Mobile Legends: Bang Bang

Lula bebado new york times maio2004.jpg Artigo ƒem imagenƒ é um porre, companhêro!!!
Eƒte artigo poƒƒui poucaƒ ou nenhuma imagem o iluƒtrando. Por favor conƒidere adiƒionar novaƒ imagenƒ para deixá-lo maiƒ intereƒƒante. Porque nunca anteƒ na Hiƒtória deƒta Deƒciclopédia foram adiƒionadaƒ tantaƒ imagenƒ...
Virtualgame.jpg Mobile Legends: Bang Bang é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, o Shadow Man faz um ritual de magia negra.


Cquote1.svg Você quis dizer: Lol para celular? Cquote2.svg
Google sobre Mobile Legends
Cquote1.svg Você quis dizer: Teste de paciência? Cquote2.svg
Google sobre Mobile Legends
Cquote1.svg Na União Soviética, VOCÊ que luta pelo o herói Cquote2.svg
Reversal Russia sobre Mobile Legends
Cquote1.svg Nossa que legal, acho que vou jogar Cquote2.svg
Você sobre Mobile Legends
Cquote1.svg Meu deos que time batata vééééi Cquote2.svg
Você meses depois sobre Mobile Legends

A cópia do Lol para celulares
Joguinho de poderzinho online
Mlbb capa.jpeg

A logo do jogo

Informações
Desenvolvedor Moonton
Publicador Moonton
Ano 2016
Gênero MOBA de celular
Plataformas Bot Verde
Avaliação 80%
Idade para jogar Livre pra toda família, melhor ainda para os de pavio curto.

Mobile Legends é um jogo para telemóveis desenvolvido pela MercenáriaTon e atualmente é um dos mais popular de sua categoria, ao lado do próprio Lol de celular da empresa Tietê Games, sendo também a mais acusada de plagiamento por essa mesma empresa.

É relativamente mais atraente que os demais MOBAs por ser superior em vários aspectos mas também não perde para o lag e a toxicidade dos jogadores, como em qualquer outro MOBA.

Ponto Geral do JoguinhoEditar

Mobile Legends é um típico MOBA que, assim como os outros, tem o objetivo de destruir uma estrutura, chamada "Nexus", do seu inimigo e proteger o seu. Você lutará usando um herói ao lado de outros quatro bot's jogadores e, a não ser que seja jogada por noobs, uma partida dura em média 15 minutos (ou não).

Com o tempo, o jogador acabará tendo a obrigação que conhecer todas as habilidades e passivas de cada herói e também todos os atributos e passivas dos itens da loja, além de saber realizar 'picks' e 'bans' corretamente, assim como também ter uma noção de estratégia digna de Sun Tzu porque PUTAQUEPARIU esse jogo é tenso. E qualquer coisa fora deste padrão é motivo de jogadores com fogo nos dedos (talvez em outro orifíco também) concluir que você está trolando e terá o chat a todo vapor com mensagens "agradáveis", e de brinde será reportado.

Mas o importante mesmo é não feedar seu adversário e saber fazer 1v5 sem suar para seu time ficar observando em estado contemplativo, consequentemente perdendo o objetivo e também a partida.

JogabilidadeEditar

A jogabilidade em si é pragmática e viciante, tem animação fluída e trilha sonora agradável, mas a única (e a mais importante) questão que deixa o jogo a desejar é o lag, pois não importa se você tenha um Xiaomi de última geração ou usa a Internet da NASA, o jogo simplesmente trava e você recebe a honra de ser o First Blood e/ou apresentar "reconectando" e cada luta que você entrar.

Modos de JogoEditar

  • Clássico: Basicamente é o que o Moba é em si, o modo de partida padrão de equipe 5v5 (ou que aparenta ser), onde você precisa unicamente carregar as mula do seu time e destruir o Nexus.
  • Rank: É a mesma coisa do modo clássico mas com um sistema de banimento, para tanto tirar os heróis 'balanceados' do jogo quanto dibrar a mente noob do time adversário para pegar esses mesmos heróis.
  • Rixa: Um modo de jogo onde você basicamente já faz naturalmente, mas com mais frequência: lutar sem parar e feedar.
  • Magic Chess: Inspirado em mais uma das coisas da Riot, o Magic Chess é basicamente um outro jogo dentro do Mobile Legends no qual se baseia num xadrez automático onde (literalmente) tudo o que você precisa fazer é melhorar suas peças, colocá-las em campo e assistir tediosamente o que ocorre. Esse modo veio de uma modinha desse tipo de categoria que foi popular por algum tempo, no entanto a Moonton esperou pacientemente essa moda enjoar o público para, assim, lançar essa porcaria modalidade que só ocupa espaço no celular.

