Abrir menu principal

Desciclopédia β

Ricardo de Albuquerque



Cquote1.png Sua pesquisa não obteve resultados Cquote2.png
Google sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Foi onde passei minha infância Cquote2.png
Fernandinho Beiramar sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png HULK ESMAGA! Cquote2.png
Hulk sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Hum, acho que já roubei esse cara... Cquote2.png
capeta José Serra sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png É UM LUGAZIN MUITU BOM PA VIVÊ MANO! Cquote2.png
favelado sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Vai além dos meus domínios Cquote2.png
Deus sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Onde é que fica mesmo? Cquote2.png
Atlas sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Retirada, homens, retirada! Cquote2.png
Capitão Nascimento depois de passar 5 minutos em Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Nunca fui pra tão longe Cquote2.png
Pedro Álvares Cabral sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png É igualzinho à minha varanda! Cquote2.png
Lúcifer sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Perdi minhas botas uns 200km antes Cquote2.png
Judas sobre Ricardo de Albuquerque
Cquote1.png Comprei uma placa novíssima de fax-modem de 33.600kpbs ontem lá Cquote2.png
Bill Gates sobre Ricardo de Albuquerque

Índice

LocalizaçãoEditar

Nos mapas, aparece como um segmento de terra infernal no subúrbio da cidade do Rio de Janeiro, que infelizmente é chamado de bairro. Porém estima-se que Ricardo de Albuquerque esteja além dos limites territoriais brasileiros, estando localizado na fronteira da Terra do Nunca com Lugar Nenhum (lar do cãozinho Coragem). De tão longe que é, suspeita-se que Osama Bin Laden está refugiado no local tramando seu próximo atentado terrorista.

 
Zona luxuosa de Ricardo de Albuquerque.

Possui uma pequena casa de satisfação masculina estação de trem, que separa a pior parte de seu terrirório (aquela que faz fronteira com guadalupe) da "parte menos pior", que é onde localiza-se a Praça de Ricardo. Porém, é nessa mesma área que está o Morro do Cocô, favela povoada por viados que não tem nada pra fazer trabalhadores necessitados que não obtiveram sucesso na sua procura por empregos na turnê do Chimbinha. Ricardo de Albuquerque é composto por uma estação de trem, um ponto de ônibus, um cemitério e uma delegacia, que ocupam cerca de 300m², mas não se iluda com este pequeno território pois para percorrê-lo em direção à av. da ziczira Brasil leva-se cerca de 40 minutos de trânsito.

TransporteEditar

Se você quiser, poderá até ir à lua de Ricardo de Albuquerque. Tem ônibus para todos os lugares imagináveis, sendo o mais comum no local o da linha Capiroto Central de número 666, com trajeto PAVUNA X INFERNO. Se um dia, por algum maldito azar, você precisar pegar esse ônibus, viaje no "666 PAVUNA X INFERNO DIRETO", pois também existe o "Via Caminhos Melancólicos" que pode passar por locais que não vão ser de muito agrado.

 
Caveirão: transporte mais conhecido de Ricardo de Albuquerque.

A estação de trem de Ricardo de Albuquerque está totalmente fudida nas mais perfeitas condições de higiene e infraestrutura. Ela é constantemente visitada por chefões do tráfico pessoas extremamente importantes para a região e que levam muito lucro para o bairro. Pela estação passam trens com direção a Bangu, Japeri (meu Deus, onde diabos fica Japeri?), Central do Brasil, entre outros. Porém, os mais conhecidos transportes públicos de Ricardo de Albuquerque (e também os prediletos dos habitantes) são o camburão da Polícia Militar e o caveirão do BOPE, os quais estão frquentemente transportando moradores da região para dar uma voltinha na delegacia ou então no matadouro de marginais.

PopulaçãoEditar

Ricardo de Albuquerque conta com uma população de bem, justa, honesta, que vai desde fogueteiros pedreiros e marceneiros até traficantes de sucesso grandes empresários. Segundo pesquisas feitas pela ONG TO CANSADO DE POBRES INÚTEIS 99,99999999999999999% da população é flamenguista, seguindo o exemplo do fundador efetivo do bairro, Fernandinho Beira-Mar, que é tido por muitas pessoas como a principal imagem de adoração, perdendo apenas para Chuck Norris. As grandes massas populacionais encontram-se na comunidade do Morro do Cocô e na fronteira com Guadalupe. Não é permitido, pelo chefe da região, entrar em detalhes sobre a infra-estrutura e sobre a população dessa parte do Inferno terrirório.

DiversãoEditar

Os moradores na região possuem vários locais onde podem se divertir e passar o tempo vago, como a Boca do Dragão, local determinado para o uso da erva do capiroto de agentes naturais e a Casa da Mãe Luzia, puteiro local destinado à meios de satisfação masculina.

 
Momento de alegria para os moradores de Ricardo de Albuquerque

Além disso, a noite em Ricardo de Albuquerque é uma guerra civil uma criança! Em vários pontos do bairro, nota-se a presença de festividades típicas do povo de lá, os chamados Bailes Funk, organizados por chefões do tráfico empreendedores de sucesso com o intuito de arrecadar capital para manter a sua boca de fumo empresa estável. Além disso, tal tipo de festa contribui para a maior inclusão social, pois os participantes podem ter uma *relação mais harmoniosa com as pessoas e o espaço a eles destinado.

  • Traduzindo: Orgias incontroláveis com tiroteio que não te deixa dormir a noite inteira.
     
    MC Carente postando para a capa de seu novo cd

MC's oriundos de Ricardo de AlbuquerqueEditar

  • MC Silvio Santos
  • MC Menó do Chapa
  • MC Zina
  • MC Créu
  • MC Capeta
  • MC Tenho Medo do Chuck Norris
  • MC Carente
  • MC do Inferno
  • MC do Bonde do Arranca
  • MC de Anchieta
  • MC Dadá Lima

Músicas Famosas em Ricardo de AlbuquerqueEditar

  • The Capeta's Song
  • Vai sentando
  • Senta Senta Senta
  • Créu
  • Sou burro e como capim
  • CV é nóis
  • Cheirinho da loló
  • Pentada violenta
  • A Melhor é de Ricardo (maconha)
  • Catucadão

ConclusãoEditar

Bom, depois de tanto refltir sobre Ricardo de Albuquerque, conclui-se que esse será o último lugar da face da Terra (e talvez do Inferno) no qual você vai querer passar suas férias de verão. Por esse motivo, Osama Bin Laden, atual coordenador e chefe das relaçoes inter bairros de Ricardo de Albuquerque, começou a implantar políticas de melhoramento turístico. Acho que, finalmente, estamos por ver os anos de ouro de Ricardo de Albuquerque.