Home Alone (Super Nintendo)

Virtualgame.jpg Home Alone (Super Nintendo) é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, Kiryu Kazuma para pra comer lamen numa lanchonete de Kamurocho

Home Alone é um câncer anal em formato de jogo de videogame que supostamente deveria ser baseado no famoso filme Esqueceram de Mim mas que na verdade é um jogo sobre um moleque que pratica furtos contra a própria casa. O jogo foi desenvolvido pela Imagineering, uma empresa especializada em fazer jogos merda e o resultado não decepcionou, foi uma merda de jogo.

Esqueceram de Mim The Game The Shit
Home Alone SNES cover.png

Capa do jogo

Informações
Desenvolvedor Imagine a bosta
Publicador PQP
Ano 1991
Gênero Simulador de pilhar a própria casa
Plataformas Super Nintendo
Avaliação 2/10
Idade para jogar Livre

JogabilidadeEditar

Neste jogo controlamos um pivete que supostamente deve se chamar "Kevin" e nosso objetivo é coletar porcarias dentro de nossa própria casa e quando a mão fica cheia depositar esses valores através do buraco da lavanderia que leva os itens para uma passagem secreta num cofre no subsolo da mansão. Cabe ao jogador vasculhar estantes, vasos sanitários, banheiras, pias, prateleiras, sofás, geladeiras e todos os móveis da casa na busca de objetos valiosos, furtando a sua própria casa no processo.

O sistema é em plataforma 2D e os inimigos são bandidos pedófilos num jogo o qual sua única arma é uma pistolinha de água que serve pra porra nenhuma. Nesse mundo alternativo Kevin foi atropelado por um caminhão quando bebê e precisou ter metade de seu cérebro removido, por isso ele não tem o mesmo QI do Kevin dos filmes, portanto nada de armadilhas ou truques para pegar ladrões, apenas correr e pular pra lá e pra cá feito um completo retardado mental sem metade do cérebro.

EnredoEditar

 
Macaulay Culkin precisando enfrentar uma assombração nos porões de sua casa. Deve ter sido alguma cena deletada de Esqueceram de Mim.

Aparentemente o jogo se trata de uma fanfic do filme Esqueceram de Mim não possuindo portanto qualquer correlação com os eventos do filme em questão. Neste universo alternativo, Kevin é um cleptomaníaco sem cura que foi abandonado pela família que não vê salvação nesse menino que também demonstra sinais de retardo mental. Uma vez sozinho em casa, Kevin percebe que sua casa foi invadida por ladrões e decide que o melhor a se fazer numa ocasião como esta é sair correndo pela própria casa coleta pilhando castiçais de ouro, sacos de dinheiro e anéis de esmeraldas. Definitivamente há algo de muito estranho nessa casa, pois os pais de Kevin escondem pizzas pela casa, há pizzas nas estantes, nos quadros, e até no vaso sanitário. Mantendo a pegada mais fanfic do que algo baseado em filmes, os bandidos invasores não são apenas dois atrapalhados, mas também uns 3 gângsteres adicionais e todos são one-hit-kill.

Na segunda fase Kevin passa a roubar os próprios brinquedos, uma atitude tão inusitada que os bandidos ficam até sem saber o que fazer ao ver uma criança coletando seus próprios brinquedos pela casa para guardá-los num cofre num porão.

Na terceira e última fase Kevin desce aos porões para enfrentar uma infestação de ratos e morcegos, por que não? Indo fazer o serviço que os pais não fizeram em controlar aquelas pragas. Os ratos transmitem leptospirose e os morcegos transmitem raiva, por isso é necessário muita cautela para evitar uma contaminação e morte. Após controlar a praga, Macaulay Culkin descobre que a origem daquela praga é uma aranha gigante asquerosa que aparentemente é o último chefão do jogo, mas depois que a aranha é morta uma grande revelação ocorre: Um fantasma aparece (caralho, eu realmente não lembro disso nos filmes) e tenta uma possessão demoníaca, mas Macaulay Culkin com sua pistolinha de água benta consegue fazer o exorcismo e livrar sua casa desse espírito maligno.

v d e h