HistóriaEditar

Poucos se importam com a história do jogo e até mesmo você. A história no mundo do jogo conta sobre um lugar legal que acontece todo tipo de putaria de drama e é chamado de "A Terra do Amanhecer".

Nesse palco onde você é o espectador ocorre uma guerra que, de tempos em tempos, os demônios ficam enchendo o saco com as outras raças, e os produtos desses conflitos se dá pela existência da maioria dos heróis e de suas histórias.

Alguns dramas se desenvolvem sob contextos e situações totalmente aleatório, como é o caso de Yi Sun-Shin e sua aventura do One Piece e Zhask que vem da fimose espacial.

HeróisEditar

Diferentemente dos campeões do LoL (que podem perder, e fica errôneo "derrota" e "campeão" na mesma frase, sendo que isso não é desculpa pra não dizer que é idêntico ao lolzinho, e para de perder tempo lendo isso), os chamados heróis são os personagens jogáveis deste Moba, mas faz mais sentido quando você passa a chamá-lo de "boneco".

Cada boneco pode ser incrível ou uma porcaria (dependendo de quem o pega), e alguns são tão bons que não importa o quão nerfado seja o boneco ou quão ruim seja o jogador, eles sempre serão roubados, SEMPRE.

De todo modo, muitos desses 'heróis' possuem muita semelhança com os campeões do LoL, confira a descrição de todos os heróis listados aqui:

