Abrir menu principal

Desciclopédia β

Universidade Federal de Rondônia

Universidade Federal de rondônia foi uma universidade criado por macacos para ensinar outros macacos como fazer coisas de rondonienses.

Índice

HistóriaEditar

 
Parece uma igreja velha, mas acredite, se fosse uma tava em melhores condições.

Fundada no início do século XX por imigrantes chechênos, acreanos e seres de outros planetas imunes a malária e dengue, os primeiros professores da UNIR, na verdade, vieram para a construção da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré (que ligava o purgátorio ao inferno), e por não terem se tornado dormentes na ferrovia ou sido enterrados no cemitério da candelária acabaram por arrumar um emprego que lhes pagaria um pouco menos do que estavam acostumados a receber quando eram pedreiros: professor universitário. A Universidade Federal de "Rondonha" é uma das pioneiras da Amazônia Meridional-Oeste-Central quando o assunto é educação de índios, beradeiros e ribeirinhos. Até a década de 70 (do século XX), a UNIR era considerada a melhor Universidade do Brasil, mas com a chegada dos sulistas comedores de piolho e cuiabanos, expulsos pelo Governo Federal e por Capitão Nascimento das suas regiões nativas, a situação da UNIR se agravou. Aliado aos acreanos (sim, parece que eles existem), os sulistas comedores de piolho dominaram a UNIR com suas tradições culturais roubadas de países europeus e implataram na universidade o seu regime fascista-esquerda-neoliberal, causando a falta de professores, água, comida, papel higiênico e salas de aula.

VestibularEditar

O Processo de Seleção dos novos "alunos" é realizado em 3 fases:

  • Na primeira fase o vestibulando responde 60 perguntas sobre temas relacionados à pesca com lança, agricultura rudimentar, pecuária, índios, queimadas, desmatamento, tirar leite do pau, e história reginal que inclui as usinas do madeira e problemas no asfalto da cidade;
  • Na segunda fase os alunos devem produzir uma redação sobre temas importantes para a Sociedade Ocidental Porto Velhense como por exemplo "A importância do Shopping para a burguesia de Porto Velho"," A importância do BBB para a economia global", "Pequenas Igrejas, Grandes Negócios" em homenagem a Edir Macedo, um dos sócios-fundadores da UNIR ou sobre o possível motivo da universidade ter sido criada num lugar tão distante e insalubre;
  • Na terceira e a última etapa os vestibulandos devem experimentar a comida do refeitório, os salgados dormidos do Gigabite, a sopa "Teoria de Lavoisier" (onde nada se perde, tudo se reutiliza) e, por último, a água dos bebedouros da UNIR. Considerada por muitos alunos a fase mais complicada do vestibular e a que mais mata reprova, a terceira fase seleciona apenas aqueles alunos capazes de "apreciar" tantas iguarias da alta gastronomia "UNIRense" e também aqueles que conseguem obter um vínculo afetivo com as adoráveis Amebas e Bactérias.

DCEEditar

O Diretório de Cerveja e Engov (DCE) é responsável por ser a voz dos presidiários alunos dentro da instituição. Uma intituição muito respeitada dentro da UNIR, o DCE sempre foi incubido de realizar as greves dentro da universidade que sempre resultaram em porra nenhuma ganhos para os estudantes que sempre comemoram a vitória tomando muita cerveja e usando drogas com grandes discursos. Fundado por Raimundo Chávez Morález Trótsky Tito Guevara da Silva, o Diretório é disseminador dos ideais de democracia, sendo ligado a diversos partidos, como o PESA (Partidos dos Estudantes sem Álcool), PJSB (Partido Jamaicano sem Beque), PLCSP (Partido da Liga dos Camponeses Super Pobres) e o PEGL (Partido dos Evangélicos Gays e Lesbicas). Atualmente, o DCE está com aquela plaquinha escrita "VOLTO LOGO", algo que nunca acontece.

