Abrir menu principal

Desciclopédia β

Whatever

Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg

Whatever é uma música do grupo de shitpop britpop, Ogaysis. É uma das poucas músicas da banda que não faz nenhuma referência ou contém plágio dos Beatles, mas em compensação tem da sua paródia, os Rutles.

Índice

HistóriaEditar

 
A banda nas gravações da música

A música foi composta por Noel Gallagher, o guitarrista da banda. Papai Noel teve uma infância díficil, já que sua mãe era do tipo controladora e não deixava o filho fazer nada do que queria. Por isso coisas como fumar maconha, se masturbar, assistir a MTV e outras coisas que todo jovem de sua idade fazia Noel tinha que fazer fora de casa ou escondido da mamãe, para não ser pego e levar umas boas palmadas no fundilho.

Desde cedo Noel já levava jeito para a música, e sempre gostou muito de rock e principalmente blues, mas sua mãe, uma carola ultra religiosa, queria obrigar o filho a entrar pro coral da igreja e não deixava ele ouvir as músicas que queria, queimando todos os seus discos por serem "coisas do diabo" e para "purificar a casa dos "espíritos ruins que as músicas traziam".

Foi assim durante muitos e muitos anos, até que com o sucesso do Oasis, Noel finalmente pode comprar uma casa própria e se livrar das garras de sua mami. Se sentindo livre pela primeira vez na vida, ele resolveu escrever uma música sobre seu sentimento de liberdade, com o refrão sendo "Eu sou livre pra ser o que eu/O que eu quiser/E vou cantar o blues se quiser", uma versão politizada de seus rascunhos iniciais, que eram "Tô livre porra/Vai tomar no cu sua velha/Vai ter blues sim, e se reclamar vai ter folk também!".

Alguns porém dizem que Noel é membro da Liberal Party e escreveu essa música pra deixar os conservas ingleses putos da vida. Mas isso é só boato.

ClipeEditar

 
Como forma de agradecimento a Coca-Cola até fez merchan para a banda

O clipe da música foi gravado na nova casa que Noel comprou. Como ainda não tinha sido decorada, serviu perfeitamente como plano de fundo. As gravações foram feitas com uma câmera velha e um cinegrafista amador, o que explica a péssima original qualidade do vídeo. Para a parte da orquestra, colocaram uns atores com instrumentos que fingiam que sabiam tocar e sorriam o tempo todo. Isso explica o porquê deles não aparecerem mais do que 5 segundos no vídeo. Em meio a banda tocando, efeitos especiais a lá Sony Vegas e fotos tiradas com uma Polaroid passam no meio do clipe.

Na cultura popularEditar

Sabe nas propagandas da Coca-Cola aquela musiquinha chata de violino que servia como plano de fundo? Pois é, é essa música. Agora que você já sabe o nome pode riscá-la da sua lista de "Músicas legais que eu não sei e nem nunca saberei o nome" após anos e anos de pesquisa em vão.

Ver tambémEditar