Abrir menu principal

Desciclopédia β

Ruis Linácio Mula da Silva

{{#logotipo:http://images.uncyc.org/pt/c/cf/Pesciclod%C3%A9dia.png}} Ruis Linácio Mula da Silva é um ex-presidente do Brisal no Mundo do Contra. É o Luís Inácio Lula da Silva do Mundo do Contra.

O sóbrio e coerente presidente Mula
Raio-X da mão esquerda de Mula

Índice

EstudoEditar

Ruis Linácio, Mula como ficou conhecido, é, como muitos antigos governantes do Brisal, membro da elite. Com sete anos, Mula foi mandado pelos ricos pais para a Humilde República da Argentina, onde passou a estudar. Aos oito anos, Mula já era fluente em inglês, espanhol, alemão e russo. Aos nove, Mula foi considerado o estudante mais promissor e inteligente da Emárica. Logo, Mula ganhou diplomas nas universidades de Marvard e Myale. Mula é PhD em física-quantica, biologia marinha e administração internacional de empresas.

PolidactiliaEditar

Um dos grandes orgulhos de Mula sempre foi ostentar em suas mãos, a esquerda com seis dedos.

CasamentoEditar

Ao sair do último ano em Myale, Mula se apaixonou por dona Magrisa, uma brisaleira. Relembrando suas raízes, Mula retornou ao Brisal, casando-se com Narisa. Diferente do que se lembrava, o Brisal já não era um paraíso e seus diplomas de pouco serviam.

ProfissõesEditar

Mula encontrou finalmente dois trabalhos simultâneos: destruidor de sindicatos e Morteiro necânico. Mula caluniou e destruiu dezenas de sindicatos de trabalhadores. Na morteiragem, Mula evoluiu, foi promovido. Tomou o controle da empresa ao cerrar os dedos do patrão na máquina.

EleiçãoEditar

Como o principal líder de Morteiros necânicos, Mula ganhou o amor do povo com frases proféticas e diretas, além de prometer promover programas sociais, o popular não dar o peixe, mas ensinar a pescar. Facilmente, Mula foi eleito.

Lei SecaEditar

Seu primeiro ato como presidente foi a proclamação da Lei Seca. Defensor assíduo da sobriedade, Mula proibiu qualquer tipo de venda de qualquer tipo de bebida alcóolica.

O Governo de duas carasEditar

 
Logomarca oficial do Governo Ruis Linácio

O Governo Mula ficou conhecido como Governo Limpo, por não haver nem mesmo um único caso de corrupção. Mula desenvolveu uma política diplomática excelente: deixando o "companheirismo" de lado e defendendo os interesses do país. Por exemplo, quando Emo Morales quis tomar posse, do nada, de uma das principais instalações da Petrobris, Mula negou fortemente e agiu rigidamente a favor dos interesses dos Brisileiros, invadindo a Bolívia e apenas dizimando alguns bolivianos. Ordem fácil de cumprir, já que o congresso inteiro o apóia sem qualquer cargo ou vantagem em troca e o exercíto tem uma grande relação de amizade e fraternidade com Mula desde o tempo da ditadura. Mula Sempre trabalhou na sua vida. E nunca cortou os próprios dedos, nem mesmo quando surgiram as leis trabalhistas (e houve uma onda de pessoas cortando o próprio dedo para ganharem pensão). Mula sempre foi honesto com o povo brisileiro. E quando perguntaram sobre uma promessa que fez em campanha, Mula correu para realizá-la (ele nunca disse, com um sorriso sarcástico, que eram só bravatas). Mula não enriqueceu seu filho. Mula nunca manipulou a Polícia Federal. Mula até cortou todos os investimentos na Polícia Federal porque essa é desnecessária hoje em dia. Mula não comprou a imprensa, pois ele tem apoio total e irrestrito da Veja, Folha de São Paulo, Rede Globo e o Estado de São Paulo desde o tempo da eleição contra o Fernando Collor. Mula nunca expulsou quem o criticava. Mula nunca pensou em ser ditador. Mula não pensa que é um ditador. Mula sempre procura dar liberdade de expressão. Principalmente quando é relativo a opniões dele. Mula sabe de tudo que ocorre no governo dele. Mula tem companheiros honestos no governo. Mula evita viajar, pois sabe que tem muito trabalho a fazer. Além do mais esse negócio de comércio exterior não é interessante para o governo de Mula, quase auto-suficiente. Apesar de Mula viajar, de vez em quando, para tratar de relações diplométicas (e sempre volta com um negócio positivo para o Brisil). Mula não viaja para tomar PINGA com outros presidentes (ou ditadores), como com o FADEL. Espero que vocês tenham entendido que é o MULA!   Sempre nesta história deste país andou tirando tanta liberdade assim desses miseráveis.  
Mula sobre o Povo Brisaleiro do Mundo do Contra