CursosEditar

  • Administração: Um dos cursos mais sem graça importantes presente no núcleo de ciências sociais, pois você aprende várias matérias inúteis e fascinantes utilizadas para cuidar do que é dos outros (o Administrador não ganha bem o suficiente para ter bens próprios).


  • Ciências Contábeis: Curso muito comum entre aqueles que conhecem apenas as quatro operações básicas da matemática. Sua profissão atualmente está em extinção, pois estão sendo substituidos por máquinas de calcular básicas que podem ser compradas por R$ 1,99 na loja da esquina. Entre as disciplinas iniciais encontram-se cálculo de soma, cálculo de subtração e tabuada básica. No final do curso você estuda matérias mais complexas como cálculo de multiplicação e cálculo de divisão, além de métodos para burlar o Imposto de Renda.


  • Ciências Econômicas: Conhecido popularmente como Economia, é um curso voltado para quem quer economizar seu desvalorizado dinheiro. O bacharel deste curso pode ser nacionalmente conhecido como "o cara que aparece no Jornal Nacional para falar sobre desemprego". Durante as aulas você aprenderá tudo sobre nada e nada sobre tudo, dentre outras matérias. O economista pode, em poucos segundos, supor uma solução para um problema que não existe ou imaginar uma solução impossível de ser implantada para resolver os problemas da pobreza mundial.


  • Direito: Muito requisitado para aqueles que não são canhotos, o curso de Direito da UNIR é um dos mais procurados por jovens desocupados que querem agradar aos pais. Normalmente é feito por aqueles que já possuem familiares no ramo para poder se escorar ou por pessoas que sonham em se tornar servidores públicos. Por 5 anos os iludidos alunos estudam materias como Teoria Geral do Direito, Teoria da Conspiração, Ciência Politica, Criminologia (para se tornar um possível CSI), Direitos Humanos (para aprender como enganar uma pessoa), Economia, Português, Chinês, Mandarim e Latim (a lingua dos cachorros) para que no futuro se tornem advogadozinhos de porta de cadeia brilhantes defensores dos oprimidos legalmente, desencantados por se tornarem profissionais liberais.


  • Engenharia Civil: A mais comum das engenharias, tipicamente feita por jovens que não sabem a porra que querem da vida mas acham que são bons em matemática.Durante 5 anos, os futuros pedreiros estudam disciplinas como ArgamassaI, Concreto, Tijolos 4furos,6 furos e 8 furos.Depois de formado, um Pedreiro Estudado irá trabalhar em projetos super duráveis, como o edifício Palace II e a passarela em frente a Faro.Futuramente,os formandos poderão ganhar alguma licitação super-faturada do governo estadual, algum muito comum em Roubônia Rondônia. É o único curso de engenharia que você ao concluir a graduação ao mesmo tempo já concluiu o mestrado: mestre-de-obras.


  • Engenharia Elétrica: Uma das áreas mais pesadas da engenharia, com diciplinas como eletronabo eletromagnetismo, sinais, controle e sistemas, cálculos de energia e reciclagem de cobre, cujo objetivo final é ensinar os alunos a desencapar fios (segundo eles fio tem capa, pois não é laranja para ter casca), emendar fios, soldar fios, fazer gambiarras, gatos, e principalmente, muito fio terra. Os formados nessa área são os responsáveis por todo o nosso péssimo sistema de distribuição de energia, incluindo aqueles piques de luz que queimam seu computador e faz você perder todas as fotos de pornografia do seu HD. Segundo os engenheiros civis, os engenheiros eletricistas só sobem na vida quando vão trocar lâmpada de poste, o que é totalmente verdade.


  • Engenharia Florestal: Os profissionais dessa área calculam com eficiência o tempo que uma árvore leva para atingir o chão, quando tombada (só vejo essa razão para estudarem cálculo). Estudam durante anos para se tornar lenhadores engenheiros do mais alto gabarito, destruindo a mata nativa para que possam fazer o projeto de uma plantação de maconha eucalipto e esperar anos para vender tudo para alguma grande indústria de celulose.


