Abrir menu principal

Desciclopédia β

Santiago (Rio Grande do Sul)

Wikify.png Por favor, alguém arrume este pobre artigo segundo as diretrizes estabelecidas no livro de estilo antes que alguém infarte lendo esse artigo mal formatado...
AVISO: NÃO REMOVA ISSO ANTES DE TER CERTEZA ABSOLUTA QUE O ARTIGO JÁ FOI COMPLETAMENTE "WIKIFICADO", SENÃO VOCÊ PODERÁ SOFRER AS CONSEQUÊNCIAS!
Dica: não sabe como wikificar um artigo? Então leia AGORA o nosso Tutorial Wiki! Ou peça ajuda para os usuários mais experientes...

Santiago é um município do (País) estado Rio Grande do Sul. Conhecida como A Terra Dos Poetas, ou Poeteiros, Santiago é a cidade origem de muitos escritores famosos em seus nichos cujas existências são completamente desconhecidas pela população comum do local. Apenas professoras de Literatura, Nerds, Poeteiros e senhores aposentados que passam o dia sentados nos bancos da praça conhecem os ditos "poetas" da Terra dos Poetas. Esses últimos sabem do nome de uns dois ou três, pois seus bustos estão esculpidos em pedestais bem na frente de seus bancos/casas onde passam o restos dos seus dias olhando para o nada esperando a morte. A cidade também é conhecida pelas suas belezas naturais e outras coisas construídas pelo Homem. O Posso do Cabo, conhecido popularmente como Posso da Bosta, era um lindo riachinho de águas límpidas até as pessoas irem lá e cagarem nele. A Colina das Bruxas era um belo montinho cheio de grama verde até uns filhos da pátria transformarem o lugar em um deposito de camisinha e tocos de cigarro. A Estação do Saber, antiga estação férrea abandonada convertida em monumento cultural, é o melhor local da cidade para fumar, cheirar, injetar e desmaiar em coma alcoólico da região, pois é tão negligenciada pela população que ninguém irá lhe incomodar. Caso esteja fazendo um tour por Santiago e tenha ficado de saco cheio dessa baboseira literária (ninguém se importa com literatura ou regras gramaticais mesmo) é possível visitar localidades cheias de gente onde você não se sentirá sozinho e fará novos amigos, ou talvez curtir o silêncio e a calmaria para relaxar. O Shopping e o Cemitério. O cemitério pois é onde está a maior parte da população de Santiago, e o Shopping porque o movimento é tão morto que é possível morrer lá dentro que nunca irão perceber.