Seleção Russa de Futebol

Este artigo foi feito por quem já ganhou Copa do Mundo

Copa Trofeus.JPG

Morra de inveja MWAHUAHUAHUAH!

Urss
União de Futebol da Rússia.png
Lema: Gelo, Neve, Vodka e Comunismo
Local: Qualquer um não sendo os EUA
Confederação: UEFA
MELHOR Resultado: San Marino 0 x 7 Rússia em San Marino (07/06/1995); Liechtenstein 0 x 7 Rússia em Vaduz (08/07/2015)
PIOR Resultado: Alemanha 16 x 0 Império Russo em Estocolmo (01/07/1912)
Fornecedor: Abibas
Apelido: Os Sovietes
Ídolos: Lev Yashin, Andrey Arshavin
Mascote: Urso soviético, sinalizador
Hino: Vitas 7th Element 2002
Títulos: Olimpíadas de 1956 e 1988, Eurocopa de 1960 (todos como União Soviética)


Cquote1.svg Malditos! Vocês vão pagar! Cquote2.svg
Seleção Montenegrina de Futebol sobre o incidente do sinalizador em 2015

Seleção Russa de Futebol são as sobras da antiga Seleção Soviética de Futebol fundada portanto oficialmente em 1991 sob tratado de que todos jogadores mais ou menos descentes da Geórgia, Bielorrússia e Quirguistão deveriam naturalizar-se russos, o que culminou na fraqueza eterna de todas outras ex-seleções soviéticas.

Imagem que mostra a amigável relação entre Rússia e Montenegro.

Uma das coisas que os russos mais adoram fazer quando entram em torneios de competitividade mediana à difícil é ser eliminado precocemente na primeira fase por alguma seleção inacreditavelmente nada expressiva e vencendo uma ou outra partida quando não vale mais nada. Outra especialidade dos russos é provar que o nível técnico de uma competição está baixa, seja tendo o artilheiro da competição mesmo com um time eliminado na primeira fase ou seja vencendo o futuro campeão do torneio na primeira fase.

Em 2020, uma bizarrice aconteceu, no dia 08 de Novembro um dos destaques da seleção Artem Dzyuba foi suspenso da seleção para as partidas contra a Moldávia, Turquia e Sérvia após um vídeo dele tocando punheta viralizar (é sério), obviamente ele postou outro vídeo pagando de santo pedindo desculpas.

Copa do Mundo de 1994Editar

Bastou a independência e a Rússia já garantiu participação em sua primeira copa do mundo. Herdando a capacidade soviética de só fazer número nos torneios não fez feio no campeonato, porque além de manter a tradição de eliminação precoce, provou o nível técnico baixíssimo daquela competição tendo o artilheiro mesmo assim, graças à goleada de 6 a 1 em Camarões com 5 gols de Oleg Salenko e 1 de Dmitriy Radchenko.

Eurocopa de 1996Editar

Mais um fracasso total com eliminação para uma seleção nada a ver, dessa vez a República Tcheca.

Eurocopa de 2004Editar

Eliminação na primeira fase mais uma ver para manter a tradição, com vitória apenas sobre a Grécia para provar o nível baixíssimo do torneio onde os gregos foram campeões depois.

Copa do Mundo de 2002Editar

Mais um vexame com a rotina de eliminação em fases de grupo, dessa vez para o fortíssimo e temido Japão.

Eurocopa de 2008Editar

Primeira participação mais ou menos descente graças às participações de grandes jogadores como Vladimir Putin, Konstantin Zyryanov e Andrey Arshavin cujo estrelismo os afastou da seleção nos anos seguintes.

Eurocopa de 2012Editar

A Rússia em poucos anos de história já foi para sua quarta figuração em Eurocopa seguida. Por que eles não desistem? E vão fazer o que sabem fazer de melhor que é invadir a Polônia e derrotar nações inimigos devido ao inverno russo.

Copa do Mundo de 2014Editar

Mesmo sem Arshavin, a Rússia jogou o mundial no Brasil, estreou empatando com a Coreia do Sul em 1-1 com Akinfeev indo com mão de bicha no chute de Lee Keun-Ho e levou um frangasso nesse jogo, depois perdeu de 1-0 para a Bélgica e na última rodada tentou em vão a classificação para oitavas mas ficou no 1-1 com a Argélia e voltaram pra casa com o rabo entre as pernas.

Eurocopa de 2016Editar

Nessa euro a Rússia ficou marcada pelo vandalismo (assim como os ingleses) e vadiagem e quase foi expulsa do torneio por causa disso. Começou empatando a 1 contra a Inglaterra, depois perdeu de 2-1 pra Eslováquia de Hamšík (que fez um puta golaço nesse jogo) e na última rodada tomou uma enfiada no furico, 3-0 do País de Gales e de novo voltou pra casa com o rabo entre as pernas.

Copa do Mundo de 2018Editar

Jogando em casa finalmente fez uma campanha decente, começou enrabando a Arábia Saudita com 5-0, depois 3-1 em cima do Egito mas no último jogo da primeira fase abriu as pregas e tomou de 3-0 do Uruguai. Chegou nas oitavas de final se cagando de medo da Espanha, mas segurou na retranca um 1-1 e venceu a Espanha nos pênaltis por 4-3 e Akinfeev se redimiu do frangasso quatro anos antes, nas quartas-de-final protagonizou um jogo maluco com a Croácia, 2-2 e os croatas venceram por 4-3 nos pênaltis, dessa vez a Rússia não voltou pra casa por que já estava em casa.

Eurocopa 2021Editar

Vai encarar Dinamarca, Bélgica e Finlândia (estreante), veremos se ao menos passará às oitavas. Ganhando ou não, a Rússia iniciou a competição com o pé esquerdo, pois logo na primeira partida, contra a Bélgica, além de terem perdido de 3 a 0 dentro de casa, o jogo foi chato que só uma porra, ninguém aguentou ver até o fim, e para piorar a torcida russa vaiou o ato antirracista dos jogadores de chocolate, algo suficiente para serem cancelados no Twitter...