Abrir menu principal

Desciclopédia β

Cquote1.png Oh, yeah, oil ! Cquote2.png
George W. Bush sobre Rogaland
Cquote1.png Nem sonhando, você não tem nenhuma desculpa para me invadir Cquote2.png
Rogaland sobre citação acima

Rogaland é um condado da Noruega responsável por uma das coisas que a Noruega mais tem: Black Metal Loiras Vikings Petróleo! Tudo bem que Rogaland não é nenhuma Arábia Saudita, mas lá, por não ter terroristas fanáticos islâmicos nem guerras causadas pelos Estados Unidos (por enquanto), é bem mais fácil explorar o óleo.

HistóriaEditar

 
Plataforma vendida pela Petrobrás para as companhias de Rogaland. Qualidade e eficiência em primeiro lugar na extração e no beneficiamento de petróleo.
Erro ao criar miniatura: Arquivo não encontrado
Cuidado colega, se essa pedra soltar, você cai em um poço cheio de petróleo.

Rogaland sempre foi uma das áreas menos conhecidas da Noruega. Na Pré-História, como os homens das cavernas usavam madeira e urina para produzir fogo, não sabiam aproveitar aquele pedaço de terra. Historiadores encontraram esqueletos de um garoto desfigurado em buracos em Rogaland, mas esses esqueletos existem em qualquer lugar, até mesmo no seu jardim.

Durante a Era Viking, o petróleo de Rogaland era usado para fazer rituais satânicos usando fogo. O condado foi palco de importantes batalhas, porque os bárbaros disputavam o óleo de lá. Para eles, passar aquele líquido inflamável no corpo os tornariam mais bárbaros. No final, o resultado foi um empate técnico, e depois que descobriram que o uso do petróleo em excesso no organismo causava câncer, perda de memória e outras coisas que eu esqueci, o interesse no líquido diminuiu.

Quando a Noruega se torna um país em 1800 e lá vai bolinha, o governo, querendo se diferenciar dos seus vizinhos escandinavos, decide explorar definitivamente o óleo em Rogaland. Hoje o condado, por causa do risco de ser invadido por outros países igualmente interessados no ouro negro, é uma das regiões com maior concentração de batalhões do exército norueguês.

GeografiaEditar

Rogaland é cheia de fiordes para todos os lados do litoral. Mas devido aos constantes vazamentos dos petroleiros, eles não podem ser aproveitados para o turismo ou para a pesca do bacalhau. Mas ninguém se importa com isso, porque a indústria petrolífera dá mais dinheiro do que a preservação ambiental. Onde não existem fiordes existem cidades ou poços de petróleo, ou água e neve.

EconomiaEditar

Porra, você não leu o artigo? Como todos já devem saber, é baseada na exploração do petróleo. O óleo o tornou um dos condados mais ricos da Noruega, sendo comparado a Sor-Trondelag e outros. Porém, o dinheiro gasto para reparar as constantes catástrofes ambientais causadas pelo vazamento do produto é maior do que o obtido pela venda do líquido, causando uma crise econômica na região.