Abrir menu principal

Desciclopédia β

Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno

Nota: Não confundir com a Microrregião de Goiás, mesmo que seja quase a mesma coisa.


O dito-cujo

A Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno é uma região situada no centro-oeste de Goiás e ao noroeste de Minas Gerais, e que envolve todos os municípios que circundam o Distrito Federal brasileiro. Diferentemente da região do Entorno do Distrito Federal essa região surgiu após uma canetada presidencial em 1998 e envolve tanto municípios com goianos quando municípios com mineiros, o que acaba sendo bom e ruim ao mesmo tempo.

Índice

SobreEditar

Na teoria, essa associação facilitaria acordos entre os municípios e o Distrito Federal, promover o desenvolvimento dessas regiões, o que na prática é bem diferente. A nível oficial, a região só existe no papel assinado pelo então presidente Fernando Cardoso.

Integração entre a populaçãoEditar

Já fora da esfera governamental, a população local usufrui bem dos recursos compartilhados entre eles, onde um morador do Distrito Federal vai todo mês a algum show de sertanojo passar a noite com algum viado bem maquiado em Caldas Novas ou em Buritis, visitando parentes que moram no município e que possuem algum envolvimento com falcatruas que ocorrem na prefeitura. O inverso também é recorrente, onde moradores de Formosa e Luziânia viajam em velhos sardinheiros até o Distrito Federal para trabalhar em empregos-bucha-de-canhão ou mineiros que resolvem dar um passeio naqueles enfadonhos pontos turísticos na capital federal.

Como deve ter ficado implícito no parágrafo anterior, os mineiros de Buritis e Unaí não costumam visitar cidades do entorno do DF pelo fato de simplesmente não existirem locais a se visitar em cidades como Cidade Ocidental ou Valparaíso. Com exceção daqueles de Unaí que infestam aos montes cidades-assaltélites como Paranoá e São Sebastião, os mineiros não costumam sair muito do buraco onde eles vivem, sendo mais comum ver calangos visitarem aquele povo come-quieto.

DemografiaEditar

A região é composta pelos mais variados criminosos do folclore criminal brasileiro. No quadrado central, concentram-se os marginais de colarinho branco, enquanto no entorno, os trombadinhas tomam conta. Nas minas genéricas, quem mais atuam são as quadrilhas de assalto a banco.

EconomiaEditar

Na RIDE do Distrito Federal e Entorno, a economia é fomentada principalmente pelo Governo Federal, por meio da União que injeta uma boa grana fazendo o que o Governo de Goiás e do Distrito Federal não fazem de jeito nenhum. A outra grande parte da economia da região vem da venda de produtos contrabandeados.

MunicípiosEditar