  • Engenharia da Pesca: Os alunos deste pseudo-ramo da engenharia estudam 5 anos matérias básicas como: Cálculo I, II, III, IV, V, VI, "Forever" e ao "Infinito e Além", e específicas como: Zoofilia Aquática, Bubônica Botânica aquática, Maricologia Malacologia, Minhoca I e II, Água Salgada e Água Doce, além de aprenderem várias maneiras de como utilizar uma vara de pescar. Tudo isso pra no final se formar um Chico Bento só pesca o dia inteiro na roça do Nhô Lau.


  • Engenharia Ambiental: É uma versão light da engenharia que forma os famosos "Engenheiros Jardineiros" que, por não serem importantes para nada, acabam trabalhando nas mesmas funções que outros tipos de engenheiros pela metade do salário. A peculiaridade dessa área é a existência de indivíduos do sexo feminino, raridade em cursos onde se aprende matemática. Diz a lenda que serão os engenheiros do futuro, mas esse futuro aparentemente está muito longe...


  • Engenharia de Alimentos: Segundo muitos ignorantes entusiastas é uma das engenharias mais leves que existem. É um curso feito para as meninas que tentaram vestibular para o curso de nutrição mas que optaram por um curso "alternativo". Muitos ignorantes entusiastas acham também que eles "só pegam disciplinas de outros cursos de engenharia". Além disso, para muitos ignorantes entusiastas, os cursos de "tecnólogo" possuem mais cálculos que a engenharia de alimentos, isso por que os ignorantes entusiastas são ignorantes doutores em engenharia. Basicamente o que eles fazem é cozinhar criar novos alimentos para que as pessoas comam muito e fiquem todos obesos enquanto eles ficam ricos possam se deliciar com as guloseimas da vida moderna. Eles também tem como função fazer aquelas torres de leite condensado nos supermercados.


  • Informática: É o curso onde se aprende a jogar CS counter strike dentre outros jogos. A maioria dos recem saídos do ensino médio acadêmicos, entram neste curso com o intuito de aprender a fazer jogos em Java, ou outra linguagem que rode em seu PC. Com a falta de computadores material de estudo as matérias são adaptadas para: Trucologia I,II,III, Vagabundagem I,II além dessas há as matérias de Introdução à Jogos em Rede, Banco de Dados sim também joga-se dados além de Trucologia , Estrutura da Cachaça, pois todos os dias há uma rodinha próximo ao bloco de Informática. Todos os outros cursos vão até os informatas para jogar pois o cassino é livre. O famoso gato conexão entre vários computadores é bastante utilizado para a durabilidade da carga do notebook, material indispensável para jogos em rede durante as aulas, aperfeiçoando a matéria de Introdução à Jogos em Rede pré-requisito para as demais matérias.


  • Psicologia: É o curso com a maior quantidade de mulheres da UNIR (não necessariamente bonitas) e os poucos homens que existem, bem, são "coloridos" ou são paulinos. Os seguidores de Freud dizem que estudam na UFRO (Universiade Federal da Região-Oeste - SP) e se acham estudantes de um curso importante. As más linguas dizem que os estudantes de psicologia usam drogas alucinógenas(orégano, cogumelo do Mario Bros, catchup, gasolina e o almoço da UNIR) como formas de acessar o inconsiente de seus cobaias pacientes.


  • Enfermagem: É o famoso curso onde se encontram os renegados de medicina. Composto 100% por mulheres (na verdade nem todas são mulheres segundo os conceitos biológicos), o curso se destaca pela capaciade, após a graduação, dos formandos serem badecos dos médicos. Alguns dizem que existiu uma estudante que sempre quis fazer enfermagem, mas a informação nunca foi confirmada oficialmente.


  • Medicina: É o lugar onde encontramos o maior número de cuiabanos em rondônia, já que os goianos roubaram suas vagas no Mato Grosso. Dividem a estrutura de saúde com a FIMCA, São Lucas e agora FACIMED, porém, a prioridade são para os que pagam, ficando os alunos da UNIR tendo aula com o faxineiro sobre Saúde Hospitalar e com as Atendentes sobre RH na Medicina.