Demon's Souls

Virtualgame.jpg Demon's Souls é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, Ryan Cooper ganha do Nate Denver.


Cquote1.svg Você quis dizer: Morrer para caralho Cquote2.svg
Google sobre Demon's Souls
Cquote1.svg Você quis dizer: Jogo hardcore para Polystation 3 Cquote2.svg
Google sobre Demon's Souls
Cquote1.png Experimente também: Jogar pra caralho Cquote2.png
Sugestão do Google para Demon's Souls
Cquote1.svg Aff! O jogo é muito difícil! Cquote2.svg
Noob sobre Demon's Souls
Cquote1.svg Jogar isso é um pecado! Cquote2.svg
Crente sobre Demon's Souls
Cquote1.svg Somente para Polystation Cquote2.svg
Caixa do jogo sobre Demon's Souls
Cquote1.svg Eu tenho medo Cquote2.svg
Regina Duarte sobre Demon's Souls
Cquote1.svg Dá para ficar quieta? Quero ler o artigo porra! Cquote2.svg
Leitor qualquer ao ler a frase acima

Demon's Souls
Demon's Souls cover.png

Capa do jogo

Informações
Desenvolvedor FromSoftware
Publicador Sony Computer Entertainment, Atlus, Namco Bandai
Ano 2009 d.C.
Gênero RPG Versão Hardcore
Plataformas PC
Avaliação Muito bom! Recomendo!
Idade para jogar 17+ (Sangue, Violência, Demônio, entre outros)

Demon's Souls é um jogo de RPG (Role Para Ganhar) exclusivo para Polystation 3 de acordo com a capa, apesar do seu sucessor espiritual ter para Xcaixa também. É um jogo muito interessante como teste de paciência, e seu tutorial honesto está ali para você ter a noção exata de como várias horas de sua vida serão desperdiçadas ali. Foi desenvolvido pela Das Ondas Macias e publicada pela Atlas e Clony.

JogabilidadeEditar

 
O seu cavaleiro luta contra inimigos em busca da glória. E não, você não é o gigante.

Demon's Souls é um jogo amplamente conhecido por sua facilidade. O jogo é tão fácil que, em um mês, se você não o tiver lançado o CD do jogo pela janela como se fosse um frisbie, você ainda estará no tutorial sendo assassinado sem parar por esqueletos e zumbis.

Tá achando que pra matar os monstros demoníacos é só apertar até a morte quadrado, quadrado e quadrado? Não, não é como outro jogo RPG. Tem que lutar contra os monstros (até o zumbi mais pé-rapado) tendo cuidado constante, defendendo, se movendo, atacando um vez, senão vai apanhar e perder todas as suas alminhas. É... aquelas alminhas que você se mata para adquirir ao matar monstrinhos sacanas você perde tudo ao morrer, e o único jeito de recuperá-las é voltar onde você morreu, mas se morrer de novo aí não tem jeito de recuperar as almas que iria recuperar anteriormente. Tudo é propositalmente frustrador. Os bosses nem se fala então, são mais difíceis que platinar God of War: Collection.

Essa jogabilidade peculiar destaca-se por ser muito bem equilibrada, pois como você é só um peão qualquer qualquer, o inimigo mais foleiro equipado com uma arma inicial é sempre capaz de, com apenas um único tiro o deixar no final de sua vida, enquanto você terá que esvaziar toda a sua barra de resistência para remover metade da energia do zumbi foleiro (e ainda estamos falando sobre os inimigos iniciais ). Para os chefes, esse problema não surge, eles o matam só de olhar para você.

Neste jogo, mesmo com um grau de sorte igual a mil você encontrará apenas ervas de merda e alguns escudos quebrados, e quando tiver a sorte de encontrar algum item legal, ele não será adequado para a sua classe, então serão muitas horas com as mesmas armas merdas.

Percebe-se, portanto, que é Demon's Souls busca trazer realismo. A barra de stamina está ali para ninguéma char que está num God of War. Na primeira fase (nem passei essa maldita fase!) tem uns zumbis negões com cara de leproso armados com espadinha enferrujada ou pedaço de pau, e para tomar menos dano, tem o "escudinho" que você começa no jogo, mas conforme vai defendendo a stamina vai acabando e quando acaba você se fode bonito. É claro que até correndo (tem que correr pra caralho para não ser pego pelas pragas) e atacando gasta stamina. Além disso, para subir de nível precisa juntar alminha demoníaca e vender para o diabo usar no seu abrigo de emergência conhecido como Nexus.

EnredoEditar

Você começa com um tutorial "mixo", que antes de completá-lo, aparece um monstro MUITO forte que parece ser o Jô Soares possuído pelo espírito do Exu Caveira. Após surrado você acaba no Nexus, um abrigo onde mora os NPCs que te ajudam ao longo da jornada.

O jogo se passa numa terra distante onde um rei fodão chamado Allant, o décimo segundo de seu nome, conseguiu canalizar o poder das almas, e com isso ele trouxe prosperidade ao seu reino, e também, muitas festinhas rave com direito a bebidas, prostitutas, DJs, funkeiras e show de mágicas. Num belo dia, porém, o Rei Allant encheu a cara mais do que devia numa das suas centenas de festas rave, e bebendo mais do que tinha direito começou a fazer uma porrada de merdas, dentre elas, ele pegou as mulheres de quase todos os seus amigos, e sabemos que isso não se faz, já causando antipatia desde então.