  • Akai: Um balof-, um panda que atuou como como Po em Kung Fu Panda e está fazendo bico aqui devido ao desemprego.
  • Aldous: É a versão da deepweb e mais realista do Saitama.
  • Alice: Um demônio de sangue com fogo no rabo muita sede de vitalidade.
  • Alpha: Um cara com um dispositivo de VR na cara.
  • Alucard: Não, não é o Alucard de Hellsing mas tá valendo, é o DemonSlayer da Terra do Amanhecer.
  • Angela: Uma boneca que ganhou vida e se libertou do porão de lolis.
  • Argus: Um anjo caído e sem orgulho do que é.
  • Atlas: Um tipo de robô controlado por um polvo (ou um alien do primeiro Crysis talvez).
  • Aurora: É a versão da Elsa sem uma irmã pra encher o saco.
  • Badang: JoJo após se tornar um monge.
  • Balmond: Um Berserk aleatório que bebeu o SANGUE dos demônios de sangue para ganhar poder e libertar seu povo desses demônios, é desnecessário dizer que deu errado, né?
  • Bane: Plágio do Davy Jones copiado na cara dura mesmo.
  • Barats: Um acreano montando no seu T-rex.
  • Baxia: Um cara que consegue ir de pneu.
  • Beatrix: Uma engenheira meia doida que precisa de quatro armas diferentes pra se defender, parecendo os jogadores de frifas
  • Belerick: Uma árvore humanoide que queria saber porque o povo da Terra do Amanhecer não consegue não parar de queimar as florestas.
  • Brody: Um Zé ninguém que ninguém lembra na histório, mas muito roubado com o braço dele ( ͡° ͜ʖ ͡°)
  • Bruno: Um ex-paraplégico com pernas de ciborgue e sua bola de energia para não deixar o Palmeiras ter mundial, mas parece que falhou...
  • Carmilla: Ela fez parte de uma digna novela da Globo, apaixonada incondicionalmente por Cecílion e lutando contra tudo e todos.
  • Cecílion: Um vampiro emo depressivo que chega a evitar contato desnecessário com outras pessoas em sua vida pessoal, mas o jogo virou quando conheceu Carmilla. É cada cantada elegante que parece ser necessário um indivíduo muito macho pra jogar com esse boneco.
  • Chang'e: Ela literalmente vive no mundo da Lua, é uma boa loli e possui um coelhinho fofinho.
  • Chou: É um dos poucos heróis que se garante na porrada.
  • Claude: Um tipo de pilantra que possui um histórico de vida digno de GTA.
  • Clint: É um xerife barra pesada, tem que ter um psicólogo bem forte se não quiser ser abalado (e não ser "papel" também).
  • Cyclops: É uma aberração que chega a distorcer sua vista no entanto, diferentemente de relatos tradicionais, é basicamente um nanico que lança bolhas pra te matar.
  • Diggie: Um cuco que constrói relógios cucos para matar Você, um tipo de Fizz diria...
  • Dyrroth: É a definição de contraste, nascido entre os humanos como um principe mas capturado por demônios e também indicado como o príncipe deles, foi treinado ao estilo espartano e se tornou megalomaníaco.
  • Esmeralda: Uma maga de aparência bem atraente e usa mini-luas para roubar sua defesa contra a paixão.
  • Estes: Um elfo com um tipo de codex, é bem simpático e odeia demônios.
  • Fanny: Figurante tirada diretamente de Shingeki.
  • Faramis: É um dos muitos heróis que decaiu em desgraça e acabou se tornando um necromante.
  • Franco: Eis que o Blitzcrank fosse um humano, então… voilà.
  • Freya: Como o próprio nome diz, ela é a deusa do amor, dando muito amor na surra que você tá tomando dela.
  • Gatotkaca: Um gladiador dos deuses totalmente aleatório colocado na Terra do Amanhecer.
  • Gloo: Estranhamente sendo pronunciado como "Gru", é um slime gigante que faz aquilo lá, sim... é isso mesmo.
  • Gord: É tipo o surfista prateado, porém é azul.
  • Granger: Um indivíduo com cara de psicopata e que carrega uma arma, cuidado com ele!
  • Grock: É um amontoado de pedra ser de raça antiga não muito convidativo na Terra do Amanhecer.
  • Guinevere: É uma princesa do tipo nobre orgulhosa e mimada, gosta muito de pular em cima de você, literalmente.
  • Gusion: É um galã e gado na visão de qualquer mulher, sempre dando investidas porém sem sucesso aparente.
  • Hanabi: Ela é a definição do ciúme alheio ou da sua namorada (caso tenha uma).
  • Hanzo: Um ninja do clã do pulmão preto que possui um super câncer por todo o seu corpo, até a sua espada também tem esse câncer.
  • Harith: É o resultado entre o cruzamento de elfos e "gatos", além de fofo é também o preferido pelas(os) shotacons.
  • Harley: Um jovem nanico que gosta de cartola e jogos de azar.
  • Hayabusa: O Kakashi da Terra do Amanhecer.
  • Helcurt: É o que acontece quando fazemos experiências com um rato de laboratório sobre radiação.
  • Hilda : A bichona mais macho da Terra do Amanhecer e possivelmente mais macho que você.
  • Hylos: É um centauro com o abdômen mais trincado dentre os todos os bonecos.
  • Irithel: Uma duende que tem um tipo de tigre como sua montaria, e circula um rumor que passou a gostar dos cogumelos da Nana.
  • Jawhead: É um robô sequestrador de crianças.
  • Jhonson: É um transformer do Uber.
