Abrir menu principal

Desciclopédia β

Cquote1.png Puta falta do que fazer vir ler sobre "Rubídio" na Desciclopédia! Cquote2.png
Oscar Wilde

Rubídio
Cápsula e rubídio.jpg
Homem exibe um dildo de rubídio, atestando a Lei 34 da Natureza
Símbolo, número Rb, 37
Série gás ignóbil
Principal isótopo 85Rb
Propriedades atômicas
Massa atômica Alguma coisa
Dureza Quebradiço
Nível de radioatividade Nula
Nível de toxicidade Nula
Propriedades físicas
Comestível? Não. Explode teu estômago
Inalável? Não. Explode teu pulmão
Posso passar na pele? Não
Onde encontrar zinnwaldita
ponto de fudição -
ponto de rebuliço -
Coisas de quadrinhos
Probabilidade de te transformar num super-herói Nulo



Rubídio é o quarto gá ignóbi a tabela periódica, vendo-a de cima pra baixo. O seu símbolo é o Rb (não confundir com a assinatura do Rubinho Barrichello apesar que assim como o Rubinho, o Rubídio é também o último a ser lembrado ou utilizado). É mais um elemento químico da família dos que ninguém conhece e nem sabe para que serve.

CaracterísticaEditar

 
O rubi, ao contrário da crença popular, não é feito de rubídio. Porque é muito bonito para um metal alcalino, que são todos bem sem graça.

O rubídio ainda foi pouco estudado porque não é possível produzir pedra filosofal a partir dele, sendo portanto pouco utilizado por alquimistas. O rubídio é altamente reativo e não leva desaforo pra casa, é o metal alcalino mais eletropositivo e se chegar perto de um hidrogênio já o que levar pra porrada e explodir tudo em seu caminho, mas ainda assim é o metal alcalino mais inútil porque ninguém quer explodir coisas sem poder controlar quando que será a explosão.

Quimicamente o rubídio reage violentamente com a água causando uma explosão de 500 megatons de joules ao quadrado numa proporção de 50 mols de rubídio para cada 1H2O cúbico, de modo que o rubídio é para a água o que o Goku é para Namerkusendim.

Altamente oxidável pode ser encontrado em forma de gás letal Rb2O, Rb4O, Rb2O2, Rb2O3, e RbO2

AplicaçõesEditar

O rubídio é muito utilizado na fabricação de fibras óticas devido à sua capacidade química de distorcer a realidade ao entortar os fótons e assim garantir um fornecimento de energia alto e constante, até por isso também é utilizado em revestimentos fotoemissores ionizados de telúrio-rubídio em células fotoelétricas de detectores eletrônicos radioativos em tanques de combustíveis movidos à biocombustível brasileiro, afinal é um excelente componentes de resistores eletro-vulcânicos.

Outros usos incluem ser um bom afinador de vácuo graças às suas propriedades sobrenaturais de transformar o nada em mais nada ainda, o que explica porque ele também é usado como fluído de turbinas de fuscas.

O metal RbAu4I5 (conhecido como adamantium) é a classe mais alta das armas de RPG.

Ainda se estuda a possibilidade de empregar o rubídio no refino do vácuo de geradores termoelétricos baseados na magnetohidrodinâmica, de forma que os íons de rubídio gerados espontaneamente através das altas temperaturas de um mini-Big Bang se expandam com a baixa temperatura do redor hidro-magnético ionizado e sejam conduzidos através de um campo magnético, gerando uma corrente elétrica, e assim seja possível a fabricação em massa de sabres-de-luz.