WarioWare D.I.Y.

Virtualgame.jpg WarioWare D.I.Y. é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, Navi fica enchendo o saco de Link.


Cquote1.svg Você quis dizer: Jogos Mortais Cquote2.svg
Google sobre WarioWare D.I.Y.
Cquote1.png Experimente também: Super Mario Maker Cquote2.png
Sugestão do Google para WarioWare D.I.Y.

WarioWare: D.I.E
WarioWareDIY Box Art.png

Capa da versão do inferno

Informações
Desenvolvedor Não intendo
Publicador Não intendo
Ano 2009
Gênero Editor de jogos
Plataformas Nintendo DS
Avaliação o mesmo do Flappy Bird
Idade para jogar livre

WarioWare D.I.Y. é um editor de fazer micro-minigames, o sétimo WarioWare. Diferente dos outros wariowares, nesse você monta o seu próprio joguinho chato que pode ser compartilhado no miiverse através da internet de 1kb da Nintendo, só que não funciona desde 1900 e bolinha.

Segundo os próprios criadores dessa bosta, eles alegaram não querer inventar minigames e resolveram esperar para o público cria-los e se divertir com o que eles próprio criaram, e funcionou.

Wario querendo você para fazer o jogo dele.

EnredoEditar

Dr. Crygor, o eggman das séries de Wario, está dormindo como pedra e começa a sonhar que está olhando O Chamado, Samara sai da TV em direção ao doutor louco e ele acorda assustado. Com esse susto ele morre cria um jogo chamado Mario Artist que é um editor de incríveis dejetos fecais. Na manhã seguinte, as sete da manhã, Wario vai a casa do Dr. Crygor para incomoda-lo com sua TV de tubo quebrada. Junto com o conserto de sua TV, o jogo do Mario Artist vem junto como brinde (até porque era uma porcaria), e Wario novamente pensa em enriquecer vendendo copias desse jogo no camelô da praça de Diamond City.

JogabilidadeEditar

EditorEditar

O jogo extremamente focado em montar micro-minigames, já que o último jogo Warioware não tinha quase nada ao se comparar com os outros da série. Os gráficos fazem pensar que está jogando num SNES, e por isso já houve confusões de estarem jogando Mario Paint do que um jogo do Wario, além disso o jogo permite criar quadrinhos de porcos como Porco-Aranha, do Porco Espinho Azul, além de você, claro.

 
Jogo feito no editor.

Antes de meter a mão na massa o felizardo deve fazer as 6 mais entediantes etapas que o jogo te obriga a fazer para saber todos os segredos e obscuridades da maquina de fazedora de games. Na área gráfica o jogador tem um Paint para fazer a cara de bonecos ou do resto de sacanagem que queira fazer. Há também a possibilidade de mover os personagens pelo cenário pela programação BASIC.

Também se pode criar música com um piano 8-bit a lá Mario Paint, e a possibilidade de utilizar o microfone do DS para fazer uma música de fundo com os seus gemidos. Outras funcionalidades incluem o lançamento de seus jogos na internet e para concurso com prêmios como medalhas de plástico.

ClássicoEditar

Apesar do jogo apelar apenas para a escravidão de seus consumidores, existe o modo clássico que contém 18 joguinhos feitos pela própria Nintendo, em uma maneira de agradar as pessoas que não querem perder tempo criando jogos feios. Assim como os outros da série, esse também conta com as historietas dos personagens.

 
9 Volt levando um xingão da mãe dele por jogar Fortnite o dia todo.