  • Kadita: Uma sereia gananciosa e vingativa, faz parte de uma raça 'divina'.
  • Kaja: Uma ave em pele de galinha... Não pera...
  • Karina: Uma herege que salvou uma BRUXA, morte aos hereges, queimem-na na fogueira.
  • Karrie: Sendo mais um de raça 'divina' que quis se intrometer na vida dos outros na Terra do Amanhecer.
  • Khaleed: É a sósia do Aladin.
  • Khufra: Uma múmia e… parece que é só isso mesmo.
  • Kimmy: Uma heroína sem futuro e que usa uma arma de paintball achando que é uma arma de verdade.
  • Lancelot: Um herói de aparência meio aviadada e um exemplo de que ser gado pode ocasionar a morte.
  • Lapu-Lapu: Um soldado tribal badess que poucos ousam enfrentar.
  • Layla: É um minion extra a Jinx, pórem ela fez Proerd.
  • Leomord: Um incrivel cavaleiro desossegado que foi "revivido" como um morto-vivo, juntamente de seu cavalo Barbiel.
  • Lesley: É uma heroína de aparência e estilo de roupa pirata, além de ter Chuunibyou.
  • Ling: Assim como Lancelot, possui uma aparência delicada e é o herói mais livre do jogo.
  • Lolita: Classificável como uma loli, é uma elfa baixinha que defende seus aliados de projéteis.
  • Lunox: Uma Lux bem modificada e mais dinâmica, porém ela só fica de decoração na história da Terra do Amanhecer.
  • Luo Yi: Uma maga de moral forte e ensina bem que se aglomerar, dá merda.
  • Lilya: Mais uma loli, porém essa é malvadinha e a preferidinha de um certo público aí.
  • Martins: Um metaleiro totalmente aleatório da Terra do amanhecer.
  • Masha: É essa mesmo que você está pensado (ou não), que após crescer decidiu brincar de ser uma heroína.
  • Mathilda: Uma indígena com base de características brasileiras e americanas (ou seja, é afrodescendente e esbelta), é a queridinha do Clint.
  • Minotaur: Um Minotauro sem o "o" no final do nome.
  • Minsitthar: Não sabe-se quem é de tão esquecido que está no jogo.
  • Miya: Uma elfa sendo fiel ao estereótipo de sua raça usar, de forma clássica, arcos.
  • Moskov: Um cidadão de Chenobyl que veio para a Terra do Amanhecer.
  • Natália: É uma assassina ao estilo Assassins Creed.
  • Odette: É uma xxx fazendo cosplay de cisne, e também a mulher pelo qual o Lancelot acabou sendo precoce.
  • Paquito: É um chou 2.0, vai no solo te quebrar na porrada franca e sair com escudo de sobra.
  • Pharsa: Ela tentou seguir e fazer o mesmo enredo que a Firekeeper, mas não curtiu muito não… mas isso se tornou um bom material para Hidetaka Miyazaki e que será mostrado somente no Dark Souls IV.
  • Popol e Kupa: Uma criança com um lobo de estimação.
  • Rafaela: A irmã gêmea do Argus e, em comparação rápida com seu irmão, ela é basicamente o HTML5 em relação ao Adobe Flash.
  • Roger: O agiota mais sério da Terra do Amanhecer.
  • Ruby: A chapéuzinho vermelho da Terra do Amanhecer, e também é outra vítima de Chuunibyou.
  • Saber: Um herói ambicioso e tapado que em busca de derrotar seu rival, perdeu sua humanidade e suas memórias, é basicamente o Soldado Invernal só que na arte da espada.
  • Selena: É a irmã da Karina e é também uma BRUXA, os templários estão loucos atrás dela, morte às bruxas. (OBS: infelizmente o autor deste artigo acabou sendo amaldiçoado a ser um eunuco, F).
  • Silvanna: A irmã do Dyrroth, sempre usando sua lança como uma broca.
  • Sun: Mamaco que aprendeu kage bunshin e gosta de fazer macaquice (tá bom essa foi ruim, eu sei…).
  • Terizla: Um demônio (ex-humano) que busca vingança. Parece meio errôneo chamar de herói, mas enfim... segue o roteiro.
  • Thamuz: Um demônio badess que comanda um exército e segue fielmente a lei da sobrevivência, seja forte se quiser ganhar.
  • Tigreal: É um dos heróis clássicos do jogo e um Tank de respeito.
  • Uranus: Conhecido como "Uranuxx" ou também como "O INFELIZ QUE NÃO MORRE" para os íntimos.
  • Vale: Um elemental do Vento que se move rápido pra caralho.
  • Valir: Um elemental, mas das Chamas, possui todos os tipos de ego e é recomendável para a maioria das pessoas.
  • Vexana: Uma outra cidadã de Chenobyl, após nadar em lixo radioativo acabou virando o que é agora.
  • Wanwan: É uma gatinha bem ágil (embora seja um outro tipo de demi-humana, mas enfim... e eu sei que você perdeu tempo lendo isso e ainda continua lendo...).
  • X-Borg: Aparenta ser do clube do Coringa, afinal gosta de criar caos e fazer bagunça para outros indivíduos.
  • Yi Sun-Shin: É de fato um verdadeiro herói, tirado possivelmente de um dos milhões de figurantes de One Piece.
  • Yu Zhong: É como um cara de um típico Isekai, recebeu as memórias de um ser fodástico e ao mesmo tempo vem sendo corroído e dominado pelo mesmo, mas no fim vence com sua força e fica parecendo aqueles protagonistas de alma samaritana.
  • Zhask: É o auge da fimose, transcendendo o cancer do Hanzo bricando. Sendo ele um ser dimensional que veio participar do drama desse mundo.
  • Zilong: Um dos muitos motivos do porque que a Riot acusa o jogo de plágio.

