Abrir menu principal

Desciclopédia β

Vamos pensar um pouco

Cquote1.png Aaaahhh... precisa mesmo? Cquote2.png
Guria retardada sobre Vamos pensar um pouco.

Vamos pensar um pouco...

Vamos pensar um pouco é quando aquele narrador de Telecurso 2000, diz essa frase para chamar todo mundo de burro, que não lembram que o cérebro foi feito para pensar. Ele é melhor que o narrador da sessão da tarde, bem melhor, mas é irritante quando diz essa frase, pois pode lembrar que a maioria é bem idiota... Ou não, apenas é por falta alimentação e hábitos adequados, sei lá, mas que chama todo mundo que está vendo ou ouvindo, de burro, é verdade.

Precisa chamarEditar

 
Vamos pensar um pouco...

Esse narrador, você pensa que ele não deve ter culpa em dizer isso, apenas cumpre ordens de quem organiza, mas ora, ele não faz parte da equipe, sendo um dos mais importantes? Pois se concordou sem sugerir algo diferente, deve achar mesmo que a maioria para ligar o cérebro e pensar, precisa de um convite. Para piorar, não é só a frase dele, mas ainda tem um reforço com aquela escultura de O Pensador, tirando coisas da cebeça, ou seja, ainda precisa de

 
Vamos pensar um pouco...

imagens indicando que parte deve ser usada, mas ainda não termina aí: Como a burrice é muita, O Pensador na tela auxiliando a frase, ainda não basta para entenderem que é para pensar, nem a pose em que ele está e tudo o mais, para indicar, ele ainda tira coisas da cabeça (não é piolho, são ideias), pois claro, senão ainda podem pensar que é para ir fazer cocô, devido a posição em que ele está e concentrado... Jisuis...

Se precisa tudo isso para que os telespectadores pensem, imagine que ideia não fazem deles. O narrador com aquela voz, é muito dahora, mas já ofende, mas ainda precisa de imagens... Mas ainda não terminaram as ofensas: Ele diz isso apenas para explicar cálculos dos mais simples, que nem quando você está com sono em uma aula e o(a) professor(a) é ruim, sente difuculdade, não é em nada daquelas partes mais elaboradas não. Depois você faz uma cara de bunda e se pergunta porque ele chamou para pensar ao invés da explicação simplesmente continuar, se era algo tão simples, que até mesmo eu e você, não sentimos dificuldade?

E ainda as imagens do pensador, junto com a chamada? A resposta é bem simples e direta: Está chamando o telespectador de lesado... Mas deve ser isso, então: Eles devem pensar em pessoas que tem uma parte do cérebro faltando, alguma síndrome grave, já são senis e com alzeimer ou algo assim... Mas nada disso, pelo restante do programa percebe que eles falam às pessoas de inteligência média, e com nenhuma espécie de retardamento, não é preciso estar mordendo a blusa (estando além ou bem além da fase de bebê), nem nada disso.

Mas... Vamos pensar um poucoEditar

 
Vamos pensar um pouco...
 
Vamos pensar um pouco...

Por que deliberadamente, aquele narrador chama os telespectadores de imbecis ou idiotas por tabela, ao inves da explicação seguir sem o convite a pensar? Deve ser de propósito, ou eles mesmos acham que o programa é tão chato, que mesmo que a explicação for bem feitinha, a pessoa pode ter vontade de dormir, mas então esse ilustre narrador, deveria dizer vamos acordar ou algo assim, e seria menos ofensivo, além disso, se acham o programa chato, ele nem é tão chato assim, há coisas bem piores no horário nobre e não no início da manhã como é esse Telecurso. acho mesmo que até muita coisa imbecil do horário nobre poderia trocar de lugar, mas esses programas, em geral novelas chatas, mas tem outras bostas, nem chamam ninguém para pensar, coisa ue daí sim, poderia ser necessário... Ou não, já que se a pessoa pensar acaba não vendo aquilo.

A voz do cara é legal a entonação ótima, fica muito bom, no iníco, na explicações e tals, tem muito professor que está bem alí pertinho e tem a voz difícil de suportar por algum motivo, ou daí sim, dá sono, mas quando ele interrompe a explicação e você acha que agora vai aparecer uma reportagem de rua ou algo assim, mas então ele diz vamos pensar um pouco, dá vontade de dizer que a carne de burro não é transparente tão burra assim. Como sempre, tudo poderia ser pior, ele poderia dizer Vamos pensar muito... Daí sim, não precisaria mais nada.