Abrir menu principal

Desciclopédia β

We Are Not Your Kind

Medinho do escuro.jpg Este artigo se trata de um álbum

E já teve milhares de cópias vendidas! (ou não).

Conheça o resto da playlist clicando aqui.

Emblem-sound.svg.png We Are Not Your Kind
Slipknoia
We are not your kind.jpg
Capa
Lançamento agosto de 2019
Produtora Anal records
Tipo New Metal (ou não)
Featuring {{{feat}}}
Duração 63:29
Album Anterior: 5:The Gay Chapter
Album Seguinte: ?


Cquote1.png Mas que merda de álbum... Cquote2.png
Chris Fehn sobre We Are Not Your Kind
Cquote1.png Concordo... Cquote2.png
Joey Jordison sobre citação acima
Cquote1.png Concordo também. Cquote2.png
Fantasma de Paul Gray sobre citações acima
Cquote1.png The spiders coming side by side, two by two and night by night Cquote2.png
Corey Taylor sobre aquela velha lenda de que as pessoas comem aranhas durante o sono, uma lenda que circula desde os tempos do primeiro álbum do SOAD

Cquote1.png Old does not mean dead!New does not mean best! Cquote2.png
Corey Taylor sobre as músicas de atualmente


We Are Not Your Kind, ou então Nós Não Somos do seu tipo, é o sexto e mais recente álbum da banda de mascarados Slipknoia Tonkpils Slipknot, lançado em 9 de agosto de 2019. É o segundo disco dos membros Jay Weinberg, batera que substitui o anão Joey Jordison desde 2014 após este ter sido demitido, e o baixista Alessandro Venturella, que substitui Donnie Steele, que por sua vez substitui o presunto Paul Gray após este ter morrido (O RLY?) em 2010. Além disso é o primeiro disco sem o percursionista Pinóquio Chris Fehn, após este ter contado mentiras (que talvez fossem verdades, não sabemos) sobre seus ex-colegas de banda, o que acabou custando seu emprego e sua única fonte de renda.

Sobre essa merdaEditar

A banda começou a trabalhar nesse disco mais de 8.000 anos após o lançamento do disco anterior e depois de suas   edições do festival Knotfest, e inclusive alguns membros afirmaram que esse disco poderia ser o último da banda (ainda bem). Muita coisa se especulou á respeito desse disco, afinal os caras não falaram absolutamente PORRA NENHUMA sobre a produção desse disco, o que levou muitos a duvidarem se o disco realmente estava sendo produzido.

Em 2018 a banda pesou os fãs de surpresa ao lançarem a música All Out Life, o que fez com que os fãs enlouquecessem e começassem a guardar suas mesadas que ganhavam dos pais para comprar esse disco. Uma tremenda enganação, já que a música, aliás, uma puta duma música foda, não foi incluída no álbum, que é uma merda por completo. Não se sabe se a banda irá lançar um novo disco, ou se a banda vai continuar, e se sim, por mais quanto tempo, visto que alguns de seus membros já chegaram aos 50, e estão velhos e gordos (vide Clown)

FaixasEditar

  • Insert Coin (insira a moeda no cofrinho) - 1:38
  • Death Because of Death (morte por causa da morte) - 1:20
  • Critical Darling (Querida crítica, escrita em homenagem ás criticas negativas recebidas desse álbum) - 6:25
  • A Liar's Funeral (O funeral do Pinóquio, após este bater punheta e pegar fogo) - 5:27
  • Red Flag (Bandeira comunista) - 4:11
  • What's Next (O que está por vir?) - 0:53
  • Spiders man (Miranhas)(Nota:Não confundir com a música do System of a Down, ambas não possuem porra nenhuma a ver além do nome) - 4:03
  • Orphan (A Órfã) - 6:01
  • My Pain (minha dor, ui) - 6:48
  • Not Long For This World (Não vou ficar muito tempo nesse mundo, vou embora pra Marte) - 6:35

Duração total: 1 hora e nove minutos

CuriosidadesEditar

 
Tua mãe desencoraja seções de curiosidades, mas nós não ligamos a mínima! Sob as políticas da Desciclopédia
Mas bem que esta seção pode ser aproveitada integrando-se piadas decentes às seções mais adequadas.
Cada curiosidade pode render uns bons parágrafos, então faça direito!
 
Chris sendo educado com seus ex-colegas.
  • Como dito anteriormente, primeiro disco sem o batedor de latão Pinóquio, após ter sido demitido ao perceber que fazia trabalho escravo na banda
  • A música A Liar's Funeral foi escrita para ser cantada no funeral de Chris Fehn, caso ele acabe virando emo (ok, essa piada em 2019 não se encaixou muito bem) e se suicidando por não estar mais na banda

  Todo Mundo Odeia o Chris  
Qualquer um sobre citações acima

  • Primeiro álbum onde os caras que entraram na época do The Gray Chapter são considerados membros definitivos e que possuem 1% de importância na banda, já que no começo eles comiam as migalhas deixadas pelo resto dos caras da banda
  • Esse é o álbum, onde o originalmente noneto, depois de se tornar septeto, se torna sexteto
  • O substituto do Chris é um cara que atualmente é desconhecido pelo público, já que os membros acharam que seria daora esconderem a identidade dele pro mundo para não o apedrejarem se descobrissem que ele está na banda e é conhecido simplesmente pelo nome de Tortilla Man (Homem-Tortilha, fiel aliado da Mulher-Taco)
  • Dependendo do futuro, este pode ter sido o último álbum do Slipknot.

  ALELUIA!  
Eu sobre citação acima