Street Fighter Alpha 2

Virtualgame.jpg Street Fighter Alpha 2 é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, um narrador grita FORTEBOOMBA!!!!.


Cquote1.svg Caralho! Outro Istriti! Cquote2.svg
Pivete de fliperama que já nem é mais tão pivete assim sobre Street Fighter Alpha 2, o milésimo Street Fighter

Street Fighter Alf 0,2
Street Fighter Alpha 2.png

Capa do jogo

Informações
Desenvolvedor Capcom
Publicador Capcom
Ano 1996
Gênero porradaria
Plataformas arcades de rodoviárias
Avaliação 60%
Idade para jogar Livre

Street Fighter Alpha 2 é um jogo da Capcom do gênero real-time strategy (estratégia em tempo real) e o milésimo jogo da série Street Fighter sendo basicamente a mesma coisa do Street Fighter Alpha 1 que sabemos é a mesma coisa do Street Fighter II. Lançado nos arcades do mundo inteiro em 1996 e adaptado para os mais toscos consoles de sua época. Os seus controles inovadores eram baseados em 6 botões que faziam todos a mesma coisa e uma alavanca fálica em formato cilíndrico insinuante que comanda os movimentos do personagem. A defesa impenetrável e a rasteira do M. Bison que é uma apelação sem limites praticamente indefensável são os dois elementos que tornam esse jogo completamente desbalanceado e impossível de apreciar.

Como estamos falando de um jogo da série Street Fighter, obviamente que foram lançadas ainda outras versões do jogo, como o Street Fighter Zero 2 Alpha, uma versão para os japoneses contendo as trapaças da versão americana e o Street Fighter Alpha 2 Gold/Zero 2 Dash que é a versão lançada na Moldávia que conta com as trapaças da versão americana, a música de fundo re-mixada e a inclusão de Kileer Bee (Cammy para os n00bs) para você poder fazer a suruba da Cammy com a Chun-Li.

EnredoEditar

 
Street Fighter Alpha 2 lançado para Etch A Sketch.

Para variar, como é o de se esperar mesmo, o enredo é praticamente inexistente, fazendo jus ao estilo da série Street Fighter de cagar e andar para o desenvolvimento de qualquer história. Você escolhe um personagem, bate em todo mundo até morrer e dar Game Over no M. Bison, nada mudou substancialmente.

A brevíssima história do jogo diz que, por algum surto psicótico bizarro, M. Bison (Vega na Espanha) decide matar a família de todos os personagens do jogo, que por sua vez se matam entre si para decidir quem vai matar o último chefão que é o Bison (Vega na Espanha).

Algo novo que pode acontecer é que se o jogador vencer todas lutas ele no final encontra Shiny Akuma (Shin Gouki na Indonésia) que é a versão colorida e rara do Akuma.

PersonagensEditar

  • Ryu - O protagonista da série obviamente estaria nesse jogo. Provavelmente esquizofrênico, roda o mundo lutando por comida.
  • Chun-Li - Cansada de ser material hentai ela decidiu trocar a meia-calça com calcinha atochada no ânus por uma calça legging azul além de ter começado a tomar a mesma bomba pra cavalo da Gracyanne Barbosa para ver se ficava logo parecendo macho e deixavam ela em paz.
  • Charlie - Guile disfarçado de metrossexual em serviço secreto para a CIA.
  • Ken - Marido da barbie, continua sendo o típico riquinho preibôi que usa as técnicas do Ryu, mas sem desmanchar o cabelo feito de chapinha.
  • Guy - Um cara lá qualquer desprovido de qualquer carisma que ninguém nem sabe o que está fazendo ali, cópia barata do Ryu mas com a roupa do Ken.
  • Birdie - Marginal ladrão de carro, está com problemas na coluna e precisa de dinheiro para pagar a cirurgia, por isso vira assaltante.
  • Sodom - Um jogador de futebol americano que perdeu o capacete e precisou adaptar com uma máscara samurai. Ele é sadomasoquista e vai começar sua jornada atrás da maior surra que ele pode levar na vida.
  • Adon - Um dos alunos de Sagat (atualmente reprovado e expulso da escolinha por incompetência).
  • Rose - Prima da Mãe Diná, lê mão, joga búzios, tira cartas e lê sua sorte. Embora tenha um caso com o M. Bison, tomou tanta rasteira e bicuda que se revoltou.
  • Sagat - Criador do Tiger Robocop, ainda continua procurando o seu olho perdido.
  • M. Bison - Personagem inspirado em um ditador da vida real, M. Bison sempre é visto ao lado de suas bonecas barbies Juni e Juli. Criador do Fatal Final Rule Pisaico Cruuuuuuusher!!!!! que leva qualquer noob ao Game Over e ter que jogar tudo outra vez...
  • Akuma - Aquele demônio que só fala "hum!" e gosta de fazer aparecer kanjis japoneses fluorescentes em suas costas em instantes aleatórios nas lutas.
  • Dan - O lutador mais forte da SNK, aparece para apanhar mais que burro na roça.
  • Zangief - Comunista gordo e lento que tem a bizarra mania de sair em público vestindo apenas roupas íntimas.
  • Dhalsim - Um índio indiano que cospe fogo, estica os braços e come todas as gostosas do jogo.
  • Rolento - Um dos soldados do BOPE que cobra a propina para os traficantes da região.
  • Gen - Velho tarado que tem mais rebolado que poder de luta. Sonha lutar contra o Akuma. Masoquista.
  • Sakura - Pirralha fã do Ryu, conhecida por mostrar constantemente sua calcinha vermelha, ainda mantém o sonho de algum dia curar a assexualidade de Ryu, nem que tenha que transformá-lo em pedófilo na marra.