Sistema de RanksEditar

Um modo comum dos MOBAs de classificar os jogadores por sua habilidade é através de ranking porém, diferente dos demais MOBAs, traz consigo um tratamento contra algumas doenças sérias dos jogadores atuais. Confira abaixo as divisões:

  • Guerreiro: Aqui é a iniciação dos jogadores e é considerado o elo mais inocente do jogo.
  • Elite: É a extensão dos Guerreiro e não muda muita coisa.
  • Mestre: É o início das "trolagens" (mas bem sutis), aqui os jogadores começam a desenvolver arcaicamente alguma noção de rotação e as "táticas da moitinha".
  • Grande-Mestre: Aqui é o choque de realidade para os jogadores novatos, onde os mesmos começam a reformular sua maneira de jogar e também a própria mentalidade.
  • Epíco: É considerado o esgoto do jogo, é necessário ter um alto nível de defesa psíquica, pois você vai passar muita, mas muita raiva nesse elo.
  • Lenda: Aqui temos os primeiros sinais de bons e dedicados jogadores, é neste elo em que aparece e começa a cura para os cornos e emos, porém com efetividade muito longe do ideal.
  • Mítico: É a divisão entre ferro e ferrugem, a partir daqui o jogador sobe seu elo por pontos, semelhante ao Pdl do lolzinho. O efetividade da cura contra emos e cornos aumenta exponencialmente.
  • Glória Mítica: É o auge do Sistema de Ranqueamento, aqui você abandona a subdivisão de elos e prossegue unicamente através de pontos. Aqui também é o limite da eficácia da cura da cornisse e da emonidade.
  • Verdadeiro Mítico: É a supremacia (mas não o limite) do elo Mítico, aqui é o porque do jogador de nutrir seus anos de vida para essa merda o jogo, e todos esses anos de muito sofrimento é para, finalmente, desbloquear um efeito de purpurina no seu molde de elo na tela de carregamento.

ComunidadeEditar

A comunidade de jogadores de Mobile Legends é uma versão "lite" da comunidade de League of Legends, aqui eles trocam palavras amigáveis sobre sua jogabilidade como “seu lisho”, “ttttt da tttt”, "to*** n* **", dentre outros. Também ajudam os novatos a saberem jogar com heróis que eles desconhecem e reporta-los se jogarem mal prosseguirem da melhor maneira possível.

A maioria dos jogadores de Mobile Legends são pessoas que, diferentemente dos Frifreiros e dos Lolzeiros, trabalham ou são namorados de plantão, isso mesmo que você leu. É GENTE.

Dizem até que este jogo pode reverter chifres e possivelmente retomar uma vida social, mas há riscos como o de custar a própria sanidade mental e aumentar exponencialmente sua depressão, hipertensão, e adquirir muitas doenças crônicas e psicológicas.

Jogadores Latinos NotáveisEditar

Como um jogo consolidado no mercado e com uma comunidade antiga e expressiva, muitas pessoas tentaram criar e popularizar sua fama pessoal dentro dessa comunidade, seja por zoar um herói ou a própria empresa por meio de memes ou então, principalmente, por abrir lives intermináveis a custo da longevidade dos streamers. Confira alguns abaixo:

  • ILoveWinter: Em tradução livre "Eu choro muito", é um antigo e popular jogador que fez sua fama se tornando o melhor (ou não) jogador do héroi Gusion do país e também com a aneroxia mais extrema do mundo. Atualmente, transferiu-se para o Wild Rift com a premissa que seria melhor que os outros MOBAs atuais e lhe renderia uma boa receita. Na época do lançamento do Mobile Legends, disseram a mesma coisa.
  • Stark: É considerado o melhor jogador de assassinos do Brasil-sil-sil e traz um ar de mistério por nunca revelar sua aparência e tão pouco sua voz (embora haja um rumor que já tenha falado, mas isso é apenas um rumor.)
  • Ybig: É o jogador mais tóxico e capitalista disperso do jogo, ganhou fama jogando com um trio que venceu 100 partidas seguidas (embora um dos membros tenha acabado sendo pego por hack, mas isso é outra história) e atualmente vive de agiotismo de suas próprias lives.