Em uma dessas festinhas, quando ele já estava mais do que chapado, Allant gritou pra todo mundo "Aí galera, olhem só o que eu sei fazer!", e ele usou o poder das alminhas pra deixar a festa ainda mais louca, mas como ele estava bebendo álcool por vários dias consecutivos, teve uma diarreia alcoólica que causou na festa uma névoa bem volumosa. Como a festa tava muito louca, todo mundo pensou que aquela névoa era de maconha, e de fato parte da névoa era, mas era uma maconha muito mais poderosas que o comum, deixando os convidados muito mais doidões. A brisa foi tão forte que logo os participantes da festa perceberam que essa névoa separou o reino de Boletária do restante do mundo.

Todo mundo que estava na festinha nunca mais conseguiu sair de Boletária, reino que recebeu esse nome pelo motivo peculiar de que suas festas rave se pagam através de boletos bancários. Muitos entraram em Boletária, mas todos aqueles que entraram nunca mais foram vistos e, portanto, nunca conseguiram retornar, isso devido a proporção que a festa estava tomando, já estava parecendo até aquele filme doido do cara que dá uma festa que foge do controle.

No entanto, um homem chamado Vallarfax conseguiu finalmente sair da festinha, mas apenas depois de comer várias mulheres gostosas e recusar todos os cigarros de maconha e cerveja Heineken que lhe ofereciam. Vallarfax contou ao mundo sobre o que estava rolando em Boletária, e ele disse que o Rei Allant não queria parar a festa nem fudendo, e como a festa já estava rolando há semanas ele acabou sendo mandado embora do trabalho por justa causa, e que a festa não ia parar nem fudendo. Se algo não fosse feito, aquela festa rave ia se estender pelo mundo inteiro e toda a população do planeta ia ficar chapadona pra sempre com aquela fumaça de maconha.

Como se isso não fosse o suficiente, até os capetas que estavam debaixo do Nexus (sua safehouse no jogo) começaram a participar da festinha, e devido a maconha poderosa, eles devoraram os cus de todos que estavam ali presentes, e todos que tiveram o seu cu arrombado por um demônio, também teve a sua alma arrombada, e como resultado, todos aqueles que tiveram um oco em seus rabos se tornaram agressivos pra caralho e com fome de cu. Aos poucos, a humanidade foi aceitando essa expansão da festa rave de Boletaria e a menos que alguém fizesse alguma coisa, toda a humanidade pereceria por causa de um rei irresponsável que quer expandir a festinha dele e com demônios comendo o cu de todo mundo, junto com a alma.

É então que um bravo guerreiro ou guerreira surge, você, que vai trazer a moralidade e os bons costumes de volta ao mundo e vai por um fim nessa putaria dos demônios toda. Você encerrará de vez essa festinha rave e dissipará toda a fumaça de maconha. Ou se tornará o rei do camarote e vai comer todo mundo na festa no final alternativo. A decisão é sua!

ClassesEditar

A diferença entre as várias classes é só o nome, com qualquer uma o seu destino é morrer.

Como a maioria dos RPG's, o joguinho também possui classes, mas a diferença não é grande já que todas as classes podem usar todas as armas (puta criatividade!), então o idiota escolhe Hunter mas quer ser Mago, então ele pode ser-lo normalmente, mas com pequenas diferenças (eu acho que só Julius se incomodaria com as diferenças) que podem ser para você insignificantes.

PersonagensEditar

  • Maiden in Black - Ex-participante da orgia criada pelo Rei Allant, num momento de empolgação tomou várias gozadas na cara numa cena de bukkake mas esqueceu de fechar os olhos, por isso ficou cega. Ela é a "Fire Keeper"/"Plain Doll"/"Sculptor's Idols" do Demon's Souls. Você nunca pode se livrar dela, não importa o quanto você a maltrate, ela nunca reagirá e sempre o perdoará. Uma esposa ideal.
  • Ostrava de Boletaria - Um maldito, um dos personagens mais odiados do jogo, você fará um grande esforço para salvar a vida desse infeliz repetidas vezes sendo que ele poderia muito bem ficar na segurança do Nexus e, em troca, você vai ganhar itens sem utilidade. Ele morrerá por tentar ser um herói (ou, provavelmente, por sua mão), momento em que ele entrega a você uma chave que poderia ter te dado sem problemas desde o primeiro encontro, por isso meus queridos jogadores, não perca seu tempo e o mate na primeira oportunidade, ou deixe ele morrer. Para sua má sorte, uma vez morto, você o encontrará antes do último chefe, como o Black Phantom.
  • Yurt, the Silent Chief - Como o nome dá a entender, não acrescenta em nada.
  • Sage Freke, the Visionary- Um dos tantos NPCs idiotas que habitam esse jogo, você o salvará de uma cela onde ele estava preso há mil anos, e receberá como recompensa uma pequena adaga útil apenas para aparar os pelos do cu. Quando ele vai ao Nexus você descobrirá que, ao contrário do que ele lhe disse sobre ser um velho inútil, ele é um mago que te ensinará magias em troca de almas (só magias fracas que não usam as almas dos chefes). Após essa descoberta você provavelmente o matará sem muitos arrependimentos.
  • Yuria, the Witch - Outro personagem ingrato, essa donzela ensinará a você magias muito mais poderosa que a de Freake, mas ela só pedirá a alma dos chefes.
  • Patches, the Hyena - O maldito que conecta Demon's Souls e Dark Souls, porque é o inconfundível careca que não sai da pose de cagar. Está sempre enrascado e fodido, mas caso seja salvo e consiga chegar ao Nexus, vai vender itens a preços abusivos.
  • Biorr, of the Twin Fangs - O único personagem que demonstrará gratidão se tornando útil de alguma forma. Ele ajudará o jogador a combater 2 chefes, chamando a atenção deles e sendo massacrado em seu lugar. Com toda a honestidade, é o único NPC que eu deixaria vivo (não por muito tempo, dada a sua armadura... que vale a pena pegar para si).