagatePlano KalergiPrimavera ÁrabeRevoluções ColoridasSalafismoSionismoTerceira Guerra MundialVaca indiana pintada com a bandeira do PaquistãoWahhabismo