CampeonatosEditar

Os campeonatos tradicionais de Mobiles Legends são organizados e executados em 99% nos países oceânicos, principalmente na terra dos Vulcões devido ao feitiche da Moonton por ilhas. Os campeonatos recebe patrocínios de empresas mundialmente conhecidas (como Comgaste e 51), sendo esses eventos para ver uma boa jogatina de vários indivíduos desnutridos e/ou com insônia.

A Moonton também organizou um torneio mundial conhecido como M1 em 2019, valendo uma mãe e no qual foi realizado com diversos clãs noobs com jogadores mais noobs ainda.

No Brasil, os campeonatos era por muito tempo realizado e visto por anônimos um público basicamente invisível, até ser reconhecido (ou não) pela Moonton em 2020. Nesse mesmo ano foi organizado e realizado um torneio nacional para selecionar o melhor clã do Brasil-sil-sil para um novo mundial que seria realizado no ano seguinte em meio a uma gripezinha que todo mundo já sabe.

A nova "copa" de Mobile Legends, a M2, nos rendeu uma derrota pior que o 7 a 1 do futebol: jogando 10 partidas e perdendo todas elas seguidamente, trolando com picks mais exóticos do que os próprios trols.

No fim, a M2 teve o final menos emocionante do que os próprios torneios locais dos Asiáticos.

Legalizado?Editar

Um ano depois do lançamento do jogo, a Riot ficou apreensivo sobre o domínio do Mobile Legends sobre o campo dos celulares e tomou a medida de lançar uma enxurrada de processos (parecendo a Viih Tube) contra a Moonton.

Por isso, a pergunta que não quer calar é: Este jogo fere direitos autorais, sim ou não? Para responder essa questão, a Desclopédia utilizará o método da INF(Instituto Nacional do Fodasse) sobre veracidade de propriedade intelectual e que é o mais confiável do mundo e, dessa forma, confirmaremos o caso para ver se o choro da Riot é gratuito ou fundamentado.

  • Tem heróis baseados no lolzinho?

  Sim, quase todos os heróis de Mobile Legends parecem semelhantes aos do lolzinho.

  • Tem um mapa semelhante ao lolzinho?

  Sim, embora seja mais compacto e bonito, não dá pra disfarçar de onde é a fonte, não é mesmo?

  • Tem um sistema de ranking semelhante?

  Claramente, Só porque os nomes são diferentes e tem uma subdivisão a mais, não quer dizer que seja 100% original.

  • Tem outras modalidades de jogo semelhante ao lolzinho?

  Tem, O Magic Chess do Mobile Legends é parecido aquele modo de jogo do xadrez mágico lá... Enfim, É SEMELHANTE.

  • A empresa responsável não admitiu que é plágio?

  Sim, no entanto a Moonton foi bem convivente e até mesmo disse que tem direitos legais reservados em diversos países, podendo aplicar também o método da Viih Tube na Riot, ou seja, Metaforado ao inverso.


Podemos concluir com essa avaliação que embora o jogo pareça ser (quase) 100% fraudado, o peso da palavra é o que vale, tanto que a Riot foi humilhada rejeitada pelo Tribunal de seu país de origem sobre o caso e se manteve assim desde então. Mas como este assunto é antigo e um papo de sujo falando do mal lavado, não há moral na história (ou tem).

A Tencent (o patriarca da Riot) também se intromete nessa treta para se aproveitar da situação e levou a melhor, custando a Moonton alguns milhões, ou seja, dinheiro de pinga.

Resumindo, não há como inferir o lado certo nessa bagaça por que não existe (até por que quem se importa? queremos apenas jogar).

Ver TambémEditar

Causador de cornisse

  Conheça também a versão oposta de Mobile Legends: Bang Bang no Mundo do Contra:

 
v d e h
Bem vindo à Terra do Amanhecer