Garota hentai.gif SAAAFAAAAADO(a)!

Tava procurando putaria e caiu nesta página "sem querer", não é?! Pelo menos feche a porta do quarto e divirta-se!

Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
Discionario em png.PNG O Descionário possui um verbete sobre Bacanal
Uma suruba.

Cquote1.svg Fui convidado pruma tal suruba. Não pude ir, Maria foi no meu lugar. Depois de uma semana ela voltou pra casa, toda arregaçada, não podia nem sentar... Cquote2.svg
Mamonas Assassinas sobre suruba.
Cquote1.svg Eu gosto de 3 comigo, sozinha. Cquote2.svg
Bruna Surfistinha sobre suruba.
Cquote1.svg Esse pé que tá em cima é teu, e o que tá embaixo é meu. Cquote2.svg
Carioca confundindo suruba com trem lotado.
Cquote1.svg Reunião da geral. Cquote2.svg
Minhoca sobre Suruba.
Cquote1.svg Experimente com moderação. Cquote2.svg
Ministério da saúde sobre suruba.
Cquote1.svg Tô fazendo amor... com oito pessoas! Cquote2.svg
Alexandre Pires sobre suruba.
Cquote1.svg Que safadeza, rapá! Cquote2.svg
Kiabbo sobre suruba.
Cquote1.svg Falar de suruba é sacanagem. Cquote2.svg
Sandy sobre suruba.
Cquote1.svg Sacanagem, nudez, masoquismo, lascívia, baixaria... bacanal! Cquote2.svg
Sr. Omar sobre citação acima.
Cquote1.svg Na União Soviética, a suruba faz VOCÊ!! Cquote2.svg
Reversal Russa sobre Suruba
Cquote1.svg Eu já participei de uma suruba, mas não lembro de quase nada, fiquei de costas o tempo todo... Cquote2.svg
Você sobre suruba.
Cquote1.svg Não fui convidado Cquote2.svg
Você sobre sobre suruba global em Fernando de Noronha.

A suruba é uma modalidade sádica de Montinho feita sem roupa. Também é conhecida como "Roleta Sul-Africana", por ser semelhante a Roleta Russa pelo fato de você pegar numa pistola, por na boca e apertar o gatilho, além de você poder sair fodido, com uma bala na testa ou um vírus na jeba. A diferença é o país de origem que na africana, a pessoa torce pro tiro ser disparado.

DefiniçãoEditar

 
Suruba entre animais.

O dicionário Aurélio define suruba como sendo toda e qualquer manifestação afetiva grupal desde que seja realizada sob a óptica da sacanagem. É feita com homens, mulheres, indecisos, animais, frutas, objetos roliços, etc.

Uma estratégia militar usada, talvez, nos tempos primordiais da vivência do ser humano. Na Antiguidade, o ser humano vivia em pequenos grupos sociais. A humanidade lentamente descobriu o fogo, o barco, a roda, e logo depois a famosa suruba, quando o ser humano finalmente pôde povoar a terra, criando gente necessária para criar cidades, construir pirâmides, muralhas e ídolos, e fazer guerras, além de, obviamente, inovar putarias nas horas vagas.

Importante:

  • Com 1 pessoa a suruba vira masturbação.
  • Com 2 pessoas a suruba vira sexo convencional e decente.
  • Com 3 pessoas a suruba não é suruba, é sacanagem...
  • Com 4 pessoas a suruba ainda não é suruba, mas tá quase. Se forem dois casais é swing.
  • Se houver um número desigual de machos e fêmeas o negócio virou pura putaria.
  • Acima de 50 pessoas, animais e/ou frutas, a suruba vira lenda.

CaracterísticasEditar

 
Outra suruba, num hentai mangá, e pela primeira e última vez, Naruto se deu bem.

É conhecida em pequenas e poucas piadas ditas por aí no Brasil e talvez no mundo todo, onde você junta uma galera, seja amigos, família, colegas, emos, gays, heteros, virgens, safadas, putões ou o que for pegando um objeto giratório e formando um grupo antes ou depois. Com o depender dos 2 vértices do tal objeto, estes terão que realizar sexo com o outro. Em um modo vulgar, é conhecido pelo fato de encontro de pessoas em livre extravagância entre eles, podendo haver uma relação recípocra sendo 3 em 1, três mulheres em 1, o que for. Resumindo: Uma putaria total.

Praticantes ilustres desta modalidadeEditar

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar