Desnotícias:Malta imita Brasil e leva 7-1 no bozó em casa no jogo com a Croácia

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

Num dia de muitas goleadas, Malta e Croácia se enfrentaram pela penúltima rodada das eliminatórias da copa no estádio para peladas de fim de semana Estádio Nacional de Ta' Qali. Enquanto os malteses estão jogando a eliminatória por pura formalidade e falta de entretenimento para o seu povo preguiçoso, os croatas brigam pau a pau (sem pederastia!) com a Rússia pra ver quem se classificará diretamente ao mundial no Catar. A informação inusitada é a de que Luiz Felipe Scolari foi o auxiliar secreto do treinador de Malta Devis Mangia mostrando como deveria escalar o elenco, e que a estratégia era se espalhar feito ciganos pelo campo e tentar fazer falta, mas já que era ele o resultado esperado aconteceu, 7-1 fora o estupro, os malteses esqueceram do treinamento defensivo porque simplesmente esqueceram de treinar, estavam jogando Fortnite pelo visto.

Primeiro tempo

O desastre começou com Perišić logo no começo pra dar uma animada, em seguida o zagueirão cara de cabaço Ćaleta-Car fez 2-0, e Malta num cruzamento diminuiu graças a um gol contra tão escroto de Brozović que a equipe achou que viraria o jogo com mais dois contra dele, mas depois Pašalić e Modrić ainda no primeiro tempo enterraram mais duas varas veiudas em Malta.

Segundo tempo

A essa altura o goleiro Henry Bonello já estava passando pro lado da Croácia e nem fazia questão de defender mais, com 2 gols de Majer e 1 de Kramarić a enrabada terminou e poderia ter sido bem mais se caso Sidão fosse o goleiro de Malta. Com a vitória a Croácia vai a 20 pontos e jogará a "final" do Grupo H com a Rússia diante de sua torcida quadriculada e bêbada no estádio Poljud neste domingo enquanto Malta vai cumprir tabela contra a Eslováquia em casa e espera ao menos conseguir cestas básicas para crianças com Hepatite com a partida.

FonteEditar

Compartilhe